E V O L U Ç Ã O
 Casa Humanitária Dr Albert Schweitzer

  ANO 12  - Nº145  Edição de Abril  2016


Feliz Páscoa! Esta é uma época em que todos devemos lembrar de coisas tão importantes como a amizade, a bondade e a fraternidade. Bens como a família ou os amigos merecem ser comemorados em todos os momentos.
É fundamental relembrar que a Páscoa é mais do que a fé na palavra de Deus e na ressurreição de Jesus. Celebre a felicidade, o carinho e a humildade em todos os momentos desta linda Páscoa.
É tempo de Páscoa, momento de celebração da vida em família, mas também de refle...xão e mudança. Páscoa é sinônimo de renascimento, de renovação, pelo que é o momento certo para refletir e fazer renascer sentimentos mais nobres.
O importante é que cada um cultive em si sentimentos bons, fraternais e altruístas. Dessa forma todos poderemos contribuir para um mundo melhor e mais justo.
A Páscoa é também uma data que simboliza o triunfo da vida sobre a morte, do amor sobre o ódio. É a época ideal para refletir sobre o verdadeiro significado da vida, e sobre a importância do amor em todos os campos das nossas vidas.
A Páscoa é, assim, tempo de celebrar o amor e triunfo de Cristo, mas também de refletir, renovar e mudar para melhor, tal como Ele nos ensinou.
As crianças e os dirigentes da Casa Humanitária desejam a todos uma feliz Páscoa, agradecendo sempre cada grão, cada afeto, cada gesto de carinho que temos recebido de amigos, colaboradores e anônimos, mostrando que há sempre um coração amigo disposto a ajudar aos menos favorecidos, lembrando sempre que é dando que se recebe. Este é o verdadeiro espírito da páscoa.


_______________________________________


MÉDICOS SEM FRONTEIRAS  


Dia 07 de abril – dia mundial da saúde

OMS dedica o Dia Mundial da Saúde em 2016 ao tema da diabetes


Assinalado dia 7 de abril, o Dia Mundial da Saúde, promovido pela Organização Mundial da Saúde (OMS), estará este ano centrado na diabetes. Entre outros objetivos, no âmbito desta campanha será lançado o primeiro relatório mundial sobre a doença, que irá "descrever o peso e as consequências da diabetes e defender a existência de sistemas de saúde mais sólidos, que assegurem uma melhor vigilância, prevenção e uma gestão mais efetiva da diabetes".
A epidemia da diabetes está a aumentar rapidamente em muitos países. Uma grande percentagem dos casos de diabetes podem ser prevenidos. A diabetes tem tratamento e pode ser controlada. A gestão da doença previne complicações. Estas são algumas das mensagens centrais da campanha. É também sublinhado que muitos setores da sociedade têm "um importante papel a desempenhar", como é o caso dos governos, empregadores, educadores, setor privado, a comunicação social, mas também cada pessoa individualmente. 

Muitas pessoas consideram-se saudáveis quando estão sem nenhuma doença, porém, a falta de enfermidades não significa saúde. Dizer que uma pessoa está saudável requer a análise de um conjunto de fatores, tais como a qualidade de vida e aspectos mentais e físicos.

Em 1946, a Organização Mundial de Saúde aprovou um conceito que visava ampliar a visão do mundo a respeito do que seria estar saudável. Ficou definido então que “a saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social e não apenas a ausência de doença ou enfermidade”.

De acordo com esse conceito, percebemos que saúde não é um estado fácil de ser alcançado, uma vez que nem todas as pessoas conseguem viver sem tristezas, sem preocupações e interagindo com o restante da sociedade de maneira harmoniosa. A saúde deve ser vista como uma forma de total bem-estar, que é conseguido não só através do tratamento de doenças ou sua prevenção, mas sim através de qualidade de vida.

De acordo com a lei 8.080 de 1990, a saúde é um direito fundamental do ser humano, devendo o Estado prover as condições indispensáveis ao seu pleno exercício. A lei também enfoca que, para ter saúde, alguns fatores são determinantes, tais como a alimentação, a moradia, o saneamento básico, o meio ambiente, o trabalho, a renda, a educação, a atividade física, o transporte, o lazer e o acesso aos bens e serviços essenciais.

Percebe-se, portanto, que todos os fatores, por mais irrelevantes que possam parecer, afetam a vida de um indivíduo e, consequentemente, a sua saúde. O papel do Estado para garantir o bem-estar da população é fundamental, pois é ele o responsável por garantir a qualidade de vida de cada indivíduo.

No dia 07 de abril comemora-se o Dia Mundial da Saúde, data criada em 1948 pela Organização Mundial da Saúde que tem como objetivo conscientizar a população a respeito da qualidade de vida e dos diferentes fatores que afetam a saúde populacional. Todos os anos campanhas são realizadas a respeito de um tema diretamente relacionado com a saúde. Essas ações são importantes para que a população aprenda a se cuidar e informe-se sobre seus direitos quando o assunto é promoção da saúde.

É fundamental que, além de cuidarmos da nossa saúde, participemos da luta por melhorias em nosso país. Vale destacar que não devemos procurar melhorias apenas em hospitais, devemos lutar por mais segurança, educação, lazer, cultura, entre vários outros direitos básicos e fundamentais para o nosso completo bem-estar.



A DENGUE MATA


Faremos aqui, uma pequena explanação,  para a nossa maior orientação, uma cartilha desse maior vilão do momento: O mosquito Aedes Aegypti. Sabemos que está em nossas mãos eliminá-lo, principalmente por saber que a dengue pode matar. Façamos diariamente a nossa parte, não deixando água parada, combater os focos, denunciar sempre às autoridades terrenos baldios, casas fechadas. Se não ajudarmos no combate, cada vez a situação vai ficando pior, pois a tendência é o mosquito sofrer mutações e vir cada vez mais forte no ataque, já estão estudando outras variedades de doenças também causadas pelo Aedes.

Dengue

O que é Dengue?  A dengue é uma doença viral transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. No Brasil, foi identificada pela primeira vez em 1986. Estima-se que 50 milhões de infecções por dengue ocorram anualmente no mundo.

Como a dengue pode ser transmitida? A principal forma de transmissão é pela picada dos mosquitos Aedes Aegypti. Há registros de transmissão vertical (gestante - bebê) e por transfusão de sangue.  Existem quatro tipos diferentes de vírus do dengue: DEN-1, DEN-2, DEN-3 e DEN-4.

Qual o tratamento para dengue?  Não existe tratamento específico para dengue. O tratamento é feito para aliviar os sintomas Quando aparecer os sintomas, é importante procurar um serviço de saúde mais próximo, fazer repouso e ingerir bastante líquido. Importante não tomar medicamentos por conta própria.

Como prevenir?   Ainda não existe vacina ou medicamentos contra dengue. Portanto, a única forma de prevenção é acabar com o mosquito, mantendo o domicílio sempre limpo, eliminando os possíveis criadouros. Roupas que minimizem a exposição da pele durante o dia, quando os mosquitos são mais ativos, proporcionam alguma proteção às picadas e podem ser adotadas principalmente durante surtos. Repelentes e inseticidas também podem ser usados, seguindo as instruções do rótulo. Mosquiteiros proporcionam boa proteção pra aqueles que dormem durante o dia (por exemplo: bebês, pessoas acamadas e trabalhadores noturnos).

Como denunciar os focos dos mosquitos?  As ações de controle da dengue ocorrem, principalmente, na esfera municipal. Quando o foco do mosquito é detectado, e não pode ser eliminado pelos moradores de um determinado local, a Secretaria Municipal de Saúde deve ser acionada.

CHIKUNGUNYA

O que é o Chikungunya?  A Febre Chikungunya é uma doença transmitida pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus. No Brasil, a circulação do vírus foi identificada pela primeira vez em 2014. Chikungunya significa "aqueles que se dobram" em swahili, um dos idiomas da Tanzânia. Refere-se à aparência curvada dos pacientes que foram atendidos na primeira epidemia documentada, na Tanzânia, localizada no leste da África, entre 1952 e 1953.  

Quais são os sintomas?  Os principais sintomas são febre alta de início rápido, dores intensas nas articulações dos pés e mãos, além de dedos, tornozelos e pulsos. Pode ocorrer ainda dor de cabeça, dores nos músculos e manchas vermelhas na pele. Não é possível ter chikungunya mais de uma vez. Depois de infectada, a pessoa fica imune pelo resto da vida. Os sintomas iniciam entre dois e doze dias após a picada do mosquito. O mosquito adquire o vírus CHIKV ao picar uma pessoa infectada, durante o período em que o vírus está presente no organismo infectado. Cerca de 30% dos casos não apresentam sintomas.

Como prevenir?  Assim como a dengue, é fundamental que as pessoas reforcem as medidas de eliminação dos criadouros de mosquitos nas suas casas e na vizinhança. Quando há notificação de caso suspeito, as Secretarias Municipais de Saúde devem adotar ações de eliminação de focos do mosquito nas áreas próximas à residência e ao local de atendimento dos pacientes.

ZIKA

O que é o Zika?  O Zika é um vírus transmitido pelo Aedes aegypti e identificado pela primeira vez no Brasil em abril de 2015. O vírus Zika recebeu a mesma denominação do local de origem de sua identificação em 1947, após detecção em macacos sentinelas para monitoramento da febre amarela, na floresta Zika, em Uganda.

Quais são os sintomas?  Cerca de 80% das pessoas infectadas pelo vírus Zika não desenvolvem manifestações clínicas. Os principais sintomas são dor de cabeça, febre baixa, dores leves nas articulações, manchas vermelhas na pele, coceira e vermelhidão nos olhos. Outros sintomas menos frequentes são inchaço no corpo, dor de garganta, tosse e vômitos. No geral, a evolução da doença é benigna e os sintomas desaparecem espontaneamente após 3 a 7 dias. No entanto, a dor nas articulações pode persistir por aproximadamente um mês. Formas graves e atípicas são raras, mas quando ocorrem podem, excepcionalmente, evoluir para óbito, como identificado no mês de novembro de 2015, pela primeira vez na história.

Observe o aparecimento de sinais e sintomas de infecção por vírus Zika e busque um serviço de saúde para atendimento, caso necessário.

Como é transmitida?  O principal modo de transmissão descrito do vírus é pela picada do Aedes aegypti. Outras possíveis formas de transmissão do vírus Zika precisam ser avaliadas com mais profundidade, com base em estudos científicos. Não há evidências de transmissão do vírus Zika por meio do leite materno, assim como por urina, saliva e sêmen. Conforme estudos aplicados na Polinésia Francesa, não foi identificada a replicação do vírus em amostras do leite, assim como a doença não pode ser classificada como sexualmente transmissível. Também não há descrição de transmissão por saliva.

Qual o tratamento?   Não existe tratamento específico para a infecção pelo vírus Zika. Também não há vacina contra o vírus. O tratamento recomendado para os casos sintomáticos é baseado no uso de acetaminofeno (paracetamol) ou dipirona para o controle da febre e manejo da dor. No caso de erupções pruriginosas, os anti-histamínicos podem ser considerados.

Não se recomenda o uso de ácido acetilsalicílico (AAS) e outros anti-inflamatórios, em função do risco aumentado de complicações hemorrágicas descritas nas infecções por outros flavivírus. Os casos suspeitos devem ser tratados como dengue, devido à sua maior frequência e gravidade conhecida.

Prevenção/Proteção

 - Utilize telas em janelas e portas, use roupas compridas – calças e blusas – e, se vestir roupas que deixem áreas do corpo expostas, aplique repelente nessas áreas.

- Fique, preferencialmente, em locais com telas de proteção, mosquiteiros ou outras barreiras disponíveis.
Cuidados ;  Busque uma Unidade Básica de Saúde para iniciar o pré-natal assim que descobrir a gravidez e compareça às consultas regularmente.
-  Vá às consultas às consultas uma vez por mês até a 28ª semana de gravidez; a cada quinze dias entre a 28ª e a 36ª semana; e semanalmente do início da 36ª semana até o nascimento do bebê.
- Tome todas as vacinas indicadas para gestantes.
-  Em caso de febre ou dor, procure um serviço de saúde. Não tome qualquer medicamento por conta própria.
Informação
- Se tiver dúvida, fale com o seu médico ou com um profissional de saúde.
-  Relate ao seu médico qualquer sintoma ou medicamento usado durante a gestação.
-  Leve sempre consigo a Caderneta da Gestante, pois nela consta todo seu histórico de gestação.

Vírus Zika X Microcefalia

O que é a microcefalia?  Microcefalia é uma malformação congênita, em que o cérebro não se desenvolve de maneira adequada. Neste caso, os bebês nascem com perímetro cefálico (PC) menor que o normal, ou seja, igual ou inferior a 32 cm. Essa malformação congênita pode ser efeito de uma série de fatores de diferentes origens, como substâncias químicas e agentes biológicos (infecciosos), como bactérias, vírus e radiação.

Já há confirmação que o aumento de casos de microcefalia no Brasil é causado pelo vírus Zika?

O Ministério da Saúde confirmou a relação entre o vírus Zika e a microcefalia. O Instituto Evandro Chagas, órgão do ministério em Belém (PA), encaminhou o resultado de exames realizados em um bebê, nascida no Ceará, com microcefalia e outras malformações congênitas. Em amostras de sangue e tecidos, foi identificada a presença do vírus Zika. Essa é uma situação inédita na pesquisa científica mundial.

As investigações sobre o tema, entretanto, continuam em andamento para esclarecer questões como a transmissão desse agente, a sua atuação no organismo humano, a infecção do feto e período de maior vulnerabilidade para a gestante. Em análise inicial, o risco está associado aos primeiros três meses de gravidez. O achado reforça o chamado para uma mobilização nacional para conter o mosquito transmissor, o Aedes aegypti, responsável pela disseminação doença.

Como é feito o diagnóstico?  Após o nascimento do recém-nascido, o primeiro exame físico é rotina nos berçários e deve ser feito em até 24 horas do nascimento. Este período é um dos principais momentos para se realizar busca ativa de possíveis anomalias congênitas. Também é possível diagnosticar a microcefalia no pré-natal. Entretanto, somente o médico que está acompanhando a grávida poderá indicar o método de imagem mais adequado. 

Ao nascimento, os bebês com suspeita de microcefalia serão submetidos a exame físico e medição do perímetro cefálico. São considerados microcefálicos os bebês a termo com perímetro cefálico menor de 32 centímetros. Eles serão submetidos a exames neurológicos e de imagem, sendo a Ultrassonografia Transfontanela a primeira opção indicada, e, a tomografia, quando a moleira estiver fechada. Entre os prematuros, são considerados microcefálicos os nascidos com perímetro cefálico menor que dois desvios padrões.

Qual o tratamento para a microcefalia?  Não há tratamento específico para a microcefalia. Existem ações de suporte que podem auxiliar no desenvolvimento do bebê e da criança, e este acompanhamento é preconizado pelo Sistema Único da Saúde (SUS). Para orientar o atendimento desde o pré-natal até o desenvolvimento da criança com microcefalia, o Ministério da Saúde desenvolveu o Protocolo de Atenção à Saúde e Resposta à Ocorrência de Microcefalia Relacionada à Infecção pelo Vírus Zika. O documento prevê a mobilização de gestores, especialistas e profissionais de saúde para promover a identificação precoce e os cuidados especializados da gestante e do bebê.

O Protocolo define também as diretrizes para a estimulação precoce dos nascidos com microcefalia. Todas as crianças com esta malformação congênita confirmada deverão ser inseridas no Programa de Estimulação Precoce, desde o nascimento até os três anos de idade, período em que o cérebro se desenvolve mais rapidamente.
A estimulação precoce visa à maximização do potencial de cada criança, englobando o crescimento físico e a maturação neurológica, comportamental, cognitiva, social e afetiva, que poderão ser prejudicados pela microcefalia.
Os nascidos com microcefalia receberão a estimulação precoce em serviços de reabilitação distribuídos em todo o país, nos Centros Especializado de Reabilitação (CER), Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) e Ambulatórios de Seguimento de Recém-Nascidos.

Ministério Saúde investiga 4.268 casos suspeitos de microcefalia no país

Já foram investigados e classificados 2.212 casos, sendo 863 confirmados para microcefalia e outras alterações do sistema nervoso central. Outros 1.349 casos foram descartados O Ministério da Saúde e os estados investigam 4.268 casos suspeitos de microcefalia em todo o país. Isso representa 65,9% dos casos notificados. O novo informe divulgado nesta quarta-feira (16) aponta, também, que 2.212 casos foram investigados e classificados, sendo 1.349 descartados e 863 confirmados para microcefalia e outras alterações do sistema nervoso, sugestivos de infecção congênita. Os dados apresentados no informe seguem a Convenção Internacional para Distribuição dos dados epidemiológicos por Semana Epidemiológica, aprovada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que são contadas de domingo a sábado. Ao todo, 6.480 casos suspeitos de microcefalia foram notificados desde o início das investigações no dia 22 de outubro do ano passado e registrados até 12 de março.  

_____________________________



11 DE ABRIL: DIA MUNDIAL DE COMBATE à DOENÇA DE PARKINSON

 

Cerca de 400 mil pessoas são portadoras da Doença de Parkinson. Conheça mais sobre esta doença.

A Doença de Parkinson atinge 1% da população mundial acima dos 65 anos, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). Só no Brasil, cerca de 400 mil pessoas são portadoras deste mal. Apesar dos números serem preocupantes, a doença ainda não é tão conhecida. Mas, neste dia 11 de abril, Dia Mundial de Combate à Doença de Parkinson, pessoas de todo o mundo poderão entender melhor o que é e quais são os sintomas.

A Doença de Parkinson é uma doença degenerativa do sistema nervosos central, crônica e progressiva que causa tremores, rigidez e aumenta a tendência à queda. Ela costuma se instalar de forma lenta e progressiva, em geral em torno dos 60 anos e é causada por uma diminuição intensa da produção de um neurotransmissor chamado de dopamina. Este neurotransmissor ajuda na realização dos movimentos voluntários do corpo de forma automática. Na falta dele, o controle motor do indivíduo fica comprometido.

Segundo o neurologista André Lima, da Academia Brasileira de Neurologia, a doença é tratável. Ele explica que geralmente os sintomas respondem bem às medicações. Lima explica, ainda, que a memória e a inteligência dos indivíduos com Parkinson podem ser comprometidos com a doença. “Existe uma demência chamada Demência Parkinsoniana. Assim como os movimentos, o raciocínio pode ficar mais lento também. Jogos, aprender um instrumento musical, leitura são importantes para o doente”, disse.


Tratamento

De acordo com especialistas, para o tratamento da Doença de Parkinson é necessário sessões de fisioterapia, fonoaudiologia, além de ter um suporte psicológico e nutricional com a finalidade de reduzir o prejuízo funcional decorrente da doença. “Dessa forma é possível que o paciente tenha uma vida independente e com qualidade por muitos anos”, disse André Lima.

Musculação ajuda no mal de Parkinson

Meditar ajuda a fortalecer o cérebro



Doença de Parkinson tem avanços, mas enfermidade ainda é pouco conhecida

Cerca de um mês antes do Dia Mundial de Combate à Doença de Parkinson, dia 11 de abril, o Brasil dá uma boa notícia aos portadores. A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) vai produzir ainda neste semestre o diclorhidrato de pramipexol, que tem a função de controlar as deficiências motoras causadas pela enfermidade. Com isso, o preço cairá bastante, já que até agora o País importava o medicamento de um laboratório alemão.

No Brasil, cerca de 20 mil pessoas, segundo o Instituto de Tecnologia em Fármacos (Farmanguinhos), da Fiocruz, usam o medicamento. No País, estima-se que 300 mil pessoas tenham a doença, segundo a Associação Brasil Parkinson, mesmo que não tenha sido totalmente manifestado. Como o nome já antecipa, a enfermidade foi descoberta por James Parkinson em 1817, na Inglaterra, então chamada de “Paralisia da Agitação”. A doença ocorre quando alguns neurônios morrem ou se degeneram. O portador, então, passa a apresentar tremores, rigidez nos músculos, dificuldade para andar, engolir e se equilibrar. Os sintomas podem não aparecer todos de uma vez, e como são progressivos, geralmente se manifestam com o decorrer de vários anos. Uma incapacidade grave, segundo o portal da saúde do Ministério da Saúde, pode vir entre 10 e 15 anos.

Desde a descoberta da doença, levou certo tempo para que os cientistas conseguissem desenvolver um tratamento. Nos anos 1960, após a identificação nas alterações bioquímicas no cérebro dos pacientes é que foi introduzido a substância levodopa, o que reduziu a mortalidade. No entanto, as reações adversas eram graves, como demência, instabilidade na postura e até congelamento. Com o tempo, os médicos foram introduzindo novos remédios além da levodopa, o que aumentou a qualidade de vida dos portadores.

O problema disso tudo: o tratamento é caríssimo. Segundo um estudo da Movement Disorders Society, dos EUA, instituição que combate enfermidades neurológicas como o Parkinson, o gasto mundial com medicamentos antiparkinsonianos é de cerca de 11 bilhões de dólares. No Brasil, o Governo oferece de graça em postos de saúde medicamentos contra a Doença de Parkinson.

Avanços

Apesar de ser uma doença relativamente antiga, os avanços em seu tratamento são lentos, dada a complexidade do cérebro humano. Em junho do ano passado, um encontro em Dublin com neurologistas de todo o mundo, mostrou novidades no combate. Uma delas é o controle dos tremores através de uma técnica chamada de neuroestimulação. A fundação do ator Michael J. Fox, que sofre do mal, também investe em pesquisa.



Além de remédios, médicos têm usado cirurgias, fonoaudiologia, fisioterapia e terapia ocupacional como armas para combater a enfermidade. O conhecimento sobre a doença também aumentou nos últimos anos. Em 2007, um estudo da Universidade de Aberdeen , na Escócia, mostrou que pesticidas usados na lavoura podem causar Mal de Parkinson. Pessoas que têm contato direto às substâncias tóxicas possuem 39% mais chances de contrair a doença degenerativa. A pesquisa feita com 959 parkinsonianos foi iniciada depois que um grupo de agricultores manifestou a doença. Os mesmos estudiosos também concluíram que lutadores de boxe tem 35% mais chances de contrair Parkinson pro causa dos choques cranianos durante as lutas.

No Canadá, uma equipe internacional utiliza a genética  para lutar contra o Parkinson. Estudiosos da Universidade da Columbia Britânica encontraram uma família local que tiveram 12 pacientes diagnosticados com a doença desde 1983. No ano passado, os familiares doaram um cérebro de um dos parentes falecidos para quem se busquem traços genéticos que levem a mais informações sobre o mal.


Em 2003, um outro avanço. Um britânico de apenas 23 anos quebrou o mito de que apenas idosos podem contrair a doença.  John Crossley – Stanbury notou os primeiros  tremores em seu dedos da mão, aos 19 anos. Pensando se tratar de um problema local, simples, ele descobriu por seu neurologista que era o portador mais jovem da doença até hoje. Seu estado ainda é bastante inicial, e segundo médicos ingleses, não é grave. A biografia que John escreve vai gerar informações valiosas nunca estudadas sobre Parkinson desde o século passado.  


_______________________________________

Não espere um sorriso para ser gentil... Não espere ser amado para amar... Não espere ficar sozinho para reconhecer o valor de um amigo... Não espere ficar de luto para reconhecer a amizade sincera que perdeu... Não espere o melhor emprego para começar a trabalhar... Não espere a queda para se levantar... Não espere a enfermidade para reconhecer que a vida é frágil... Não espere a pessoa perfeita para então se apaixonar... Não espere a mágoa para pedir perdão... Não espere a separação sentir saudades... Não espere a dor para acreditar na oração... Não espere elogios para acreditar em si mesmo... Não espere ter tempo para servir... Não espere que o outro tome a iniciativa se você foi o culpado... Não espere o "eu te amo" para dizer o "eu também"... Não espere ter dinheiro para contribuir... Não espere o dia de sua morte para querer viver!!!


______________________________


Encontro com Jesus


Vitória por meio de Cristo

 

Jesus_abril

Damos graças a Deus porque, unido com Cristo, somos sempre conduzidos por Deus como prisioneiros no desfile vitorioso de Cristo. Como perfume que se espalha por todos os lugares, somos usados por Deus para que Cristo seja conhecido por todas as pessoas. Porque somos como cheiro suave de incenso
que Cristo oferece a Deus, cheiro que se espalha entre os que se salvam e os que se perdem. Aos que se perdem é o mau cheiro que mata; mas, para os que se salvam, é perfume muito agradável que dá vida.
Quando se está falando do Cristo, está se falando da vida de Jesus Cristo. Está se falando das situações de sofrimento.
Paulo, neste trecho, está falando que a vida dele - todo sofrimento que passou como apóstolo - é perfume que se espalha para que se conheça Deus.
Daí podemos presumir que a forma como Paulo reage aos acontecimentos da vida é a mesma que Jesus Cristo usava.
Vivenciar a vida Jesus Cristo: é assim que se espalha o ensinamento. Quem apenas conhece a teoria, nada faz.
Agora, para quem é ser humano viver desse jeito cheira mal. Isso porque, na verdade, o ser humano quer satisfação, quer que a vida aconteça do jeito que ele quer.

Portanto quem tem capacidade para esse trabalho? Nós não somos como muitas pessoas que entregam a mensagem de Deus como se estivéssemos fazendo um negocio qualquer. Ao contrario, foi Deus quem nos enviou, e por isso falamos com sinceridade na sua presença, como servos de Cristo.
Quem é que entrega a mensagem de Deus como se estivesse fazendo um negocio qualquer? Aquele que lhe promete retorno por você seguir a Cristo.
"Se você vier à missa todos os domingos, o seu filho vai ficar quietinho em casa". Se você vier à missa todos os domingos, o seu marido vai arrumar trabalho. "Se você for ao centro todas as segundas feiras, não vai ter mais obsessor". "Se você for à Igreja Evangélica encontrará a voz de Deus"...
Na verdade as pessoas que fazem este tipo de promessa estão negociando com as pessoas em nome de Deus prometendo a elas o que não pode ser prometido.
Isso porque Deus não prometeu felicidade carnal, mas sim espiritual.
É isso que precisamos começar a entender: quem negocia assim - não é amigo nem de si mesmo funciona como um agiota que empresta a juros dinheiro que não é dele.
Nós não prometemos um futuro tranqüilo porque sabemos que só vai acontecer na sua vida o fruto do seu carma. Ao invés de fazer promessas que não podemos garantir, é preferível dizer para você da necessidade do aprendizado, que você precisa aprender a merecer essas coisas. Por isso, ao invés de prometer, é necessário ensinar a você como merecer receber essas coisas.
Trabalhar no que vocês chamam de mercado negro prometendo para lucro humano por buscar a Deus,  não podemos prometer. Só quem pode lhe prometer alguma coisa é Deus, pois é Ele que dá. Mas, Ele dá de acordo com as suas obras e não com o que nós acreditamos que Ele vai dar.
Além disso, não nos esqueçamos: Deus conhece a intenção de cada um. É por esta intenção que Ele nos dará alguma coisa. Se nós formos à casa de Deus com a intenção de ganhar, corremos o sério risco de perder, pois foi escrito assim: aquele que pouco tiver, até isso lhe será tirado.


_____________________________________________


O MUNDO PRECISA DE MAIS AMOR

         
O Mundo precisa de mais AMOR. O Deus que o criou é tudo que nele existe, não habita em templos materiais. Foi Ele que criou todas as vidas. Do macho e da fêmea, fez a humanidade que povoa a Terra, deixando em cada um determinado sua Missão.   É Seu desejo que os homens procurem encontrá-lo em tudo que criou. Manda pregar a VERDADE, não se vende, mas se passa. Não é igual ao ouro ou a prata, moldada por arte ou indústria. Ele está em toda parte, sempre junto de vós, ajudando-os em cada Missão.
          Fale a todos de Sua Verdade, não temas, Ele está junto de vós, na vossa Consciência.
          Sinta-te feliz por ajudar o teu próximo, não toques trombetas, como fazem os hipócritas para receberem recompensas materiais.
          Ame o teu Deus de todo o teu coração, de toda tua alma e de todo o teu entendimento.


______________________________________________


A FAMÍLIA

O colégio familiar tem suas origens sagradas na esfera espiritual. Em seus laços, reúnem-se todos aqueles que se comprometeram, no Além, a desenvolver na Terra uma tarefa construtiva de fraternidade real e definitiva.

        Preponderam nesse instituto divino os elos do amor, fundidos nas experiências de outras eras; todavia, ai acorrem igualmente os ódios e as perseguições do pretérito obscuro, a fim de se transfundirem em solidariedade fraternal, com vistas ao futuro.

        É nas dificuldades provadas em comum, nas dores e nas experiências recebidas na mesma estrada de evolução redentora, que se olvidam as amarguras do passado longínquo, transformando-se todos os sentimentos inferiores em expressões regeneradas e santificantes. Purificadas as afeições, acima os laços do sangue, o sagrado instituto da família se perpetua no infinito, através dos laços imperecíveis do Espírito.


____________________________

UM MOMENTO PARA OS JOVENS


Dia 07 de abril, É o dia mundial da saúde:


 
JOVENS Cuidem-se! as dsts estão aí provando que é preciso ter mais cuidado com os seus parceiros, 

vistam o seu herói: "VISTAM A camisinha".

_________________

JOVEM

 Saiba Como usar Saiba a pílula do dia seguinte 
(Monique dos Anjos e Mariliz Jorge) A pílula do dia seguinte é assunto cercado de polêmicas e inseguranças. Por isso, BOA FORMA responde algumas das perguntas mais feitas sobre o assunto.



As dúvidas mais frequentes:


Como a pílula deve ser tomada? 

Existem dois tipos. Um deles vem em dose única e o outro são dois comprimidos (um ingerido logo após a relação e outro após 12 horas). Seja qual for o tipo, deve ser usado no máximo 72 horas após a relação sexual. Quanto mais tempo demorar, menor será a eficácia.
A pílula funciona como um abortivo?
Não. Ela age antes que a gravidez ocorra. Se a fecundação ainda não aconteceu, o medicamento vai dificultar o encontro do espermatozoide com o óvulo. Agora, se a fecundação já tiver ocorrido, irá provocar uma descamação do útero, impedindo a implantação do ovo fecundado. Caso o ovo já esteja implantado, ou seja, já tenha iniciado a gravidez, a pílula não tem efeito algum.
Preciso de receita médica para comprar a pílula?
Sim. Embora seja possível adquiri-la nas farmácias sem prescrição. No entanto, mesmo que você dispense a receita, procurar por orientação antes é indispensável. Só um ginecologista poderá dar certeza de que o medicamento é indicado para o seu caso.
Ela pode causar efeitos colaterais?
Sim. O mais frequente deles é a alteração no ciclo menstrual e do tempo de ovulação. Em outras palavras, vai ficar impossível calcular seu período fértil e o dia da sua menstruação será um verdadeiro enigma. Além disso, dor de cabeça, sensibilidade nos seios, náuseas e vômitos são sintomas comuns. No caso de vômito ou diarreia nas duas primeiras horas após a ingestão, a dose deve ser repetida. Quem tem organismo sensível a medicamento e está tomando a pílula com indicação médica deve pedir a indicação de um remédio contra enjoos para tomar ao mesmo tempo.
Existe contraindicação?
A pílula é contraindicada para quem sofre de alguma doença hematológica (do sangue), vascular, é hipertensa ou obesa mórbida. Isso porque a grande quantidade de hormônio pode provocar pequenos coágulos no sangue que obstruem os vasos.
Se eu tomar repetidas vezes, ela perde o efeito?
Ela não perde o efeito, mas o risco de você engravidar aumenta. Normalmente, ele já é de 15% se você tomar depois de 24 horas de transar, contra uma média de 0,1% da pílula anticoncepcional comum.
Posso trocar a camisinha pela pílula?
Nem pense nisso. A pílula deve ser tomada apenas quando o método contraceptivo escolhido falha. Além de apresentar efeitos colaterais muito mais severos que a pílula comum, e ser bem mais cara, o contraceptivo de emergência não a protege das doenças sexualmente transmissíveis. Contra elas, só mesmo a boa e conhecida camisinha.
A pílula do dia seguinte é também um método contraceptivo?
Não. Como o próprio nome diz, ela deve ser usada em casos excepcionais e não como um anticoncepcional de rotina, como muitas mulheres estão fazendo. A dose alta de hormônio do medicamento, cerca de 20% a mais do que o existente em uma drágea de anticoncepcional, aumenta o risco de efeitos colaterais.
Mesmo tomando essa pílula é possível engravidar?
Sim. Como todo método, há risco de falha. Como já foi dito, quanto mais cedo a pílula for tomada, maior a sua eficácia.
O uso pode afetar o aparelho reprodutor?
Pode. A curto prazo causa uma verdadeira revolução na produção hormonal da mulher. Já, a longo prazo, depende da quantidade de vezes que a pílula do dia seguinte foi usada. Quanto mais, maiores os riscos. Caso ocorra a gestação ectópica, a mulher poderá perder uma trompa e isso dificultará uma futura gestação.
Ao utilizá-la, estarei protegida até a chegada da menstruação?
Não. Terá se protegido somente da relação que aconteceu antes de ter tomado a pílula.
 



A importância da família para a formação de

cidadãos conscientes



Pouco contato dos pais com os filhos no dia-a-dia pode prejudicar formação cidadã da nova geração

A família deve ser a principal responsável pela formação da consciência cidadã do jovem e também apoio importante no processo de adaptação das crianças para a vida em sociedade. Uma boa educação dentro de casa garante uma base mais sólida e segura no contato com as adversidades culturais e sociais, características do período de amadurecimento. A ausência familiar gera graves conseqüências na formação, alimentando valores egocêntricos, que levam os mais jovens ao mundo do vício e das futilidades.

No entanto, desde o início do processo de industrialização, a sociedade passa por transformações que resultam em uma postura cada vez mais individualista por parte da maioria da população jovem. O ingresso da mulher no mercado de trabalho diminuiu o tempo disponível para a dedicação aos filhos daquela que, antes, só se dedicava quase que exclusivamente à formação das crianças.




Educação Familiar - Sem Ela O Jovem Não Reconhece Seus Limites e com isso a Escola fica sobrecarregada de funções tentando a fracassar



Atualmente - com o excesso de afazeres dos pais - o tempo para conversar, ouvir, ensinar uma tarefa, orientar em um trabalho, ou até mesmo perguntar ao filho como foi o seu dia, tem se tornado cada vez mais escasso. Com isso as crianças tem demonstrado baixo rendimento escolar, uma vez que as tarefas de casa tem como objetivo principal, reforçar o conteúdo trabalhado em sala. A leitura deveria ser parte do cotidiano da criança, não somente na escola, considerando que seu tempo dentro da Instituição nem sempre permite a realização e todas as atividades necessárias a cada faixa etária, colocando novamente a aprendizagem em risco. É estranho como os estudantes de hoje concebem a educação.

 O professor tem buscar sempre novas estratégias, métodos e até apelar para o lado sentimental dos alunos, com a finalidade de simplesmente ser ouvido. Ao aluno não importa o aprender, mesmo porque em escolas que aderriram ao regime de ciclo, os alunos afirmam não precisarem de estudar, pois o ciclo não reprova quem não sabe. É deprimente  pensar que estes estudantes vão ingressar no ensino superior, e vão conseguir seus diplomas. Todavia, não terão o conhecimento necessário para executar suas profissões, que estão condenadas ao fracasso eminente - afinal os estudantes não querem aprender e o mais intrigante é que boa parte desta defasagem educacional é atribuída ao professor. à escola foram atribuídas noções de educação básica - a chamada educação de berço - que é de responsabilidade das famílias, que por sua vez, passam o tempo todo em seus afazeres e ao se reunirem em seu convívio diário, não querem orientar os filhos,  premiando-os com presentinhos, internet livre, passeios ao Shpping, e os valores familiares são delegados á escola. Então, o aluno chega na escola completamente sem limites, querendo fazer desta instituição o que ele bem entender, o professor não consegue falar, explicar, orientar, sem que antes seja feito um preparo- geralmente com longos diálogos  - frequentemente interrompidos e ignorados pela turma - e em alguns casos sendo agredido verbal e fisicamente por seus alunos ao tentar prepará-los para a vida.

O resultado destas ações está estampados em editais, estão faltando professores... O baixo salário, a desvalorização profissional, a dupla ou tripla jornada de trabalho, a agressividade dos jovens e a falta e comprometimento das famílias, tem contribuído para que professores abandonem seus empregos. A permissidade atual tem sido a grande vilã da educação como um todo, os jovens tem direito a tudo e nenhum dever é atribuído a eles, com isso - após passar anos em faculdades, se preparando para o ato sublime de proporcionar condições de aprendizagem a alguém- o professor adquire sérios problemas de saúde e acaba se afastando da escola. É necessário que se repense a relação família escola, afinal os pais devem educar seus filhos e buscar a parceria da escola e não a escola assumir as responsabilidades das famílias e tentar- arduamente - buscar a parceria das famílias. 
Angela Adriana de Almeida Lima

_______________________________________________________



Camisinha é fundamental - Quando tiver contato sexual com quem você não tenha absoluta certeza use e exija a camisinha


Jovens, no dia 07 de abril, dia mundial da saúde, este ano podermos divulgar as doenças sexualmente transmissíveis, que tanto tem matado jovens ainda na flor da idade, que querem viver a vida com mais liberdade. Liberdade SIM promiscuidade e libertinagem NÃO. As doenças são avassaladoras, AIDS, SÍFILIS, GONORRÉIA, HPV, HEMATITE, CANCRO, CLAMÍDIA e outras tantas, não seja permissivo, se o seu ou sua parceira quiserem transar sem camisinha, DIGA NÃO!


"A adolescência é um período da vida caracterizado por intenso crescimento e desenvolvimento, que se manifesta por transformações físicas, psicológicas e sociais. Ela representa um período de crise, na qual o adolescente tenta se integrar a uma sociedade que também está passando por intensas modificações e que exige muito dele. Dessa forma, o jovem se vê frente a um enorme leque de possibilidades e opções e, por sua vez, quer explorar e experimentar tudo a sua volta. Algumas dessas transformações e dificuldades que a juventude enfrenta, principalmente relacionado à sexualidade, bem como ao abuso de drogas ilícitas, aumentam as chances dos adolescentes de adquirirem a infecção por HIV, fazendo-se necessário a realização de programas de prevenção e controle da AIDS na adolescência".
Estudos de vários países tem demonstrado a crescente ocorrência de AIDS entre os adolescentes, sendo que, atualmente as taxas de novas infecções são maiores entre a população jovem. Quase metade dos novos casos de AIDS ocorre entre os jovens com idade entre 15 e 24 anos. Considerando que a maioria dos doentes está na faixa dos 20 anos, conclui-se que a grande parte das infecções aconteceu no período da adolescência, uma vez que a doença pode ficar por longo tempo assintomática.
Hoje, as mulheres representam quase metade dos jovens infectados. Entre os pacientes menores de 13 anos com AIDS, a transmissão ocorre em sua maioria através da mãe, no período gestacional. Entre as mulheres maiores de 13 anos predomina a transmissão sexual (metade dos casos), seguida do contágio por uso de drogas injetáveis. Entre os homens a transmissão por via sexual representa mais de 50% dos casos, sendo que a prática homossexual é responsável por cerca de 30% desses casos. O contágio por uso de drogas injetáveis representa cerca de 20% das infecções entre os homens.
Características da Adolescência que Favorecem a Infecção pelo HIV

Existem algumas características comportamentais, sócio-econômicas e biológicas que fazem com que os jovens sejam um grupo propenso a infecção pelo HIV. Dentre as características comportamentais, destaca-se a sexualidade entre os adolescentes. A atividade sexual na maioria das vezes se inicia na adolescência, sendo que, cerca de 50% dos jovens norte-americanos já tiveram relações sexuais aos 17 anos e apenas metade desses jovens relata uso de preservativo na última relação. Muitas vezes, a não utilização dos preservativos está relacionada ao abuso de álcool e outras drogas, os quais favorecem a prática do sexo inseguro. Outras vezes os jovens não usam o preservativo em "namoros firmes", justificando que seu uso pode gerar desconfiança em relação à fidelidade do casal. Apesar de que, no mundo hoje, o uso de preservativo nas relações poderia significar uma prova de amor e proteção para com o outro. Observa-se também que muitas jovens abrem mão do preservativo por medo de serem abandonadas ou maltratadas por seus parceiros. Por outro lado, o fato de estar apaixonado faz com que o jovem crie uma imagem falsa de segurança, negando os riscos inerentes ao não uso do preservativo.

Outro fator importante a ser levado em consideração é o grande apelo erótico emitido pelos meios de comunicação, freqüentemente direcionado ao adolescente. A televisão informa e forma opiniões, unificando padrões de comportamento, independente da tradição cultural, colocando o jovem frente a uma educação sexual informal que propaga o sexo como algo não planejado e comum, dizendo que "todo mundo faz sexo, mas poucos adoecem".

Os jovens têm pouco acesso às informações sobre doenças sexualmente transmissíveis e sobre o planejamento familiar. Boa parte dos adolescentes obtém as informações sobre o sexo de colegas e amigos, cujas opiniões, na maioria das vezes, são distorcidas e baseadas em mitos e preconceitos, como, por exemplo, a crença de que o uso do preservativo poderia dificultar a ereção e o desempenho sexual.       


                                  



"Jovem seja careta, diga não às drogas! Diga não às DSTS, à AIDS e a uma gravidez não programada! Use camisinha"!!!

l, É o dia mundial da saúde:

 JOVENS 


Drogas: Um Começo Que Pode Não Ter Fim!


drogas

Encontrar um modo ideal para articular o tema drogas acaba sendo um desafio para especialistas de qualquer parte do mundo. Não é algo tão fácil assim! Principalmente de forma concisa e sem discurso moralista sobre os riscos que o consumo de drogas traz a vida de um ser um humano. E ao se falar de drogas, não menciono aquelas utilizadas em laboratórios, farmácias, etc. Refiro-me as drogas psicoativas, que alteram o equilíbrio do individuo.


Só para esclarecimento, as drogas estão classificadas em três tipos: depressoras (Álcool, ópio, morfina), alucinógenas (maconha, LSD, heroína, etc.) e estimulantes (cocaína, crack, ecstasy, anfetaminas, cafeína, etc.).

Muitos de nós às vezes nos perguntamos: O que leva uma pessoa usar drogas? Estatisticamente falando, diversos são os motivos encontrados, tais como: Simples curiosidade, influência de amigos (mais comum), tentar fugir dos problemas (principalmente familiares), criar coragem (que sem o uso da droga, não faria o mesmo), a busca por sensações de prazer, dentre outros.

 

Infelizmente o uso de drogas se tornou algo mais corriqueiro em nossa sociedade e com isso se dissipando em todas as classes sociais. Já que antigamente o uso de crack, maconha, cocaína, dentre outras drogas eram mais vistas como algo da periferia, pessoas dependentes as drogas pelas condições desfavoráveis em que se vive. Segundo a psiquiatra Analice Gigliotti presidente da Associação Brasileira de Estudos do Álcool e Outras Drogas (Abead) e chefe do Setor de Dependência Química da Santa Casa de Misericórdia do RJ, aproximadamente 40% dos usuários são indivíduos de classe média. "Esse dado se fundamenta em informações dos números de internações em clínicas específicas, que é um outro público", afirma.


Vários episódios tem se mostrado na mídia ultimamente, relacionados ao uso de drogas. Como por exemplo, o final trágico que aconteceu na ultima semana, que um pai por não agüentar mais o sofrimento do filho viciado em crack, na qual estrangulou uma amiga, veio a público expor sua dor, alertando assim muitas famílias. Casos como de crianças em uma escola pública no RS em vez de brincarem de esconde, brincavam de traficantes, usando o pó de giz como se fosse à cocaína. Essa "brincadeira" mostrou o reflexo do cotidiano que essas crianças estão tendo e que se não for trabalhada a prevenção ao uso das drogas com esses pequenos, futuramente serão dependentes químicos. Infelizmente essa é a realidade.
 

 

Família estruturada, diálogo família, participação dos pais na vida dos filhos, dentre outros fatores, com certeza são de suma importância para que futuramente o filho(a) não venha sentir a necessidade de buscar a paz de espírito, relaxamento ou outros sensações inversas que são passageiras, na qual são encontradas nas drogas. Já que hoje pesquisas mostram que a maioria dos usuários viciados são pessoas desestruturadas.

Diante de tantos transtornos que o uso a drogas acarreta ao ser humano, acabando com a vida gradativamente de quem se torna um viciado e que a dependência se constitui muitas vezes por apenas uma cheirada, uma tragada ou uma aplicação, já que uma simples "experimentada" pode gerar vontade de outras vezes, então, você pode e deve Dizer Não as Drogas! Seja forte, as drogas podem te levar a mundo sem volta.


________________________________________


PREFERÊNCIAS

Quando possuímos uma prole de 2, 3 ou mais filhos, normalmente um deles nos exige maior atenção. Considerando que na efervescência das lutas do lar dívidas e rusgas anteriores carecem de acertos, será natural que a preferência seja dedicada ao filho mais necessitado; se o véu do esquecimento beneficia as partes, as evidências justificam o clamor do precisado…

Se imperfeitos, agimos dessa forma, quanto mais nosso Pai que está nos Céus!

 


Jesus já declarara, há dois mil anos atrás, tais preferências ao dizer aos seus compatriotas que “os doentes é que precisam de médico” e suas ações escancaravam preferência aos coxos, estropiados, lunáticos, adúlteros, cobradores de impostos… aos diferentes!

Não tenhamos dúvidas que também hoje o nosso Mestre, agora desencarnado, em Espírito, continua a se comportar da mesma forma; não duvidemos, em momento algum, que o Divino Médico preferirá:

O maltrapilho ao bem vestido; dedicar-se-á mais àquele a quem olhamos de soslaio do que ao que damos maior atenção por estar bem trajado;

Dará sua preferência aos conformados em aproveitar as sobras que rejeitamos por serem de ontem;

Dará preferência aos que anseiam em ler e aprender e não o podem fazê-lo, sobre aqueles que, em farta e particular biblioteca, os livros estão sendo corroídos pela poeira e pelas traças;

Sua preferência será pelos que se albergam sob marquises, pois os que possuem o justo, aprazível e seguro teto já estarão protegidos; e

Preferirá Jesus os incapacitados de buscar o alfabeto às grandes inteligências, porém ociosas…

“Bem aventurados sereis quando…” não foram palavras ao vento pronunciadas pelo Mestre às plácidas margens do Mar da Galiléia, mas o enunciado de uma permanente preferência pelos famintos, sequiosos, maltrapilhos, injuriados, diferentes, coxos, dementados!

Não somos proibidos de possuir o máximo, pois tal é a Lei de Progresso, mas que tenhamos a sensatez de ofertar o mínimo, caso contrário o placar nos poderá ser adverso e nossa consciência será o árbitro dessa partida na qual o Rabi é o Bandeirinha…

A todos os desconveniados das benesses materiais que procuramos ávida e justamente, estará à disposição o Convênio das Alturas, a Divina Providência. ●

 

Ser Feliz está em suas mãos

 “... Assim, pois, aqueles que pregam ser a Terra a única morada do homem, e que só nela, e numa só existência, lhe é permitido atingir o mais alto grau das felicidades que a sua natureza comporta, iludem-se e enganam aqueles que os escutam...”  (Capítulo 5, item 20.)

As estradas que nos levam à felicidade fazem parte de um método gradual de crescimento íntimo cuja prática só pode ser exercitada pausadamente, pois a verdadeira fórmula da felicidade é a realização de um constante trabalho interior.

Ser feliz não é uma questão de circunstância, de estarmos sozinhos ou acompanhados pelos outros, porém de uma atitude comportamental em face das tarefas que viemos desempenhar na Terra.

Nosso principal objetivo é progredir espiritualmente e, ao mesmo tempo, tomar consciência de que os momentos felizes ou infelizes de nossa vida são o resultado direto de atitudes distorcidas ou não, vivenciadas ao longo do nosso caminho.

No entanto, por acreditarmos que cabe unicamente a nós a responsabilidade pela felicidade dos outros, acabamos nos esquecendo de nós mesmos. Como consequência, não administramos, não dirigimos e não conduzimos nossos próprios passos. Tomamos como jugo deveres que não

são nossos e assumimos compromissos que pertencem ao livre-arbítrio dos outros. O nosso erro começa quando zelamos pelas outras pessoas e as protegemos, deixando de segurar as rédeas de nossas decisões e de nossos caminhos.

Construímos castelos no ar, sonhamos e sonhamos irrealidades, convertemos em mito a verdade e, por entre ilusões românticas, investimos toda a nossa felicidade em relacionamentos cheios de expectativas coloridas, condenando-nos sempre a decepções crônicas.

Ninguém pode nos fazer felizes ou infelizes, somente nós mesmos é que regemos o nosso destino. Assim sendo, sucessos ou fracassos são subprodutos de nossas atitudes construtivas ou destrutivas.

A destinação do ser humano é ser feliz, pois todos fomos criados para desfrutar a felicidade como efetivo patrimônio e direito natural.

O ser psicológico está fadado a uma realização de plena alegria, mas por enquanto a completa satisfação é de poucos, ou seja, somente daqueles que já descobriram que não é necessário compreender como os outros percebem a vida, mas sim como nós a percebemos, conscientizando-nos de que cada criatura tem uma maneira única de ser feliz. Para sentir as primeiras ondas do gosto de viver, basta aceitar que cada ser humano tem um ponto de vista que é válido, conforme sua idade espiritual.

Para ser feliz, basta entender que a felicidade dos outros é também a nossa felicidade, porque todos somos filhos de Deus, estamos todos sob a Proteção Divina e formamos um único rebanho, do qual, conforme as afirmações evangélicas, nenhuma ovelha se perderá.

É sempre fácil demais culparmos um cônjuge, um amigo ou uma situação pela insatisfação de nossa alma, porque pensamos que, se os outros se comportassem de acordo com nossos planos e objetivos, tudo seria invariavelmente perfeito. Esquecemos, porém, que o controle absoluto sobre as criaturas não nos é vantajoso e nem mesmo possível. A felicidade dispensa rótulos, e nosso mundo seria mais repleto de momentos agradáveis se olhássemos as pessoas sem limitações preconceituosas, se a nossa forma de pensar ocorresse de modo independente e se avaliássemos cada indivíduo como uma pessoa singular e distinta.

Nossa felicidade baseia-se numa adaptação satisfatória a nossa vida social, familiar, psíquica e espiritual, bem como numa capacidade de ajustamento às diversas situações vivenciais.

Felicidade não é simplesmente a realização de todos os nossos desejos; é antes a noção de que podemos nos satisfazer com nossas reais possibilidades.

Em face de todas essas conjunturas e de outras tantas que não se fizeram objeto de nossas presentes reflexões, consideramos que o trabalho interior que produz felicidade não é, obviamente, meta de uma curta etapa, mas um longo processo que levará muitas existências, através da Eternidade, nas muitas moradas da Casa do Pai. 




MEDIUNIDADE CONSCIENTE - SEMI CONSCIENTE E INCONSCIENTE.

 

Mediunidade Consciente -- A entidade que quer se comunicar, aproxima-se do médium e telepaticamente transmite o conteúdo que quer anunciar. Não tendo contato perispiritual, o médium recebe telepaticamente e com suas palavras e o próprio modo de ser, transmite as ideias com maior ou menor clareza e fidelidade, dependendo do estado psíquico do médium, que após tê-la retransmitido, não poderá mais influir na retransmissão, pois o espírito não poderá agir senão sobre o pensamento do médium.

Este fenômeno não deve ser confundido com o processo intuitivo pois se manifesta como inspiração momentânea. Este tipo de mediunidade é muito usada por poetas, escritores, pregadores, músicos, etc...

A mediunidade consciente muita das vezes é confundida como mistificação, porque usa uma comunicação de que o médium emprega palavras próprias ou termos que constantemente usa de forma sistemática, o que é natural e não se pode estranhar, pois, cada um possui um modo particular de se expressar (determinadas palavras, determinados gestos e sinais) assim como as entidades que têm um modo próprio de iniciar e finalizar seus trabalhos, o que é interessante frisar pois servem para identificá-los.

 

Uma outra situação comum é a dos observadores, estudiosos e até mesmo dos frequentadores dos "terreiros" que fazem confusão entre a falta de cultura e linguajar do médium com a entidade que está se comunicando. Vemos comumente nos centros uma grande maioria de médiuns incultos (sem instrução escolar) e como falar corretamente se quem fala é o médium e não a entidade? à entidade só compete as ideias e não as palavras (neste caso de mediunidade).

Outro caso é quando um médium recebe um pensamento elevado, transcendente e com seu vocabulário acanhado não consegue transmitir por não compreendê-lo bem. Desta forma, há um fracasso interior por não conseguir entender e nem expressar a mensagem.

A mediunidade consciente é a que permite uma maior interferência do psiquismo do médium denominado por alguns de "animismo"(interferência do inconsciente) e a que tem sido instrumento de crítica injusta como mistificação.

"A repressão do animismo dificultará grandemente as tarefas mediúnicas, e por isso não deve ser feita. O mediunismo não dispensa a colaboração do médium, o qual não deve ser um simples automato, um robot"

Mediunidade Semi-Inconsciente (Incorporação Parcial) --Neste tipo de mediunidade, há entre o médium e a entidade que quer se comunicar um indispensável tom vibratório (afinidade fluídica) e o contato se dá entre a entidade e o corpo astral do médium, que por intermédio deste age sobre o corpo físico, ficando alguns órgãos sobre o controle da entidade. Isso acontece sem que haja o afastamento do espírito do médium, ou sem que ele perca a consciência do que se passa em torno. O médium se encontra numa espécie de semi-transe, sujeito  porém a influência da entidade e com dificuldade de interferir sobre ela, salvo se o médium com seu livre-arbítrio quiser intervir. Neste estado a entidade comunicante, ainda que não tendo domínio completo sobre o médium, pode transmitir mais livre e sem qualquer embaraço os seus pensamentos que ficam, é lógico, dependendo da maior ou menor capacidade de transmissão do médium (educação mediúnica) e de sua própria intelectualidade.

Neste tipo de manifestação, ainda são possíveis se bem que em pequena proporção, as interferências psíquicas no que diz respeito à repetição de palavras e gestos, mas quanto o tipo de apresentação já passa ser, de um determinado modo, da entidade comunicante que já vem mesmo servir de identidade.

Há sessões em que se repetem inúmeras vezes os mesmos gestos, as mesmas palavras, as mesmas frases em todas as comunicações e no entanto nada há tanto na parte do médium como na parte da entidade, algo que possa ser taxado de mistificação.

Mediunidade Inconsciente (Incorporação Total) -- Vejamos este último aspecto que se caracteriza no fato do espírito do médium afastar-se do corpo físico temporariamente, ficando ao lado ajudando, ou muitas vezes nesses momentos cumprindo tarefas no plano astral, enquanto que no mesmo instante a entidade encontra o corpo físico inteiramente ao seu dispor e controle. Esta forma é que dá maiores garantias de segurança e autenticidade na comunicação pois a entidade é livre para transmitir suas ideias e pensamentos, sem a necessidade de usar a parte intelectual do médium, que normalmente a faria alterada ou deturpada quando recebida telepaticamente.

Neste aspecto da mediunidade inconsciente, o médium se acha muito mais à vontade para se for preciso enfrentar o poder das críticas ou dos estudiosos e também dos consulentes porque em nada interferindo e de nada sabendo no momento da incorporação, a manifestação é total do espírito comunicante, podendo mesmo fazer a extensão da faculdade com maior ou menor perfeição, como por exemplo: a entidade fazer a mesma tonalidade de voz, revelar fatos de suas encarnações passadas, assim como mudar os aspectos físicos do médium (efeito raro).O afastamento do espírito do médium é feito pela entidade comunicante com métodos e processos magnéticos feitos na astralidade. Para isso também concorrem a homogeniedade dos fluídos tornando-os mais suaves ou abruptos, dependendo de quanto mais equilibrado for a vibração de ambos. Em grande parte dos afastamentos do corpo físicos, geralmente o médium quando exteriorizado, continua consciente de que se passa nesse plano, porém quando a entidade comunicante o deixa (desencorpora) de nada se lembra no regresso do corpo físico.

às vezes acontece que os fluídos do médium estão muito abaixo do que os apurados fluídos da entidade, fazendo com que a entidade baixe o seu tom vibracional no momento da incorporação. Para condensá-los com os do médium, e em casos de fluídos pesados e inferiores, haverá quase que sempre sobressaltos de maior ou menor intensidade ou até mesmo sobressaltos violentos no momento da incorporação que repercutirá após o transe mediúnico nos órgãos físicos bem como no psiquismo do médium.

Neste caso de incorporação total, quando o médium tem o seu cabedal um bom e educado conhecimento mediúnico (ético e moral) e suas faculdades são bem desenvolvidas, o médium durante a incorporação, tanto pode permanecer ao lado (como falamos acima) como pode se quiser empregar este tempo (incorporado) em algum trabalho útil. Porém há casos em que a educação mediúnica do médium é viciosa, não há tranquilidade nem segurança e havendo isso, o médium não terá a liberdade descrita acima, não acontecerá o afastamento do espírito do médium que quase sempre intervém nas comunicações, criando muita das vezes embaraços para a entidade, que para acalmá-lo, é necessário utilizar de seu magnetismo para adormecê-lo com passes e suavemente afastá-lo para outro local, a fim de que a tarefa preposta pela entidade seja levada até o final. Achamos que seja preciso dizer que a ansiedade e o estado inquieto em que permanece o médium durante a incorporação, às vezes não lhe trará um despertar tranquilo, harmonioso e suave. Para tanto é preciso que tudo esteja em ordem no médium, assim como no ambiente. Este deverá estar cheio de amor, harmonia e deverá inspirar confiança porque assim o médium sentirá despreocupado para a incorporação, podendo auxiliar mantendo uma atitude mental de ficar ao lado (sem atrapalhar) auxiliando a entidade a desempenhar sua missão entregando-lhe o corpo físico com boa vontade e espírito de colaboração.

Incluem-se nesta modalidade de incorporação as intervenções mediúnicas para operações em que o Astral Superior permite que as entidades curadoras baixem e usem as mãos do médium para curar a parte física como espiritual.

 MEDIUNIDADE DE PSICOFONIA

  1.  PSICOFONIA Entenda como acontece este fenômeno mediúnico pelo qual os espíritos estabelecem contato e transmitem suas mensagens através da comunicação oral.
  2. A psicofonia é a mediunidade que permite a comunicação oral de um espírito através do médium. Kardec a denominou “mediunidade falante”, ou seja, aquela faculdade que propicia o ensejo para que os espíritos entrem em contato através da palavra, travando conversações. É ainda conhecida popularmente como incorporação, mas este termo poderia sugerir uma falsa ideia de que o espírito comunicante penetra no corpo do médium, o que na verdade não acontece. 
  3. O médium é sempre responsável pela ordem do desempenho mediúnico e, seja qual for o grau de consciência, o papel dele é sempre passivo. Quando a educação mediúnica é deficiente ou viciosa, o intercâmbio é dificultado, faltando liberdade e segurança. O médium reage à exteriorização perispirítica, dificulta o desligamento e quase sempre intervém na comunicação, truncando-a. Ele deve ser o intérprete nesse intercâmbio e, assim, entender o pensamento do espírito comunicante e transmiti-lo sem alteração.
  4. As vantagens da psicofonia são muitas. Atualmente, é a faculdade mais encontrada nas práticas mediúnicas. É a porta mais acolhedora e acessível para a manifestação objetiva dos espíritos no plano material. Esta forma de mediunidade é bastante proveitosa, principalmente pela possibilidade de estabelecer o diálogo com o espírito comunicante. Por permitir o diálogo direto, vivo e dinâmico com os espíritos, facilita o atendimento dos que precisam de ajuda ou esclarecimento, possibilitando ainda a doutrinação e consolação dos espíritos pouco esclarecidos sobre as verdades espirituais.
  5. A psicofonia é uma das formas mais interessantes e úteis de mediunidade, não só porque nos faculta entendimento direto e pessoal com os espíritos, como também a possibilidade de esclarecermos os espíritos inconscientes, imersos em escuridão mental, e os maldosos, realizando assim um ato de verdadeira caridade espiritual e cooperando com os companheiros que dirigem as organizações assistenciais do espaço dedicadas a esse trabalho. Por meio da psicofonia, o médium, às vezes, chega a dizer coisas inteiramente fora do âmbitode suas idéias habituais, de seus conhecimentos e até fora do alcance de sua inteligência.
  6. Não é raro se ver pessoas iletradas e de inteligência vulgar se expressarem em tais momentos com verdadeira eloqüência e tratar, com incontestável superioridade, de questões sobre as quais seriam incapazes de emitir uma opinião no estado comum. Entre as desvantagens da psicofonia, é preciso haver muita análise para avaliar bem a origem e valor da comunicação, pois geralmente a manifestação não chega a constituir uma prova de identificação do comunicante. Seu efeito é momentâneo, nem sempre bem compreendido e a mensagem pode ser deturpada ao se tentar reproduzi-la posteriormente, a não ser que seja gravada.
  7. MECANISMO MEDIUNICO DA PSICOFONIA - O mentor espiritual responsável pela preparação do fenômeno da psicofonia aproxima-se do médium e lhe aplica forças magnéticas sobre seu chacra coronário, que sensibiliza e ativa a glândula pineal, fazendo-a produzir um hormônio chamado melatonina. A melatonina interage com os neurônios, tendo um efeito sedativo. Em seguida, a melatonina é direcionada para a parte do córtex cerebral responsável pela fala e que vai ficar sob seu efeito, ou seja, sedada.
  8. Assim, o médium perde o comando sobre os órgãos da fala, permitindo que outro espírito se ligue a este sistema sensitivo e o utilize. Posteriormente, os espíritos auxiliares aproximam o espírito que irá se manifestar pela psicofonia e fazem a ligação perispiritual aos órgãos sensitivos da fala do médium, através do chacra laríngeo. O espírito comunicante temporariamente se apossa do órgão vocal do médium, apropriando-se de seu mundo sensitivo e conseguindo se expressar através da fala.
  9.  CLASSIFICAÇÃO DA PSICOFONIA - Conforme a mecânica de desprendimento perispiritual que ocorre no processo mediúnico, o médium psicofônico pode ser classificado como consciente, semi-consciente e inconsciente.
  10. CONSCIENTE  - A psicofonia consciente é a mais comum entre os médiuns psicofônicos (70% do total). Nela, há uma exteriorização do perispírito do médium de apenas alguns centímetros.  O espírito comunicante se aproxima do médium sem manter contato perispiritual e transmite telepaticamente as idéias que deseja enunciar. É a mediunidade dos tribunos e pregadores, que manifestam a “inspiração momentânea”.
  11. O espírito emite o pensamento e influi sobre o aparelho fonador do médium, que transmite as idéias conforme as entende e usando seu próprio estilo, vocabulário e construção de frases. Em outras palavras, a ideia é do espírito, mas o jeito de falar é do médium.  O médium sente a influência e capta o pensamento do espírito comunicante na origem, antes de falar. Desta forma, ele pode avaliar antes da manifestação, tendo fácil controle do fenômeno.
  12. SEMI- CONSCIENTE - Fenômeno comum a 28% dos médiuns psicofônicos, na psicofonia semi-consciente existe uma maior exteriorização do perispírito do médium, mas ainda não completa. O espírito comunicante entra em contato com o perispírito do médium, que se semi-exterioriza, e atua através deste sobre o corpo físico, ficando os órgãos vocais do médium parcialmente sob o controle do espírito que faz a comunicação. Desta forma, o espírito tem maior atuação no órgão fonador, conseguindo falar melhor, em seu próprio estilo. Ou seja, apenas as frases são do médium, mas o estilo e as idéias são do espírito. Enquanto a mensagem é recebida, o médium sabe o que fala, sente o padrão vibratório e a intenção do comunicante, podendo controlar e intervir se necessário. Porém, ao terminar a manifestação, só recordará do início e do final da mensagem, ficando apenas com uma vaga lembrança do tema abordado.
  13.  INCONSCIENTE - Na psicofonia inconsciente, que representa somente 2% dos casos de médiuns psicofônicos, há uma exteriorização total do perispírito do médium, ficando apenas ligado pelo cordão fluídico. Inexiste ligação entre o cérebro do médium e a mente do espírito manifestante e mesmo entre sua própria mente perispiritual e o cérebro físico. O fato do espírito do médium se exteriorizar do corpo físico temporariamente faz com que passe a estar inteiramente à disposição e sob controle do espírito comunicante.
  14. A atuação do espírito sobre o organismo físico do médium é mais direta, através do chacra laríngeo e dos centros nervosos liberados. Assim, o comunicante tem maior intervenção material, modificando estilo, gestos e entonação de voz. Ou seja, as frases, o estilo e as ideias são todas do espírito. A mensagem é transmitida sem que o médium guarde consciência cerebral dela, porém, em espírito, o mesmo está consciente. Ao recobrar a consciência, o médium geralmente nada recorda da mensagem deixada. A vantagem é que há maior liberdade para o espírito, que se identifica por gestos, entonação da voz e atitudes. ●

___________________________________________________________

Pais, Filhos e O Espiritismo    (Morel Filipe)

 

O estudo do Espiritismo demonstra que a Lei de causa e efeito promove a oportunidade de reajuste sempre que a harmonia entre espíritos é quebrada. Muitos pais e filhos estão ligados por fortes laços do passado.

Você compreende seus pais? Não sei se algum outro vínculo afetivo exige tanta compreensão como em relação a nosso pai e mãe. Cada relação precisa de uma determinada qualidade obrigatória para a sua manutenção. Na relação conjugal é a tolerância, na relação entre irmãos o respeito, e por aí vai. Tudo pautado pelo amor, claro.

Mas compreender os pais é algo que devemos fazer, mais cedo ou mais tarde. Ter filhos ou não quase sempre é uma escolha, mas pai e mãe é compulsório. Se os escolhemos, foi antes de reencarnarmos, e sabe-se lá porque voltamos pra cá como filhos deles…

Filhos não vêm com manual de instruções. Não se aprende na escola ou na faculdade como educar filhos. É tudo na prática. Para quem recebe como filho um espírito amigo, parceiro de muitas vidas, o entendimento, a simpatia, os laços de amor facilitam a vida de todos. Mas isso não ocorre como um privilégio de uns poucos escolhidos. Isso ocorre por merecimento, por amadurecimento espiritual e objetivos nobres unindo pais e filhos.

No nosso estágio evolutivo, ainda é muito mais comum que recebamos como filhos antigos desafetos, velhos conhecidos com quem temos ajustes a fazer, companheiros de outras jornadas com quem contraímos dívidas, originadas de crimes e erros de toda espécie. A sabedoria infinita da Natureza faz com que recebamos às vezes um adversário ferrenho sob o disfarce irreconhecível de um bebê frágil e delicado, inspirando cuidados e carinhos.

A Lei de causa e efeito promove a oportunidade de reajuste sempre que a harmonia entre espíritos é quebrada. Cada vez que a harmonia entre dois ou mais espíritos for interrompida, a Lei de causa e efeito reconduz os partícipes dessa desarmonia para uma nova chance, para uma nova tentativa de fraternidade. E a forma mais eficaz dessa fraternidade acontecer talvez seja a convivência no mesmo lar, os laços fortes que unem mãe, pai, filhos.

Não é fácil ser mãe. Não é fácil ser pai. Não é fácil ser filho. Mas não estamos neste planeta pra achar facilidades. Aqui aprendemos a ser fortes, aprendemos a ser disciplinados, aprendemos a controlar nossos pensamentos, aprendemos a amar. Muitas mães e pais se cobram pelos erros que cometeram na criação de seus filhos. Mas essa cobrança, essa percepção do erro só vem com a experiência. Quando os erros foram cometidos, pareciam acertos. A esmagadora maioria das mães e dos pais deu o melhor de si mesma para os filhos, fizeram o que estava ao seu alcance.

É muito fácil perceber um erro depois que somos experimentados no assunto. Mas quando ele acontece é só mais um fato, mais uma ocorrência, mais uma tentativa de acerto. É bom se cobrar. É sinal de maturidade, é demonstração de busca de aperfeiçoamento, de reforma íntima. Mas essa cobrança interna não precisa gerar sofrimento. A única utilidade do sofrimento é alertar que houve um desvio da rota, que o caminho precisa ser corrigido.

Hoje se fala muito em crianças índigo. Busquei alguma coisa na literatura anos atrás, quando me deparei com o assunto, mas confesso que não formei opinião a respeito. Todos os autores se referem às crianças índigo como crianças especiais, que precisam de cuidados especiais. Não sei se é assim ou se não é assim. Mas se todos cuidassem de seus filhos como se fossem crianças índigo, se toda mãe e todo pai seguisse a orientação que se dá para lidar com as crianças índigo, todos os filhos seriam especiais. Filhos não vêm com manual de instruções. Mas as recomendações de como lidar e educar as crianças índigo deveriam ser seguidas em relação a toda e qualquer criança, índigo ou não. Seriam cometidos menos erros, haveria menos cobranças internas e aumentaria a compreensão dos filhos em relação aos pais.●



____________________________

  

              

 

HOMENAGEM A CHICO XAVIER PELO SEU ANIVERSÁRIO DE NASCIMENTO 02 de abril de 1910  



 Com o expressivo depoimento que segue, homenageamos Chico Xavier pelo seu aniversário de nascimento  - 2 de abril de 1910 - desejando ao querido amigo toda a paz e a alegria que merece em sua nova morada. Parabéns, Chico, se você estivesse conosco, completaria 106 anos de lutas apostólicas. Pena que você partiu.Um abraço apertado dos amigos que aqui deixou. 
Certa ocasião, em decorrência do estado de saúde, Chico não podia deslocar-se até o Centro.  
A multidão se comprimia na rua em frente a sua residência.  
Quando o portão se abriu, a fila de pessoas tinha alguns quarteirões. Foram passando uma a uma em frente ao Chico. Pessoas de todas as idades, de todas as condições sociais e dos mais distantes lugares do País. Algumas diziam:   
- Eu só queria tocá-lo... 
- Meu maior sonho era conhecê-lo... 
- Só queria ouvir sua voz e  apertar sua mão... 
Uns queriam notícias de familiares desencarnados, espantar uma idéia de suicídio. Outros nada diziam, nada pediam, só conseguiam chorar. Com uma simples palavra do Chico, seus semblantes se transfiguravam, saíam sorridentes.  
Ao ver as pessoas ansiosas para tocá-lo, a interminável fila, a maneira como ele atendia a todos, fiquei pensando: "Meu Deus, a aura do Chico é tão boa... seu magnetismo é tão grande, que parece que pulveriza nossas dores e ameniza nossas ansiedades". De repente, ele se volta para mim e diz:  
Comove-me a bondade de nossa gente em vir visitar-me. Não tenho mais nada para dar. Estou quase morto. Por que você acha que eles vêm? 
Perguntou-me e ficou esperando a resposta.  
Aí pensei: Meu Deus, frente a um homem desses, a gente não pode mentir, nem dizer qualquer coisa que possa vir a ofender sua humildade (embora ele sempre diga que nunca se considerou humilde).  
Comecei então a pensar que quando Jesus esteve conosco, onde quer que aparecesse, a multidão o cercava. Eram pessoas de todas as idades, de todas as classes sociais e dos mais distantes lugares. Muitos iam esperá-lo nas estradas, nas aldeias ou nas casas onde Ele se hospedava. Onde quer que aparecesse, uma multidão o cercava. Tanto que Pedro lhe disse certa vez: "Bem vês que a multidão te comprime". Zaqueu chegou a subir numa árvore somente para vê-lo.  
Ver, tocar, ouvir eram só o que queriam as pessoas.   
Tudo isso passou pela minha cabeça com a rapidez de um relâmpago. E como ele continuava olhando para mim esperando a resposta, animei-me a dizer:  
- Chico, acho que eles estão com saudades de Jesus. 
Palavras tiradas do fundo do coração, penso que elas não ofenderam sua modéstia.  
A multidão continuou desfilando. Todos lhe beijavam a mão e ele beijava a mão de todos.  
Lá pelas tantas da noite, quando a fila havia diminuído sensivelmente, percebi que seus lábios estavam sangrando. Ele havia beijado a mão de centenas de pessoas.  
Fiquei com tanta pena daquele homem, nos seus oitenta e oito anos, mais de setenta dedicados ao atendimento de pessoas, que me atrevi a lhe perguntar:  
- Por que você beija a mão deles?  
A humildade de sua resposta continuará emocionando-me sempre:  
- Porque não posso me curvar para beijar-lhes os pés. 
(Texto extraído do livro de momento de Chico Xavier)

 

Amar e perdoar
Jesus nos recomendou amar-nos uns aos outros, tal qual ele mesmo nos amou, e perdoar as ofensas, setenta vezes sete vezes, não porque nos considere habilitados para semelhante comportamento, mas porque, se lhe aceitarmos as diretrizes com paciência, ele se tornará mais intimamente associado a nós e, com ele, estaremos fortes e seguros para fazer isso. (Emmanuel)


 




ANIVERSARIANTES DO MÊS DE ABRIL DE 2014



FELIZ ANIVERSÁRIO


01 -  Francisco Adolpho Bazzin Vieira

07  – Izaias Jerônimo de Melo

07 – Marilza Fernandes

09 – Carlos Eduardo Caldeira Ribeiro

10 – Álvaro Fontoura Tabanez

11 – Alan Portela de Souza

13 – Maria Gorete Calvet

18 – Enir Maria da Rocha Corrêa

20 – Flávia Cristina Rodrigues Rosa

21 – Luiz Carlos Kraus

26 – João Vitor Correa

__________________________________________

"A graça de Deus é concedida a cada devoto

de acordo com o nível de sua consciência

espiritual. O oceano é vasto e ilimitado, mas

a quantidade de água que você pode pegar

dele é determinada pelo tamanho do

recipiente que você leva até suas margens.

Se seu recipiente é pequeno, você não pode

enchê-lo acima de sua capacidade. Do mesmo

modo, se seu coração estiver contraído, a

Graça Divina está igualmente limitada, pois

faltará espaço.

Expanda seu coração e receberá a plenitude da Graça de Deus".

 (Satyha Sai Baba)

             _____________________


"Não diga a Deus que você tem um grande

problema, diga ao seu grande problema, que

você tem um grande DEUS"!

_________________________________________


Se você deseja ser cristão efetivamente:

perdendo, vencerá na batalha humana;

cedendo, obterá os recursos de que precisa;

trabalhando, conseguirá a felicidade própria;

perdoando, edificará em torno de si mesmo;

libertando, conquistará os outros;

suportando, resistirá na tempestade;

renunciando, ganhará tesouros imortais;

abençoando, salvará muitos;

sofrendo, terá mais luz;

sacrificando-se, encontrará a paz;

suando, purificar-se-á;

amando, iluminará sempre.

André Luiz

____________________________________

Casa Humanitária Dr. Albert   Schweitzer

Faça-nos uma visita pela internet:

WWW.casahumanitaria.com


e-mail:
casahumanitaria@casahumanitaria.com


Doações: Tel.: (22) 2774-5745 -  (22) 9224-1999 e (22) 9261-6767

___________________________________________


CENTRO DE FISIOTERAPIA CORRÊA
Fisioterapia  Traumato Ortopédica, Correção Postural, Terapia Alternativa,
 Fisioterapia Reumatológica e Acupuntura
Rodovia Amaral Peixoto nº 1030 - Centro - Barra de São João - RJ -
Tel.: (22) 2774-5745
__________________________________________



Há duas espécies de família: 
As famílias pelos laços espirituais: Duráveis, se fortalecem pela purificação e se perpetuam no mundo dos Espíritos, através das várias migrações da alma. 


_____________________________________________

sao-francisco-de-assis



 

"Nós, que já estamos disposto às mudanças de atitude, que desejamos que a Paz e o Amor se estabeleça entre nós, façamos a nossa parte, seja no esforço da nossa própria  transformação íntima, seja vivendo a solidariedade no mais alto grau, que é a caridade, colaborando assim, com a construção de um Mundo Novo e Melhor".



____________________________________________________________


Sem o corpo físico, não ficaremos nessa escola que é a nossa vida na Terra. Mas sem uma alma saudável, que corpo teríamos? Cuidemos do corpo, mas não esqueça que a alma, que é nosso espírito no corpo, que realmente sobreviverá para eternidade, nosso Eu verdadeiro.


_________________________________


“A Páscoa representa a vitória da vida sobre a morte, o sacrifício pela verdade e pelo Amor. Jesus de Nazaré demonstrou que não se consegue matar as grandes ideias renovadoras, os grandes exemplos de Amor ao próximo e de Valorização da Vida. A Vida só pode ser definida pelo Amor, e o Amor pela Vida. Foi por isso que ELE afirmou que veio ao mundo para que tivéssemos Vida em abundância, isto é, Plena de Amor”.

 

Acredito que essas palavras são  altamente explicativas e claras quando a questão é ‘o que significa a Páscoa’ e ainda ajudam qualquer um – seja católico, espírita, umbandista, etc – como vivenciar a Páscoa, independente de vertente religiosa, ou ainda, livre da instituição “Igreja Católica Apostólica Romana”.

Penso que entender o sentido das afirmativas ‘vitória da vida sobre a morte’ e ‘sacrifício pela verdade e pelo Amor’ é no mínimo uma bela inspiração para todos nós, da mesma forma que é grandioso relacionar a crucificação e morte de Jesus com ‘ideias renovadoras’ e sua ressurreição com a demonstração de que não se consegue ‘matar’ as grandes ideias, os grandes exemplos de Amor ao próximo e o de valorização da vida.

Desculpem ser repetitiva, mas, para mim, essa forma de ver a crucificação, morte e ressurreição de Jesus é extremamente forte e expressiva. Um contra ponto a qualquer ideologia piegas e que me faz afirmar, mais uma vez, que fazer proselitismo religioso ou discutir qual religião é melhor, é uma grande perda de tempo, de aprendizado e de oportunidade.

Devemos compreender que as funções das religiões são, entre tantas coisas, trazer respostas às nossas aflições e ensinar o sentido da fé, do amor e da bondade, e para isso, pouco importa se o ponto de referência, se o exemplo humano, é Jesus, Oxalá ou Buda – por exemplo. Pouco importa se é Domingo de Páscoa, Festa de Ogum ou Festa das Flores (Hanamatsuri é uma promoção conjunta da Federação das Seitas Budistas) -  por exemplo. O que vale mesmo é o significado, o sentido e o poder de transformação que alcançamos com tão inspiradores exemplos.

Portanto, com esse olhar e aprendizado, quero desejar a TODOS Feliz Páscoa, TODOS os dias. Quem sabe assim revivenciaremos diariamente tais imortais ideias.

Ah, não posso deixar de dizer que ao compreender, respeitar e tentar cumprir o mandamento de Cristo “Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a ti mesmo” me faz uma umbandista cristã, ou seja, uma umbandista que acredita em Jesus Cristo e na sua grandiosidade e importância. E mais do que isso, penso que Jesus foi o MAIOR e o MAIS CONVICTO médium que já existiu, um grande exemplo para todos os umbandistas, afinal, Ele curou, rezou, aprendeu, ensinou, se sacrificou e morreu por ‘simples’ Inspiração Divina. 

____________________________________


Missão e paz na terra

Imaginemos milhões de homens, seres e crianças fundidos em um mesmo e belo espírito.

Que possamos unir em uma meditação universal sincronizada para elevar  a consciência de toda a humanidade.

Que possamos afirmar que desejamos ter uma visão mais luminosa em que tudo o que está vivo possa compartilhar.

Que possamos visualizar mil anos de paz na terra a partir deste momento.

Que possamos abraçar a todas as pessoas, sem importar com raça, religião, sexo, crença ou nacionalidade.

Que possamos recordar que no coração não há divisão e sim unidade de espírito.

Que possamos recordar que todos somos filhos de deus numa só família humana.

Que a beleza que há em nossos corações, o brilhante de nossas mentes e a divindade de nossos espíritos permitam criar esta nova visão.

Que o amor e a luz inundem nossas vidas e mudem nosso mundo. E com este grande espírito... possamos unir para iluminar o futuro.

Invocando, que do ponto de luz na mente de Deus, flua luz à mente dos homens.

Que a luz desça sobre a terra.

Invocando, que do ponto de amor no coração de Deus, flua amor ao coração dos homens.

Que Cristo possa retornar à terra.

Que do centro onde a vontade de Deus é conhecida, guie o propósito das pequenas vontades dos homens.  O propósito que os mestres conhecem e a que servem.

Do centro que chamamos de raça dos homens, realize-se o plano de amor e luz, e possa ele selar a porta onde habita o mal.

Que a luz, o amor e o poder restabeleçam o plano divino sobre a terra. Assim seja... amém!        

___________________

Mensagem de Bezerra de Menezes
  


NÃO basta rogar ajuda para si.
É indispensável o auxílio aos outros.  
NÃO vale a revelação de humildade na indefinida repetição dos pedidos de socorro.  
É preciso não reincidirmos nas faltas.  
NÃO há grande mérito em solicitarmos perdão diariamente. É necessário desculparmos com sinceridade as ofensas alheias.  
NÃO há segurança definitiva para nós se apenas fazemos luz na residência dos vizinhos. É imprescindível acendê-la no próprio coração.  
NÃO nos sintamos garantidos pela certeza de ensinarmos o bem a outrem. É imperioso cultivá-lo por nossa vez. 
NÃO é serviço completo a ministração da verdade construtiva ao próximo. Preparemos o coração para ouvi-la de outros lábios, com referência às nossas próprias necessidades, sem irritação e sem revolta.  
NÃO é integral a medicação para as vísceras enfermas. É indispensável que não haja ódio e desespero no coração. 
NÃO adianta o auxílio do Plano Superior, quando o homem não se preocupa em retê-lo. Antes de tudo, é preciso purificar o vaso humano para que se não perca a essência divina. 
NÃO basta suplicar a intercessão dos bons. Convençamo-nos de que a nossa renovação para o bem, com Jesus, é sagrado impositivo da vida. 
NÃO basta restaurar simplesmente o corpo físico. É inadiável o dever de buscarmos a cura espiritual para a vida eterna.    
Bezerra de Menezes
__________________________________

CHICO XAVIER ESTEVE EM ATAFONA E DETECTOU A FORÇA ENERGÉTICA DO LOCAL, CONTADA NO LIVRO "NO PORTAL DA LUZ"  

Contar a história de Chico Xavier é algo intrigante, emocionante e completamente espirituoso. O meu próprio nome, dado por minha avó de criação Alcina - de Teresópólis - foi inspirado nas histórias de Chico Xavier, onde tive o nome dado de Andre Luiz (Pinto). Contar que Chico Xavier esteve em Atafona nos idos de 1967, só mesmo o nosso amigo artesão Jair Vieira, de Atafona. Segundo Sr. Jair nos conta, o "Chico" esteve caminhando desde a caixa d`água da Praia de Atafona até o pontal e detectou uma forte energia no local, mesmo local que tempos depois dois cientistas fizeram experiências com as máscaras de chumbo. Segundo Sr. Jair, a passagem de Chico Xavier em São João da Barra é contada no livro " No Portal da Luz" , logo na sua introdução. Seria o Pontal de Atafona, por sua energia, relatos de fenômenos e aparições, um portal dimensional para outro mundo??? Veja abaixo um relato de uma família que recebeu Chico Xavier em sua casa de Atafona em 1967: Com “Oceano” em Atafona. O Título desta postagem seria absolutamente despropositado se "Oceano" não fosse um nome próprio. Sim, o Oceano Vieira de Melo, diretor da Versátil Home Vídeo, que distribui inúmeros filmes europeus no Brasil e produz alguns dos melhores documentários espíritas da atualidade: Chico Xavier Inédito, quatro títulos sobre Allan Kardec, Eurípedes Barsanulfo e outros. Oceano e sua esposa Sônia, na produção de um próximo
Documentário sobre Chico Xavier, foram comigo à Atafona filmar alguns lugares importantes na vida do médium, que passou 10 dias nesta praia sanjoanense. Chegamos a Atafona e fomos à casa de meu primo Cláudio Tavares para que ele nos levasse à casa onde Chico ficou em Atafona em 1967..Ao chegar à casa, entrei detendo-me demoradamente em cada detalhe. Fiquei envolvido em uma recordação muito serena e doce. Percorri a casa, fui à varanda onde, em 1967, Mamãe com Carlinhos ao colo, Margarida, eu, Luisinho e Celsinho, esperávamos ansiosamente a chegada de Chico Xavier à nossa casa. Quando a Simca Jangada de Rubinho parou em frente ao portão, eu invadi o carro para abraçar o querido Chico. Em seguida nós, então crianças, cantamos em coro a canção Companheiro, composta por Quinto Celso no livro Ave Cristo. Este fato é narrado no Trinta Anos com Chico Xavier:."Companheiro, companheiro. Na senda que te conduz, O céu te conceda à vida. às bênçãos da eterna luz. .Companheiro, 
Companheiro  

Recebe por saudação  
Nossas flores de alegria No vaso do coração!" 
Logo em seguida adentrei a sala de estar e quantas recordações maravilhosas vieram à minha mente. Eu vi nitidamente o Chico sentado à mesa com o Papai em conversas longuíssimas sobre as viagens aos Estados Unidos e à Europa. Eu escutei Chico falar sobre Carcassone e nunca mais me esqueci. Vi o querido Chico almoçando conosco e brincando com Celsinho sobre "as casas de ouro do céu", que ele prometeu dar ao Chico, sobre a bandeira do Corínthians que Chico prometeu pedir ao Galves. Enfim, sobre as receitas que uma determinada freira lhe ditava e que ele carinhosamente ajudava a minha Mãe na cozinha a fazer. E nós saboreamos estes manjares, literalmente do céu.  
Olhei o quartinho em que Chico dormiu, o lugar onde ficava a escrivaninha onde psicografou No Portal da Luz no decorrer destes 10 dias. 
Fui ao quintal, grande quintal, no mesmo lugar onde Luisinho, Celsinho e eu brincávamos às 6 da manhã sob a janela do quarto em que Chico dormia. Ele dormia muito tarde por causa da psicografia. Fazíamos muito barulho e Papai vinha rápido, sussurrando uma briga, e nós corríamos, mas no outro dia o fato se repetia. 
Vi a laranjeira, a mesma laranjeira, a mesma pitangueira e o mesmo cajueiro. Até algumas pedras, blocos de pedra grandes estão nos mesmos lugares. Tudo voltou à minha memória 41 anos depois. 
Ali sob o cajueiro, orei a Deus e agradeci a oportunidade de estar reconstruindo todas estas coisas, gravando as imagens e os depoimentos pelo trabalho oportuno e missionário de Sônia e Oceano Vieira de Melo.
.Deus abençoe sempre este casal que registra para o futuro imagens e sons, recupera documentos perdidos e gravações que jamais ousaríamos escutar.  
.Todas estas coisas estão hoje sendo levantadas pela tecnologia que nos veio por brinde divino através das mãos abençoadas do amigo Oceano.   (André Luiz Pinto)


___________________________


Atafona: balneário de encantos

 e mistérios

Marcelle Salerno

Atafona, moinho movido à água. De seu pontal: encontro do Rio Paraíba com o mar. Atafona de seu farol, sua pesca, suas vilas e crenças. A encantada Atafona e suas curiosidades e charme.


Capelinha Capelinha e centros espíritas

Construída no final dos anos 50, a capelinha de Nossa Senhora dos Navegantes é um capítulo da vasta lenda que envolve Atafona. Muitos a consideram protetora dos pescadores e sua santidade é comemorada todos os anos. Em 1988, a 1ª capela foi destruída pelo mar. Há quem diga que a natureza agiu porque o altar estava de costas para o mar. Outros crêem que a capela foi levada devido às oferendas ao mar, que eram realizadas pelos comerciantes Ronaldo Cravo e Eliete Rodrigues, em disputa por poderes espirituais. Na época, muitos pescadores recolhiam os donativos ofertados e usavam em rodas de amigos. O que todos acreditam é que não se deve retirar do local, o que é ofertado em encruzilhadas. A partir daí, muitos passaram a crer que o local da capelinha estava amaldiçoado.


Atafona Atafona e suas particularidades

Nos idos de 50 e 60, alguns pescadores levavam mais de 30 dias em alto mar. Reza a lenda que, suas mulheres colocavam um copo de água na janela da frente da casa para avisar seus amantes sobre a ausência de seus companheiros.

Naquela época, era mais fácil encontrar, também, frases apaixonadas em portões e muros. Era mais "charmoso", tinha um toque especial.

Em Atafona, muitos pescadores acreditam que ao presentearem seus afilhados na sexta-feira da Paixão, estarão abençoados e não sofrerão algum castigo dos céus.

Segundo o pescador Paulo Sergio Cravo, 60, antigamente, se falava sobre a existência de lobisomem e boitatá na praia. “Os antigos dizem que o lobisomem saia nos quintais e comia escama e tripa de peixe e, também, quando se saia para pescar, o boitatá sempre aparecia”, conta o pescador de Atafona.

“Bolas de fogo”

Na década de 60, a praia de Atafona passou a ser conhecida devido às aparições de Ovnis. O balneário ficou entre os seis mais conhecidos do Brasil. Na época, os grupos que se reuniam à beira do mar para assistir ao espetáculo, apelidavam os “discos voadores” de bolas de fogo.

Estudos apontam que em Atafona, estas “bolas” aparecem no período compreendido entre maio e agosto. Além disso, multidões costumam intimidar a presença de seres de outros planetas. Eles preferem lugares desertos.


Cura Curas de doenças

A areia da praia de Atafona é monazítica. De acordo com estudos, é a segunda areia com benefício medicinal no mundo. Ela ajuda no tratamento de reumatismo, artrite, artrose, osteoporose.

Devido à radioatividade, o poder medicinal da areia de Atafona perde, apenas, para Travancor, na Índia.

Conhecido como Bambu, Neivaldo Paes, 43, acredita no poder da energia de Atafona. Ele explica que somente três regiões do mundo possuem uma força energética tão forte: na França, África e o Pontal de Atafona, onde a energia ainda é maior. “A radiatividade aqui é muito grande. No pontal nós ficamos maiores e mais fortes do que realmente somos. Conheço pessoas que chegaram ao Pontal em cadeira de rodas e voltaram a caminhar”, declara.

Atafona, o Portal da Luz

Talvez, uma das visitas mais valiosas ao Pontal de Atafona tenha sido a do espírita Francisco Cândido Xavier, o conhecido Chico Xavier. O médium ficou em Atafona durante 10 dias. Momento em que, declarou seu amor pelo balneário. Sua hospedagem foi revestida de energia positiva, onde ele afirmou haver uma força extraordinária no trecho que ligava o pontal aos prédios da antiga Escola de Aprendizes Marinheiros. A praia serviu de palco para que Chico psicografasse uma de suas obras, “No Portal da Luz”.

A energia encontrada em Atafona não é novidade. Muitos acreditam em uma sensação de imensidão e eternidade. O encontro do Rio Paraíba do Sul com o oceano dá “uma cara” diferente ao cenário. O som da pororoca, o céu azul, o desenho das nuvens, o nascer e o por do sol, os pés descalços na areia monazítica. Toda esta mistura leva a crer em uma forte energia, que apesar de casas se perderem em meio às ruas que já não existem mais, Atafona é uma das maravilhas do Brasil.


_________________________________________________


Fundamentos para não ter medo da morte

Qualquer que seja a origem, a raça, ou o grau da escala evolutiva a que o ser humano pertença, há nele um sentimento inato dando conta de que a morte não pode ser o fim de todas as coisas. A crença no futuro além do túmulo é intuitiva e, somente com o passar do tempo é que algumas pessoas ousam discordar dessa intuição e dizer que o que nos espera além do corpo carnal é o nada. Mas, o que chega a beirar as raias da contradição, é que mesmo entre as pessoas que acreditam na vida após a morte, haja um tão grande temor desse fato que, mais dia menos dia, irá nos alcançar inevitavelmente.

Levando a questão para o crivo da lógica e da razão, pode-se ver que o medo da morte faz parte do instinto de conservação, que é comum a todos os seres viventes (inclusive aos irracionais). Esse instinto de conservação é necessário até que o homem esteja devidamente esclarecido a respeito das condições da vida futura. Sem esse temor da morte, o homem estaria propenso a deixar de enfrentar as lutas do dia-a-dia que tão necessárias são à evolução humana.

O medo da morte diminui na mesma proporção em que o homem se torna mais evoluído. Quando compreende que a vida na Terra é apenas um capítulo na sua busca incessante pela perfeição, o ser humano aguarda o fim do corpo carnal com mais calma, resignação e sem medo. Tendo a certeza da vida futura, o homem aproveita todas as oportunidades do presente, para que possa alcançar o estado evolutivo onde não mais estará remetido às reencarnações em corpos tão grosseiros. O homem espiritualizado sabe que a vida real é aquela além  túmulo e, por essa razão, não lamenta os infortúnios, as desgraças, ou as doenças que se abatem sobre o corpo físico. Antes, vai moldando o seu espírito de forma a granjear virtudes que possam acompanhá-lo para toda a eternidade.

Outra questão de grande importância é a desmistificação da vida futura como sendo resumida em apenas duas realidades: céu e inferno. A capacidade de raciocinar do ser humano não pode ser ignorada. Já não se pode crer mais em dois locais geográficos que em nada contribuem para o adiantamento do ser humano, pois, no céu, ninguém mais evolui por se encontrar eternamente em estado de contemplação e, no inferno, de igual sorte, não se evolui, porque o ser estará sofrendo o castigo eterno sem nenhuma previsão de recuperação. Quando se tira essas imagens da mente das pessoas, e se coloca a razão, onde fica claro que o espírito estará sempre evoluindo e buscando a perfeição, então o medo da morte é substituído pela obtenção de uma certeza de que ela (a morte) é apenas o início de uma nova etapa na vida, esta sim, eterna.

Quando se entende que a morte é apenas o início da uma nova vida, já não temos medo de perder os nossos entes queridos. Sabemos que os que morrerem primeiro apenas estarão aguardando a nossa chegada e que, se for necessário, é absolutamente possível a comunicação entre os desencarnados e os que aqui permanecem encarnados. Saber que os espíritos que povoam o espaço nada mais são do que as almas dos homens que viveram na Terra nos dá uma consolação inigualável.

É por tudo isso que os espíritas não temem (ou não deveriam temer) a morte. A vida futura deixou de ser uma mera hipótese, para se tornar uma realidade. O estado dos espíritos depois da morte não é mais um dogma, mas, sim, o resultado de pesquisa e observação. O mundo espiritual nos é desvendado em toda a sua realidade prática. Por esse motivo, os espíritas tem (ou deveriam ter) a necessária calma para encarar a morte, tendo serenidade em seus últimos momentos na Terra. Não é que os espíritas têm esperança. O que eles têm é a certeza, pois sabem que a vida espiritual é a vida verdadeira.

Já não há mais o receio de que o outro lado da vida seja uma mera projeção. Há a certeza de que o mundo material e o mundo espiritual estão em constantes relações e se assistem diuturnamente. Não havendo mais dúvida sobre o futuro, não há mais fundamento para se temer a morte. Encara-se a chegada da morte como a porta da vida e, não, como a entrada em um lugar onde não se sabe o que há de acontecer.

Por todas essas razões é que devemos propagar os ensinamentos do Espiritismo. Isso nos dá a certeza de que o Espiritismo não será a religião do futuro, mas, sim, o futuro das religiões. Toda religião terá de ensinar os seus adeptos a ver na vida além  túmulo a pátria verdadeira. Um dia, a religião servirá para, verdadeiramente, preparar o homem para a vida eterna.   (Elizeu Fortes)

_____________________________________

O que É A Justiça e A Vingança para O Espiriismo?

  1. Justiça ou vingança? Qual a diferença?
  2. A punição, de maneira geral tem como principais finalidades a repreensão e a prevenção de comportamentos nocivos à sociedade.

3  - Vingança é a punição pelas próprias mãos. - Justiça é a punição por intermédio de uma instituição responsável.

4. Poderia a sentença mediada pelo juiz continuar sendo uma vingança para a vítima? Qual a diferença entre a vítima se sentir vingada ou justiçada?

"Vingar-se é, bem o sabeis, tão contrário àquela prescrição do Cristo: 'Perdoai aos vossos iniCristomigos', que aquele que se nega a perdoar não somente não é espirita, como também não é cristão. A vingança é uma inspiração tanto mais funesta quanto tem por companheiras assíduas a falsidade e a baixeza."

(Allan Kardec. O Evangelho Segundo o Espiritismo. Capítulo XII. Amai os Vossos Inimigos. A Vingança — Júlio Olivier.)

 - Como se apresenta em nós a vingança?

A vingança se manifesta no nosso íntimo como uma reação carregada de forte emoção, por uma ofensa a nós dirigida. São também as formas dos revides, em discussões acaloradas, quando trocamos grosserias, os propósitos violentos de vingar crimes cometidos a familiares. Em geral, são as emoções muito fortes do ódio que levam as criaturas a atos criminosos de vingança.

 - É comum o sentimento de vingança?

 Quem é agredido por palavras ou ações, dificilmente passa por tais situações sem revidar aos impropérios ouvidos ou às pancadas recebidas. Estamos longe de oferecer a outra face àquele que nos bata numa. A atitude, a disposição íntima de quem é agredido, para ser fiel ao ensinamento evangélico, deve se revestir de uma coragem muito grande, e de um autocontrole gigantesco. O que em geral ocorre é a perda total do equilíbrio, desencadeando-se lutas corporais, ou discussões em altas vozes, com palavras de baixo calão.

 Como, nos nossos dias, podemos vencer os impulsos de vingança? Mantendo-nos vigilantes no equilíbrio interior, alicerçado num profundo amor ao próximo, sem nos deixar cair nas teias da nossa animalidade inferior. Ainda aqui, o perdão é o antídoto.

 - Podemos angariar conquistas nos capacitando ao perdão?

 O bom combate se inicia dentro de nós e as conquistas, mesmo quando lentamente obtidas, vão aumentando nossa capacidade de perdoar. Para avaliar nossa atual condição, observemo-nos diante das situações em que alguém nos fira, até mesmo fisicamente, e analisemos os sentimentos que ainda despontam em nossa alma, a intensidade deles, até que altura eles nos dominam e até onde conseguimos esquecer o fato e as criaturas que nos atingiram. Se os guardamos por muito tempo, e alimentamos as emoções desagradáveis, é sinal de alerta, que nos deve levar à meditação na tolerância e a redobrar nosso esforço no perdão, prosseguindo para melhores resultados.

 - Como justificar o combate à vingança?

 Para não sermos infratores às leis de causa e efeito, de ação e reação, para não fazermos ao próximo o que não gostaríamos que alguém nos fizesse. Pelo sentido de saldar os erros cometidos no passado, não mais repetindo-os na atual existência. E pelo amor Universal que a todos une, numa confraternização de verdadeiros irmãos que já receberam os exemplos dignificantes de um Mestre como Jesus.

 "A vingança é um dos últimos remanescentes dos costumes bárbaros que tendem a desaparecer dentre os homens." (O Evangelho Segundo o Espiritismo. Capítulo XII. A Vingança - Júlio Oliver.) Embora não sejam as ocorrências de vingança revestidas de tanta crueldade como nos tempos bárbaros, parece acontecer, em nossos dias, com surpreendente frequência, como resultado das ofensas não-perdoadas: as mortes por vingança, os crimes por desonra em casos passionais, os ódios íncontidos, fazendo vítimas, etc.

 "O homem do mundo, o homem venturoso, que por uma palavra chocante, uma coisa ligeira, joga a vida que lhe veio de Deus, joga a vida do seu semelhante, que só a Deus pertence, esse é cem vezes mais culpado do que o miserável que, impelido pela cupidez, algumas vezes pela necessidade, se introduz numa habitação para roubar e matar os que se lhe opõem aos desígnios. Trata-se quase sempre de uma criatura sem educação, com imperfeitas noções do bem e do mal, ao passo que o duelista pertence, em regra, à classe mais culta."(O Evangelho Segundo o Espiritismo. Capítulo XII. Item 15. O Duelo — Agostinho.)

 Poderá hoje, entre os seguidores da Doutrina dos Espíritos, ou entre seus leitores, constituir-se em grande dilema a questão que deriva dessa abordagem do espírito de Santo Agostinho, ou seja, o da defesa pessoal, na contingência de ser atingido por assaltantes na rua ou em sua própria casa. Deve o espírita portar arma para se defender? Preocupado com sua segurança e com a de seus familiares, no receio de serem violados na integridade física e até moral, precisam, portanto, estar prontos para se protegerem?

 Mesmo que essa defesa implique na morte de algum assaltante? Entendemos que quem tem amor no coração nada deve temer. A segurança está na confiança que devemos ter na Justiça Divina, na proteção dos Amigos Espirituais, na aceitação das provas reservadas a nós e a nossos familiares, por mais cruéis que possam ser. É preferível não se arriscar em eliminar a vida de alguém, e por isso mesmo é preferível evitar o uso de armas. A Espiritualidade tem recursos muito maiores de proteção do que possamos imaginar, e os mesmos podem ser colocados em ação em frações de tempo.●  Comunidade Espírita Reforma Intima


02 de abril, Início da Mobilização do Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo 




Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo foi instituído pela ONU em dezembro de 2007, que definiu a data de 2 de abril como marco da mobilização mundial para mostrar que há pessoas um pouco diferentes das outras, mas que, na sua essência, são tão humanas quanto todos. Autismo é uma palavra desconhecida para muitos. Dessa forma o Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo busca esclarecer o que vem a ser o Autismo e disseminar informações sobre a importância do diagnóstico e da intervenção precoce.

Na noite de 1º de abril, o prédio Empire State em Nova York estará acesso com luzes azuis, em conscientização sobre o dia do Autismo em 2 de abril. Estão repassando a campanha no resto do mundo para que todas as pessoas possam acender uma luz azul em suas casas. Outros prédios por todo o país e o resto do mundo estarão acendendo luzes azuis. Coisas que você pode fazer para ajudar na conscientização do autismo:

1 - Usar o pin azul com o desenho de uma peça de quebra cabeça durante todo o mês de abril e quando as pessoas perguntarem você pode falar sobre o autismo e o porque de você estar vestindo;

2- Mudar as fotos do orkut e perfil no twitter ou facebook com a peça azul do quebra  ou com o logo da campanha light it up: Blue e repassar para 10 amigos;

3- Digitar todos os seus emails em AZUL  e colocar o logo Light It Up Blue na assinatura durante todo o mês de abril;

4- No dia 2 de abril vestir uma peça de roupa azul, camiseta ou calça e pedir pra seus amigos, familiares ou colegas de trabalho para vestirem também, tirar fotos e repassá-las. Publicar em flickr, orkut, twitter, facebook;

5- Cozinhar um bolo com o desenho da peça de quebra-cabeça Azul, de preferência todo em azul e levar pra escola, pro trabalho e dividir com seus amigos explicando o porquê;

6- Avisar aos responsáveis de igrejas, congregações para que falem do dia em seus Cultos, Missas e Celebrações, etc.

O Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo foi instituído pela ONU em dezembro de 2007, que definiu a data de 2 de abril como marco da mobilização mundial para mostrar que há pessoas um pouco diferentes das outras, mas que, na sua essência, são tão humanas quanto todos.

Autismo é uma palavra desconhecida para muitos. Dessa forma o Dia Mundial de Conscientização sobre o Autismo busca esclarecer o que vem a ser o Autismo e disseminar informações sobre a importância do diagnóstico e da intervenção precoce. 

AUTISMO


A fita feita de peças de quebra-cabeça, representando o mistério e a complexidade dessa patologia, é um símbolo mundial da conscientização em relação ao autismo.

Cientistas brasileiros consertam 'neurônio autista' em laboratório

Ainda falta muito para recuperar cérebro inteiro, diz pesquisador.
Estudo mostra base biológica de doença altamente estigmatizada.

Fonte: Jornal Globo

O biólogo molecular e colunista do G1 Alysson Muotri e cientistas brasileiros conseguiram transformar neurônios de portadores de um tipo de autismo conhecido como Síndrome de Rett em células saudáveis. Trabalhando nos Estados Unidos, os pesquisadores mostraram, pela primeira vez, que é possível reverter os efeitos da doença no nível neuronal, porém os remédios testados no experimento, realizado em laborátorio, ainda não podem ser usados em pessoas com segurança.

Muotri, pós-doutor em neurociência e células-tronco no Instituto Salk de Pesquisas Biológicas (EUA) e professor da Faculdade de Medicina da Universidade da Califórnia em San Diego, trabalhou com os também brasileiros Cassiano Carromeu e Carol Marchetto. O estudo saiu da revista científica internacional "Cell".

Para analisar diferenças entre os neurônios, a equipe fez uma biópsia de pele de pacientes autistas e de pessoas sem a condição. Depois, reprogramou as células da pele em células de pluripotência induzida (iPS)  - idênticas às células-tronco embrionárias, mas não extraídas de embriões. "Pluripotência" é a capacidade de toda célula-tronco de se especializar, ou diferenciar, em qualquer célula do corpo.

A reprogramação genética de células adultas é feita por meio da introdução de genes. Eles funcionam como um software que reformata as células, deixando-as como se fossem de um embrião. Assim, as iPS também podem dar origem a células de todos os tipos, o que inclui neurônios.

Como os genomas dessas iPS vieram tanto de portadores de autismo como de não portadores, no final o trio de cientistas obteve neurônios autistas e neurônios saudáveis.

Comparação, conserto e limitações
Comparando os dois tipos, o grupo verificou que o núcleo dos neurônios autistas e o número de "espinhas", as ramificações que atuam nas sinapses " contato entre neurônios, onde ocorre a transmissão de impulsos nervosos de uma célula para outra " é menor.

Identificados os defeitos, o trio experimentou duas drogas para "consertar" os neurônios autistas: fator de crescimento insulínico tipo 1 (IGF-1, na sigla em inglês) e gentamicina. Tanto com uma substância quanto com a outra, os neurônios autistas passaram a se comportar como se fossem normais.

"É possível reverter neurônios autistas para um estado normal, ou seja, o estado autista não é permanente", diz Muotri, que escreve no blog Espiral. "Isso é fantástico, traz a esperança de que a cura é possível. Além disso, ao usamos neurônios semelhantes aos embrionários, mostramos que dá para fazer isso antes de os sintomas aparecerem".

Os resultados promissores, porém, configuram o que é chamado no meio científico de "prova de princípio". "Mostramos que a síndrome pode ser revertida. Mas reverter um cérebro inteiro, já formado, vai com certeza ser bem mais complexo do que fazer isso com neurônios numa placa de petri [recipiente usado em laboratório para o cultivo de micro-organismos]", explica o pesquisador.

Entre as barreiras que impedem a aplicação prática imediata da descoberta está a incapacidade do IGF-1 de chegar ao alvo. "O fator, quando administrado via oral ou pela veia, acaba indo muito pouco ao cérebro. Existe uma barreira [hematocefálica] que protege o cérebro, filtrando ingredientes essenciais e evitando um ataque viral, por exemplo. O IGF-1 é uma molécula grande, que acaba sendo filtrada por essa barreira", afirma Muotri. "Temos de alterar quimicamente o IGF-1 para deixá-lo mais penetrante" . Além disso, tanto o fator quanto a gentamicina são drogas não específicas, portanto causariam efeitos colaterais tóxicos se aplicadas em tratamentos com humanos.

'É possível reverter neurônios autistas para um estado normal, ou seja, o estado autista não é permanente', diz Alysson Muotri

"É possível reverter neurônio autista para um estado
normal, ou seja, o estado autista não é permanente",
diz Alysson Muotri. (Foto: cortesia UC San Diego)

Síndrome de Rett
O foco do estudo foi a chamada Síndrome de Rett, uma doença neurológica que faz parte do leque dos autismos. "Leque" porque o autismo não é uma doença única, mas um grupo de diversas enfermidades que têm em comum duas características bastante conhecidas: deficiências no contato social e comportamento repetitivo.

No caso dos portadores de Rett, há um desenvolvimento normal até algo em torno de seis meses a um ano e meio de idade. Mas então começa uma regressão. Além das características autistas típicas, neste caso bem acentuadas, eles vão perdendo coordenação motora e rigidez muscular.

Essa síndrome foi escolhida para o trabalho de Muotri, Carromeu e Marchetto porque tem uma causa genética clara " mutações no gene MeCP2 " e porque afeta os neurônios de forma mais acentuada, facilitando comparações e verificações de reversão.

"Talvez a implicação mais importante desse nosso trabalho é o fato de que os neurônios derivados de pessoas com autismo mostraram alterações independentemente de outros fatores. Isso indica que o defeito foi autônomo. Por isso, esse dado deve contribuir para reduzir o estigma associado a doenças mentais", comemora Muotri. "Você não fica autista porque sua mãe não te deu o amor necessário ou porque seus pais foram ruins".
Utilidade das iPS
Lygia da Veiga Pereira, doutora em Ciências Biomédicas e chefe do Laboratório Nacional de Células-Tronco Embrionárias (LaNCE) da USP, saudou a pesquisa: "É mais um trabalho que mostra a enorme utilidade das células iPS, não como fonte de tecido para terapia celular, mas como modelo para pesquisa básica, para entender os mecanismos moleculares por trás de diferentes doenças que tenham forte base genética."

Lygia faz uma ressalva sobre as características muito específicas da Síndrome de Rett. Como a disfunção é exclusivamente associada a uma mutação genética, ficam de fora os fatores ambientais que desencadeiam o autismo.

Ainda segundo a especialista, os resultados obtidos por Muotri também realçam "o que brasileiros podem fazer trabalhando com infraestrutura e agilidade para conseguir reagentes, por exemplo, e interagindo com uma comunidade científica de grande massa crítica.

  • Autismo
    • O que é?

    • O autismo é uma alteração "cerebral" / "comportamental" que afecta a capacidade da pessoa comunicar, de estabelecer relacionamentos e de responder apropriadamente ao ambiente que a rodeia.

    • Algumas crianças, apesar de autistas, apresentam inteligência e fala intactas, algumas apresentam também retardo mental, mutismo ou importantes atrasos no desenvolvimento da linguagem.

    • Alguns parecem fechados e distantes e outros parecem presos a comportamentos restritos e rígidos padrões de comportamento.

    • O autismo é mais conhecido como um problema que se manifesta por um alheamento da criança ou adulto acerca do seu mundo exterior encontrando-se centrado em si mesmo ou seja existem perturbações das relações afectivas com o meio.

    • A maioria das crianças não fala e, quando falam, é comum a ecolália (repetição de sons ou palavras), inversão pronominal etc..

    • O comportamento delas é constituído por actos repetitivos e estereotipados; não suportam mudanças de ambiente e preferem um contexto inanimado.

    • O termo autismo se refere ás características de isolamento e auto-concentração das crianças.

    • O autista possui uma incapacidade inata para estabelecer relações afectivas, bem como para responder aos estímulos do meio.

    • É universalmente reconhecida a grande dificuldade que os autistas têm em relação á expressão das emoções.

    • Características comuns do autista:

      • Tem dificuldade em estabelecer contacto com os olhos,

    • Parece surdo, apesar de não o ser,
    • Pode começar a desenvolver a linguagem mas repentinamente ela é completamente interrompida.
    • Age como se não tomasse conhecimento do que acontece com os outros,
    • Por vezes ataca e fere outras pessoas mesmo que não existam motivos para isso,
    • Costuma estar inacessível perante as tentativas de comunicação das outras pessoas,
    • Não explora o ambiente e as novidades e costuma restringir-se e fixar-se em poucas coisas,
    • Apresenta certos gestos repetitivos e imotivados como balançar as mãos ou balançar-se,
    • Cheira, morde ou lambe os brinquedos e ou roupas,
    • Mostra-se insensível aos ferimentos podendo inclusive ferir-se intencionalmente Etc.

    • Causas:

    • A nível médico as causas são desconhecidas apesar das investigações e estudos feitos.
    • Tratamentos:
    • Poucos são os tratamentos actualmente existentes uma vez que os resultados são muito pequenos e morosos.
    • Os tratamentos passam por uma estimulação constante e por um apoio constante como forma de estimular e fazer com que a criança interaja com o ambiente, com as pessoas e com outras crianças.
    • Frequentemente usa-se a hipoterapia, a musicoterapia, a terapia da fala, a natação, o contacto com animais, o apoio em casa e com especialistas e muitas outras abordagens.
    • Infelizmente estas abordagens não resolvem as causas por detrás do autismo.
    • Há que resolver as causas por detrás do autismo e para isso há que compreender quais elas são.

    • Novas abordagens:

    • Causas:

    • A observação e trabalho com crianças autistas (bem como comcrianças disléxicas, hiperactivas e outras) mostra que as crianças autistas têm uma compressão demasiado grande em termos de cabeça.
    • Isto pode equivaler a ter a cabeça colocada num torno.
    • O sofrimento que se consegue sentir na cabeça destas crianças costuma ser imenso.
    • E é muito desse sofrimento que provoca a compressão que se costuma sentir na sua cabeça.
    • A maneira como reagimos às emoções é comprimindo o corpo. Veja como exemplo a raiva e o seu efeito no corpo.
    • Sabendo que a fáscia pode criar compressões de até 140 Kgs por centímetro quadrado, pode-se imaginar o que isso representa na cabeça da criança autista.
    • Com tamanha compressão é mais do que óbvio que a criança ou adulto não consegue interagir com o meio pois está demasiado absorvido com a sua dor e com o seu desconforto.
    • As raivas da criança e a sua incapacidade de actuação encontram aqui as explicações.
    • Ninguém consegue estar bem nem interagir com o meio se está demasiado desconfortável.
    • Mais; os trabalhos e investigação do Dr. Upledger (criador daCranioSacral Therapy) mostraram que as tensões e compressões a nível das meninges existem nas crianças autistas e que estas precisam de sessões semanais (1 a 3) durante todo o seu crescimento até cerca dos 18 anos por forma a que o sistema crânio sacral funcione nas melhores condições uma vez que é este sistema que é o responsável por todo o ambiente fisiológico no qual todo o sistema nervoso vive, funciona e se desenvolve.
    • As tensões ao nível das meninges afectam todo o funcionamento não só do sistema crânio sacral mas de todo o sistema nervoso central pelo que há que libertar as tensões existentes nas meninges por forma a que o sistema crânio sacral e o sistema nervoso possam funcionar o melhor possível.
    • Pela minha experiência com estas e outras situações o que posso dizer é que de facto a tensão a nível da cabeça e a nível das meninges é demasiado grande o que explica o desconforto, irritação, agressividade,depressão, problemas de aprendizagem, desordens de atenção, défice de atenção, dislexia, hiperactividade, autismo, etc. que as crianças apresentam.
    • Tratamentos:
    • A solução para estes problemas passa por terapias que corrijam estas tensões, alterações e disfunções existentes.
    • Para o efeito pode-se utilizar a Terapia Craneo Sacral ou a Libertação Miofascial.
    • Eu pessoalmente uso (usei) mais a Libertação Miofascial em virtude de ser mais rápida e eficaz e em virtude de trabalhar todo o corpo e dedesmemorizar os tecidos.
    • Com a Libertação Miofascial consigo muito mais e muito mais rapidamente resultados nas diversas situações que me aparecem no meu dia a dia.
    • No entanto, eu estou a utilizar outras abordagens por forma a acelerar os resultados e por forma a trabalhar as causas que estão por detrás destes problemas.
    • Hoje sei que a Libertação Miofascial não me dá todas as respostas e hoje estou a usar outras abordagens muito mais rápidas e eficazes.
    • O que hoje aplico é algo muito mais rápido e eficaz do que a Libertação Miofascial.
    • É assim que eu estou em trabalho de investigação para ver outras causas e outras soluções para que de facto os resultados surjam o mais rápido possível e para que a criança não tenha de andar a fazer várias sessões semanais até aos 18 anos.
    • Até ter resultados concretos e fiáveis vou continuando a fazer o meu trabalho o melhor que sei e o melhor que posso.
    • De tudo isto, facilmente se compreende que o autismo é uma situação complicada e que não se resolve facilmente.
    • Os tratamentos acarretam uma despesa muito grande para os pais, sobrecarregando-os quando eles já estão demasiado sobrecarregados com o problema do filho.
    • Assim seria desejável que existissem apoios (financeiros, investigação, etc.) vindos de pessoas que o pudessem prestar por forma a se conseguir dar um pouco de mais qualidade de vida não só ás crianças como aos seus pais.
    • No caso do autismo, o tratamento deve sempre começar por os pais se submeterem a tratamento primeiro, para que fiquem mais relaxados e não transmitam o seu stress e tensões acumuladas ao longo dos anos aos seus filhos, impedindo-os dessa forma de fazerem os progressos que precisam.
    • No caso da Hiperactividade e mesmo da Dislexia ou de Problemas de Aprendizagem ou outros, quase sempre as crianças beneficiam imenso quando os seus pais recebem tratamento primeiro ou em simultâneo.
    • José Carlos Santiago

    A diferença pede licença 



    Dia 02 de abril, dia da conscientização

    Mundial sobre ao autismo

     

         A sociedade é um imenso mercado, onde muito cedo as pessoas são etiquetadas e colocadas em algum lugar, sem escolha possível. O bonito, o feio, o desajeitado, o inteligente, o atrasado, o grande, o pequeno, o normal, o anormal...

         E julga-se, sem piedade, os fracos, os fortes, os vencedores, os perdedores, os sãos, os doentes.

         Chama-se de diferente aquele que não está na mesma linha de normalidade que a maioria do ser humano.     

         Mas, o que é ser diferente senão o fato de não ser igual? Não somos assim, todos diferentes?

         Por que etiquetas, se todos trazemos em nós riquezas inúmeras, mesmo se muitas vezes imperceptíveis aos olhos humanos?

         A diferença pede licença sim!!!

         Dá-me oportunidade!

         Deixa-me mostrar quem sou, ao meu tempo! Deixa-me desenvolver minhas capacidades e farei florir meu deserto.

         Peço é oportunidade para mostrar do que sou capaz. Peço aceitação para estar no meu lugar, não o escolhido pra mim, mas aquele onde sou capaz de chegar.

         Se não plantamos sementes, jamais colheremos frutos!

         Deixar que cada qual desenvolva a seu tempo e seu ritmo o seu potencial é dar abertura ao mundo. É a diversidade de flores que dá a beleza a um jardim.

         Quem é normal e quem é anormal se o sangue corre da mesma forma para todos, se o coração bate da mesma forma, se as lágrimas têm a mesma cor e se o sorriso fala com as mesmas palavras?

         A diferença pede aceitação, pede respeito, pede tolerância e pede, sobretudo, muito amor.

         Anormal não é quem foge dos padrões sociais; anormal é quem não compreende e não aceita que somos todos seres imperfeitos, mas, nem por isso, diminuídos aos olhos de Deus; anormal é quem se acredita grande e pensa que o mundo todo é pequeno; é quem não percebeu o verdadeiro significado da palavra amar.

         Quando Jesus morreu de braços abertos foi para abraçar toda a humanidade; quando perdoou o ladrão, lavou pés, sarou cegos e leprosos, foi para nos dar a lição da humildade, para nos mostrar que grande mesmo é aquela pessoa capaz de abrir todas as portas do seu coração e de olhos fechados receber com amor todo aquele que a vida coloca no nosso caminho, independente da sua classe social, raça, religião, condição física ou mental.

         A diferença pede licença!...

         Abra-lhe o caminho e você vai ver onde ela é capaz de chegar!     (Letícia Thompson)

    __________________________________________________

    Homenagem a Francisco Cândido Xavier

     
    Cento e um anos de Chico Xavier - Um pão, um gesto de carinho

    *02 de abril 1910  + 30 de junho de 2002

    Publicação feita na RE edição 426

    chico_xavier_03Diante da vontade de homenagear Chico Xavier pelos 106 anos de vida se na Terra estivesse , pensamos na melhor maneira de homenageá-lo. Recordamos suas lições nos 23 anos de entrevistas a esta Revista e, sobretudo, nos seus 92 anos de vida terrena, repletos de amor e renúncia. Como sintetizar em uma única homenagem uma vida tão rica em espiritualidade? Ante a nossa dificuldade, pareceu-nos ouvi-lo dizer: "Não me sinto merecedor de homenagens; sou grama, e grama, morre uma, nasce outra". Mas em nossos pensamentos insistíamos: "Queremos homenageá-lo".  Surgiu-nos, então, sua frase inesquecível:
    "Se nós pudéssemos colocar uma legenda na frente de cada conjunto residencial, de cada cidade, de cada aldeia, de cada metrópole, de cada grande capital do progresso humano, se nós pudéssemos e tivéssemos bastante autoridade para isso, escolheríamos aquela frase de Nosso Senhor Jesus Cristo quando Ele nos disse: Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei"!
    "Nesse momento, pareceu-nos ouvi-lo na acústica da própria alma: "Há algo pelo qual eu gostaria de ser lembrado, a forma como comecei: distribuindo pão a quem tem fome". 
    e de repente tudo ficou claro: era preciso seguir-lhe os passos. Há o pão material e o pão da alma. Ele distribuiu os dois. Nós vamos distribuir também. 
    No dia 2 de abril, vamos entregar com amor o pão da padaria a quem tem fome. Vamos distribuir pães, sob a forma de gestos de carinho, visitando os encarcerados, as criancinhas doentes, os velhos sem abrigo, os desamparados. Ler uma historinha, participar de uma brincadeira, cortar o cabelo e as unhas de um paralítico, ouvir com atenção uma criatura solitária – são simples gestos de bondade que qualquer pessoa pode oferecer.
    S
    im, não há dúvida, para nós, o dia 2 de abril é o dia da doação de um pão, de um gesto de carinho. Junte-se a nós!


  • ________________________________


    19 DE ABRIL - DIA DO ÍNDIO

    História do Dia do Índio

    akuntsu


    Comemoramos todos os anos, no dia 19 de Abril, o Dia do Índio. Esta data comemorativa foi criada em 1943 pelo presidente Getúlio Vargas, através do decreto lei número 5.540. Mas porque foi escolhido o 19 de abril? 

    Origem da data 

    Para entendermos a data, devemos voltar para 1940. Neste ano, foi realizado no México, o Primeiro Congresso Indigenista Interamericano. Além de contar com a participação de diversas autoridades governamentais dos países da América, vários líderes indígenas deste contimente foram convidados para participarem das reuniões e decisões. Porém, os índios não compareceram nos primeiros dias do evento, pois estavam preocupados e temerosos. Este comportamento era compreensível, pois os índios há séculos estavam sendo perseguidos, agredidos e dizimados pelos "homens brancos".

    anambe


    No entanto, após algumas reuniões e reflexões, diversos líderes indígenas resolveram participar, após entenderem a importância daquele momento histórico. Esta participação ocorreu no dia 19 de abril, que depois foi escolhido, no continente americano, como o Dia do Índio.

    Comemorações e importância da data 

    Neste dia do ano ocorrem vários eventos dedicados à valorização da cultura indígena. Nas escolas, os alunos costumam fazer pesquisas sobre a cultura indígena, os museus fazem exposições e os minicípios organizam festas comemorativas. Deve ser também um dia de reflexão sobre a importância da preservação dos povos indígenas, da manutenção de suas terras e respeito às suas manifestações culturais.  

    arara


    Devemos lembrar também, que os índios já habitavam nosso país quando os portugueses aqui chegaram em 1500. Desde esta data, o que vimos foi o desrespeito e a diminuição das populações indígenas. Este processo ainda ocorre, pois com a mineração e a exploração dos recursos naturais, muitos povos indígenas estão perdendo suas terras.

    ava-canoeiro 


    Imagens de índio brasileiros










    Prece Indígena para a terra


    "Trate a Terra e tudo o que nela habita com respeito.

    Mantenha-se próximo ao Grande Espírito. Mostre grande respeito por todos os seres.

    Trabalhem juntos pelo benefício da Raça Humana.

    Faça o que Você sabe que é certo. Cuide do bem estar da mente e do corpo.

    Dedique uma parte de seus esforços para o Bem Maior.

    Seja sempre verdadeiro e honesto.

    Assuma a total responsabilidade por seus atos".
    Dia_do_indio

    Que Deus abençoe a cada um de vocês. Saibam que suas preces encontram as nossas quando o Sol nasce e quando se põe. Que o Grande Espírito os guie em segurança no caminho do amor, paz, liberdade nesta Mãe Terra. Que os ancestrais sagrados do amor e da luz os mantenham seguros em sua terras e em seus lares. Rezem a Deus para lhes dar algo importante para fazer neste grande trabalho que temos pela frente, para trazer paz à Terra.

    Fiquem bem, e pensem bons pensamentos de paz e união. Paz para toda a vida na Terra e paz uns com os outros em seus lares, em suas famílias e em seus países. Nós não somos muito diferentes aos olhos do Criador. O mesmo Grande Pai Sol brilha com seu amor para cada um de nós diariamente, enquanto a Mãe Terra prepara as substâncias para a nossa mesa. Afinal nós somos um.

    Poderoso Grande Espírito, Grande Mistério, neste dia de outono, aqui, em nossa abençoada Mãe Terra, aqui, neste momento,nós pedimos Paz.

    Viemos juntos em Paz. Viemos juntos em Celebração. Nós aceitamos nossas diferenças,
    Nós honramos todos os caminhos e as tradições de nossos muitos irmãos e irmãs, nós somos um povo. Nós não precisamos de papel, para nós basta a palavra do Grande Espírito.

    Obrigada por suas muitas bênçãos. Que a Paz prevaleça em Nossos Corações.

    Que a Paz prevaleça na Terra.

    "Nós cantamos as canções que carregam em suas melodias todos os sons da natureza " as águas correntes, o canto dos ventos e os chamados dos animais. Ensinem isso às suas crianças para que elas venham a amar a natureza como nós a amamos.
     Viva a Mãe Terra!!!

    Prece Indígena

    prece indígena
     Diz uma prece indígena: "Deixem-me seguir as pegadas do meu inimigo por três semanas, carregar o mesmo fardo e passar pelas mesmas provações que ele, antes de dizer uma só palavra de desaprovação à sua conduta".

    São palavras que encerram uma profunda sabedoria. Julgar o procedimento alheio, sem antes procurarmos entender os motivos que o levaram a agir assim, é o caminho mais fácil, porém é também o que mais nos leva a cometer injustiças.

    Sempre esperamos que os outros entendam nossas motivações e quando não o fazem nos sentimos injustiçados.

    Mas será que nós procuramos sempre entender as razões alheias? Será que, ao menos por um instante, seríamos capazes de tentar imaginar como agiríamos se estivéssemos no lugar da outra pessoa?

    Poucos de nós ao menos tentam.  Mas, a maioria de nós não hesita em desaprovar tudo que esteja contrariando aquilo que considera "certo".

    Experimente, ao menos uma vez, carregar o fardo de seu inimigo! 



    _______________________________

    Dia 22 de abril dia mundial do planeta Terra

    Este é o nosso futuro, uma cirança com o mundo nas mãos


    O mundo em nossas mãos
    Nós, como cidadãos do planeta Terra e como filhos da Realidade do Amor, conhecido como Deus, Yahweh, Allah, Jah, a Grande Mãe, Luz Divina e muitos outros nomes, aqui nos comprometemos a observar os seguintes ideais, estabelecidos para o benefício de todos os seres.

    1.  Como nosso ideal mais elevado, concordamos em estabelecer a paz, tanto interna quanto externa. Escolhendo este ideal em todos os relacionamentos e abraçando esta causa, concordamos em assistir à humanidade na mudança de um mundo baseado em leis do medo para um mundo baseado em leis do amor.

    2.  Concordamos em trabalhar pela paz de todos os modos possíveis, tanto dentro de nós mesmos quanto dentro do mundo. Fazendo isso nós tomamos uma parte ativa na transformação da humanidade, de uma forma de ideologias competitivas, que são a causa da guerra, para relações mais harmoniosas, que são a causa da paz.

    3. Concordamos em auxiliar aos outros a buscarem os mesmos ideais. Fazendo isto, nós reconhecemos que somos um em consciência, e que o benefício de um leva ao benefício de todos.

    4.  Concordamos em aceitar como guias a todos os benfeitores celestiais, todos os anjos e os emissários que vieram para nos assistir nesta transformação. Rendendo- nos à sua direção, nós ficaremos mais próximos da realidade de Amor que eles representam.

    5.  Concordamos em libertar ativamente as formas de pensamento separatistas, de medo, que nos acorrentaram aos padrões destrutivos com os quais nós nos vemos uns aos outros e ao mundo. Libertando esses padrões, abrimos espaço para novas idéias que nutrem nossos relacionamentos em vez de destruí-los.

    Não esperaremos mais que os líderes do mundo façam esta escolha para nós, reconhecendo que para eles, para ser real, obrigatória e legal, devemos fazê-la nós mesmos. Portanto, estabelecemos este Tratado de Paz para o benefício da humanidade e assumimos total responsabilidade pelo trabalho que ele lega. Assinando este tratado, fazemos um juramento de que transformaremos nossas vidas para refletir estes ideais, tendo o conhecimento de que o próprio mundo será transformado à medida que mudamos nossas mentes em relação ao mundo. Nós proclamamos esta realidade AGORA, sabendo que a realidade é ativada primeiramente nas mentes e depois no mundo. Através da nossa decisão coletiva, nós visualizamos e criamos um mundo novo, transformado pelo amor e pelo compromisso que este tratado significa. Está feito, e está feito através de cada um de nós. 

    MENSAGEM DO PLANETA TERRA A SEUS  HABITANTES

    PlanetaPrezado inquilino:

    Informamos que o contrato de aluguel que acordamos há bilhões de anos está vencendo. Precisamos renová-lo, mas temos de acertar alguns pontos fundamentais.

    A conta de energia está muito alta! Como você pode gastar tanto?
    Antes, eu fornecia água em abundância, mas já não disponho de grandes quantidades atualmente. Precisamos renegociar o uso dela.

    Porque alguns moradores comem o suficiente e outros estão morrendo de fome se o quintal é tão grande? Se você cuidar bem da terra, vai ter alimento para todos!

    Você cortou as árvores que dão sombra, oxigênio e equilíbrio ao clima. O calor aumentou. Você precisa replantar as árvores!

    Todos os bichos e as plantas do imenso jardim devem ser cuidados e preservados. Procurei alguns deles, mas não os encontrei. Sei que quando aluguei a casa eles estavam lá... não vi os peixes que moram nos rios e lagos. Vocês pescaram todos? Aonde estão?

    Você precisa verificar essas cores estranhas que estão no céu! Não vejo o azul! E o que é todo esse lixo espalhado por aí? Encontrei objetos estranhos pelo caminho: isopor, pneus, plásticos.. Bom, é hora de conversarmos. Preciso saber se você ainda quer morar aqui. Caso afirmativo, o que você pode fazer para cumprir o contrato? Gostaria de ter você sempre comigo, mas tudo tem um limite. Você pode mudar?

    Pense, nunca se viu em tempo algum tantos abalos sísmicos, tantos terremotos, maremotos, vendavais. Estou muito triste!!! Porém ainda tenho esperança da conscientização dos meus inquilinos.

    Aguardo respostas e atitudes.

    Sua casa, o Planeta Terra.

    Estado de alerta 

    Estudo monitora concentração na atmosfera de compostos de nitrogênio liberados pela ação humanaQueimadas na Amazonia

    As queimadas são uma fonte considerável de nitrogênio para a atmosfera, na forma de compostos como o óxido nitroso (N2O), que contribuem muito mais para o efeito-estufa que o gás carbônico. Eles aceleram as mudanças climáticas, provocam chuva ácida e, em excesso, prejudicam a produtividade de ecossistemas naturais e plantios.

    Área de floresta no noroeste do Mato Grosso degradada pela queimada. A devastação da mata é uma das fontes de óxido nitroso e outros compostos de nitrogênio que contribuem mais que o gás carbônico para o efeito-estufa

    O Brasil ainda não enfrenta problemas diretamente decorrentes do aumento da concentração desses compostos de nitrogênio na atmosfera, mas o processo contínuo de degradação da Amazônia, principalmente por queimadas e desmatamento, tem deixado os pesquisadores em estado de alerta. 



    Pesquisadores lembram que a floresta libera nitrogênio naturalmente como resultado da decomposição da matéria orgânica por bactérias no solo. Durante as queimadas, no entanto, o volume liberado é expressivamente maior. O pesquisador apresentou dados de estudo realizado em Rondônia que mostram que a deposição de nitrogênio como conseqüência da queima de biomassa foi de cerca de 5,5 kg por hectare ao ano. Na floresta conservada, o valor variou entre 2,8 e 3,1 kg por hectare/ano.
    "Já vemos alterações profundas na fixação de nitrogênio em locais da Amazônia, em áreas do cerrado e em locais de produção agrícola em São Paulo", diz pesquisadores. Segundo eles, além das queimadas e das mudanças de uso do solo, o uso de fertilizantes nitrogenados a partir da década de 1960 também contribuiu para o problema. No estado de São Paulo, com extensas áreas ocupadas pela agropecuária, a deposição de nitrogênio é a mesma da encontrada em Rondônia - entre 5,5 e 5,6 kg por hectare/ano.

    Triste liderança

    Segundo números apresentados por pesquisadores, a perda de florestas tropicais no Brasil equivale a 48% do total desmatado em todo o planeta, o que coloca o país no topo da lista de emissores de gases do efeito-estuda por desmatamento. "As emissões brasileiras são quatro vezes maiores que as do segundo país na lista, a Indonésia".
    Para os físicos, o desmatamento por queimadas é o ponto crítico da emissão de nitrogênio no Brasil. "O que motiva o processo é a política inadequada de ocupação da Amazônia. É preciso mais ordenamento e controle na região".
    Em 2009, foram desmatados na Amazônia cerca de 15 mil km2– pouco mais que o valor registrado em anos anteriores, mas menos do que nos últimos 10 anos. "Agora é preciso esperar para ver se a tendência é mesmo a de crescimento do desmatamento", afirmam os pesquisadores.

    Lembrem-se dia 22 é o dia mundial do planeta Terra, vamos cuidar da nossa casa terra!!!

    Cerimonial Indígena para cura da Terra

    Ó Grande Criador, venho diante de Ti humildemente

    E te ofereço esse cachimbo sagrado.  Com lágrimas nos olhos e uma antiga canção do meu coração,

    Eu oro. Aos quatro poderes da Criação, ao Grande Pai Sol, à Grande Mãe Lua, à Mãe Terra e aos meus ancestrais.

    Eu faço uma prece pelas minhas relações na Natureza,
    Por todos aqueles que caminham, arrastam-se, voam e nadam,
    Os que se vêem e os que não se vêem, aos bons espíritos que existem em cada parte da criação.

    Eu peço que abençoes nossos anciães e crianças e famílias e amigos, e os irmãos e irmãs aprisionados.

    Eu oro pelos que estão doentes devido a drogas e álcool
    e por aqueles sem casa e desamparados.

    Eu também rezo pela paz entre as quatro raças da humanidade.

    Que possa haver boa saúde e cura para esta Terra, que haja Beleza acima de mim, que haja Beleza abaixo de mim, que haja Beleza ao redor de mim.

    Eu peço que este mundo seja repleto de Paz, Amor e Beleza. 

    TRAZENDO DE VOLTA O EQUILÍBRIO PARA A MÃE TERRA ATRAVÉS DA IGNIÇÃO

    DA REVERÊNCIA PARA TODA A VIDA, EM TODOS OS SERES HUMANOS
    Fotos do Aquecimento Global 4

    Devido aos recentes extremos nos padrões mundiais do clima, milhões de pessoas e diversos ecossistemas maiores da Terra estão atualmente sofrendo severas injúrias e stress. Embora alguns desses extremos sejam certamente parte dos ciclos climáticos naturais, como as monções anuais no sub-continente indiano, acredita-se que o aquecimento mundial produzido pelo homem e a influência penetrante do desequilíbrio emocional humano a nível mundial, podem também desempenhar um papel no desencadeamento de eventos climáticos extremos, como as enchentes, as secas e toda a lista de calamidades que perseguem as populações humanas nas áreas afetadas. Na sua freqüentemente cega perseguição da prosperidade econômica ou simplesmente através de necessidades absolutas de sobrevivência, os seres humanos são responsáveis pela destruição acelerada de vastos habitats naturais, precipitando assim o que muitos cientistas consideram ser o sexto episódio de extinção em massa de espécies que nosso planeta experienciou em seus 4.5 bilhões de existência. 

    A menos que a humanidade perceba muito depressa as conseqüências trágicas e irreparáveis de nosso desprezo coletivo pelo único planeta vivo em que habitamos e pela falta de reverência por quase todas as outras formas de Vida, pode ser que os filhos de nossos filhos nunca possam ver o século 22.

    Nós os convidamos para sustentar em seu coração e mente, durante suas orações e meditações, a necessidade de curar nosso mundo e nossos corações humanos da falta de amor e reverência por tudo que vive na Terra. Sustente uma visão, guiada pelo Espírito Universal, de uma percepção mundial e da cura daqueles pensamentos, emoções e ações que afetam de maneira adversa o clima da Terra, de modo que, como uma família mundial nós reconheçamos e honremos a rede da vida na Terra. Que o Espírito da Vida nos desperte para a nossa Unicidade com nosso sagrado planeta vivo, pelo bem maior
    ___________________________________

     

    Oração de São Jorge


    Eu andarei vestido e armado com as armas de São Jorge para que meus inimigos, tendo pés não me alcancem, tendo mãos não me peguem, tendo olhos não me vejam, e nem em pensamentos eles possam me fazer mal.

    Armas de fogo o meu corpo não alcançarão, facas e lanças se quebrem sem o meu corpo tocar, cordas e correntes se arrebentem sem o meu corpo amarrar.

    Jesus Cristo me proteja e me defenda com o poder de sua santa e divina graça, Virgem de Nazaré, me cubra com o seu manto sagrado e divino, protegendo-me em todas as minhas dores e aflições, e Deus, com sua divina misericórdia e grande poder, seja meu defensor contra as maldades e perseguições dos meus inimigos.

    Glorioso São Jorge, em nome de Deus, estenda-me o seu escudo e as suas poderosas armas, defendendo-me com a sua força e com a sua grandeza, e que debaixo das patas de seu fiel ginete meus inimigos fiquem humildes e submissos a vós. Assim seja com o poder de Deus, de Jesus e da falange do Divino Espírito Santo. Amém.

    ___________________________________________
      
    "Do mesmo modo que a onda não pode existir para si mesma, mas como parte da superfície elevada do oceano, assim eu nunca devo viver minha vida apenas para si mesma, mas sempre interagindo com o que ocorre ao redor de mim."   
     (
    Albert Schweitzer)

    _________________________________________________



    "A ética do homem não deve terminar no homem, mas se estender a todo o universo. Ele precisa se tornar consciente novamente sobre a grande cadeia da vida, da qual ele não pode ser separado. Ele precisa entender que todas as criações têm o seu valor. O resultado para nós é não somente um aprofundar dos relacionamentos, mas uma maior amplidão dos mesmos".
     Dr. Albert Schweitzer
    __________________

    A Inveja

    Os homens são Espíritos destinados à angelitude.

    Foram criados simples e ignorantes e gradualmente desenvolvem suas potencialidades e virtudes.

    Por muito tempo viveram os instintos em sua plenitude.

    Atualmente, deixam de forma paulatina a vida instintiva e pautam seu atuar pela razão.

    No lento processo evolutivo, alguns antigos vícios perdem sua força.

    Em seu lugar, algumas novas virtudes vicejam.

    É no trato com os semelhantes que o homem toma contato com sua realidade espiritual.

    Os embates do dia-a-dia tornam possível ao ser humano perceber suas fraquezas.

    Ciente delas, pode dedicar-se ao seu combate.

    Uma das fissuras morais bastante comuns na humanidade atual é a inveja.

    São Tomás de Aquino definiu esse vício como a tristeza que se tem em relação às coisas boas dos outros.

    *O invejoso simplesmente se sente mal porque o próximo tem sucesso.*

    Não há necessidade de que algo lhe falte.

    Ele apenas se considera diminuído com a grandeza alheia.

    Na realidade, por vezes se perdoa ao semelhante mais facilmente um erro do que um acerto.

    É mais fácil auxiliar quem cai do que suportar a vitória do outro.

    Ante a fome e a enfermidade, não tardam mãos que auxiliam.

    Os benfeitores, sob o prisma material, sempre ocupam lugar de realce.

    O auxílio aos miseráveis pode propiciar, de algum modo, a satisfação da vaidade.

    Bem mais difícil é ser feliz com a felicidade alheia.

    Perante alguém que vence na vida, a animosidade com freqüência torna-se acirrada.

    Não faltam fiscais e acusadores de alguém obtém algum sucesso.

    Muitas vezes ouvimos a respeito de quem enriquece: “deve estar roubando!”

    Na escola, o aluno que obtém boas notas não raramente é objeto de maldosas observações.

    Ele ganha apelidos grosseiros e sofre comentários pouco generosos.

    ­Comenta-se que cola, que goza de favoritismos.

    A inveja está muito presente em nossa sociedade.

    A vontade de apontar os defeitos alheios é um indicativo desse vício em nós.

    Trata-se de uma fissura moral bastante freqüente e reveladora de grande mesquinharia.

    Prestemos atenção em nosso comportamento.

    Apliquemos firmemente a vontade em alijar de nosso íntimo esse triste defeito.

    Ser caridoso não é apenas amparar a miséria.

    Ser feliz com a felicidade alheia também é uma forma de caridade cristã.

    Valorizemos as conquistas e as virtudes dos outros.

    Somos todos companheiros na imensa jornada da vida.

    O clima psíquico da terra é fruto da soma da vibração de todas as criaturas que nela habitam.

    Todos os homens têm a ganhar com a felicidade dos semelhantes.

    Quando alguém se eleva, com ele se ergue toda a humanidade.

    Quando alguém cai, é prejuízo na economia moral do planeta.

    Alegremo-nos com as vitórias de nossos irmãos.

    Ao vencerem, eles não nos tiram nada.

    Muitas vezes dão preciosos exemplos, que podemos seguir.

    Sejamos solidários nas dificuldades do próximo.

    Mas participemos também, sinceramente, de seus júbilos.


    _____________________
    Cirurgia de correção da espinha bífida antes do bebê nascer cirurgia a céu aberto

     

    Para quem ainda não sabe, desde março de 2011 foi aprovado aqui no Brasil, uma nova técnica cirúrgica para correção da mielomeningocele (espinha bífida), antes do bebê nascer. É a cirurgia fetal intrauterina ( mais conhecida como céu aberto).

    Essa cirurgia é feita no feto pela barriga da mãe, e só pode ser feita entre a 20ª e a 26ª semana de gestação. Essa técnica vem sendo desenvolvida pela UNIFESP (Universidade federal de São Paulo) sob o comando do Dr. Antônio Fernandes Moron que é obstetra da UNIFESP e diretor clínico do Centro Paulista de Medicina Fetal.

    Gente essa cirurgia é de tremenda importância para aquelas mães que estão grávidas e durante o acompanhamento do pré-natal, descobrem que o bebê tem malformação na coluna. Essa cirurgia consegue reverter a mielomeningocele (espinha bífida).

    Nos Estados Unidos eles usam essa técnica cirúrgica desde 1997, mas aqui no Brasil há um ano.

    Saiba mais:  

    O que é Mielomeningocele?   

    Sinônimos: Espinha bífida, disrafismo espinhal   

    A mielomeningocele é um defeito congênito em que a espinha dorsal e o canal espinhal não se fecham antes do nascimento. A doença é um tipo de espinha bífida.   

    Causas   

    Normalmente, durante o primeiro mês da gravidez, os dois lados da coluna (ou espinha dorsal) se unem para cobrir a medula espinhal, os nervos e as meninges (os tecidos que cobrem a medula espinhal). Espinha bífida se refere a qualquer defeito de nascença que envolva o fechamento incompleto da coluna.  

    A mielomeningocele é o tipo mais comum de espinha bífida. É um defeito do tubo neural em que os ossos da coluna não se formam completamente, resultando em um canal da espinha dorsal incompleto. Isso faz com que a medula espinhal e as meninges (tecidos que cobrem a medula espinhal) se projetem pelas costas da criança.   

    A mielomeningocele pode afetar 1 em cada 800 bebês.   

    Os outros casos mais comuns de espinha bífida são:  

    Espinha bífida oculta, um problema em que os ossos da coluna não se fecham, mas a medula espinhal e as meninges permanecem no lugar, e a pele normalmente cobre o defeito 

    Meningocele, uma doença em que o tecido que cobre a medula espinhal se projeta para fora do defeito da coluna, mas a medula permanece no lugar.  

    Outros distúrbios congênitos ou defeitos de nascença também podem estar presentes em crianças com mielomeningocele. A hidrocefalia pode afetar 90% das crianças com mielomeningocele. Outros distúrbios da medula espinhal ou do sistema musculoesquelético podem aparecer, inclusive a siringomielia e o deslocamento de quadril.  

    A causa da mielomeningocele é desconhecida. No entanto, acredita-se que baixos níveis de ácido fólico no corpo da mulher antes e durante a gravidez possam ter alguma influência nesse tipo de defeito de nascimento. O ácido fólico (ou folato) é importante para o desenvolvimento do cérebro e da medula espinhal.   

    Além disso, se uma criança nasce com mielomeningocele, os futuros bebês dessa família têm maior risco do que a população geral. No entanto, em muitos casos, não há conexão com a família. Alguns pesquisadores acreditam que um vírus possa ter alguma influência, pois há maior taxa desse distúrbio em crianças nascidas nos primeiros meses de inverno. Pesquisas também indicam possíveis fatores ambientais, como a radiação.  

    Exames  

    O exame pré-natal pode ajudar a diagnosticar esse problema. Durante o segundo trimestre, as mulheres grávidas podem fazer um exame de sangue chamado teste quádruplo. Esse teste verifica a presença de mielomeningocele, síndrome de Down e outras doenças congênitas no bebê. A maioria das mulheres grávidas, mães de bebês com espinha bífida, tem níveis acima do normal de uma proteína chamada alfafetoproteína maternal (AFP).   

    Se o teste quádruplo for positivo, serão necessários mais testes para confirmar o diagnóstico. Tais testes podem incluir:  
    Ultrassonografia na gravidez 
    Amniocentese  

    A mielomeningocele pode ser vista após o nascimento do bebê. Um exame neurológico pode mostrar que a criança apresenta perda de funções relacionadas aos nervos abaixo do defeito. Por exemplo, observar como o bebê responde a leves picadas em vários locais pode revelar onde ele ou ela consegue sentir.   

    Testes feitos no bebê após o nascimento podem incluir raios X, ultrassonografia, tomografia computadorizada ou ressonância magnética da região da coluna.   

    Prevenção  

    Suplementos de ácido fólico podem ajudar a reduzir o risco de defeitos no tubo neural, como a mielomeningocele. Recomenda-se que todas as mulheres que estejam pensando em engravidar ingiram 0,4 mg de ácido fólico por dia. As mulheres grávidas precisam de 1 mg por dia.   

    É importante lembrar que as deficiências de ácido fólico devem ser corrigidas antes da gravidez, pois os defeitos se desenvolvem muito cedo.  
    As mulheres que desejam ser mães podem fazer um exame para determinar a quantidade de ácido fólico no sangue.


    ____________________

    MENSAGEM 

    DE CHICO XAVIER

    chico_2 A morte não  é nada, somente passei para o   outro lado do caminho. 
    Eu sou eu, vocês são vocês. 
    O que eu era para vocês, continuarei sendo. Deem-me o nome que vocês sempre deram. 
    Falem comigo, como vocês sempre fizeram. 
    Vocês continuam vivendo no mundo das criaturas. 
    Eu estou vivendo no mundo do criador.  
    Não utilizem um tom solene ou triste;
      
    Continuem a rir daquilo que nos fazia rir juntos.  
    Rezem, sorriam, pensem em mim.  
    Rezem por mim.  
    Que meu nome seja pronunciado como sempre foi.  
    Sem ênfase de nenhum tipo.  
    Sem nenhum traço de sombra ou tristeza. 
    A vida significa tudo que ela sempre significou.  
    O fio não foi cortado por que eu estaria fora dos seus pensamentos.  
    Agora que estou apenas fora de suas vidas, eu não estou longe.  Apenas do outro lado do caminho...  
    Você, e ai ficou, siga em frente.  
    A vida continua linda e bela como sempre foi.

    Nascer, viver, morrer, nascer de novo e progredir sempre, essa é a lei.  

  • (Chico Xavier)


    ___________________________________

    "A Terra não pertence ao homem; o homem é que a ela pertence. Disto nós sabemos. Todas as coisas estão interligadas, como os laços que unem uma família. O que acontecer com a Terra acontecerá conosco. O homem não teceu a teia da vida, ele é um fio da mesma. O que ele fizer para a Terra, estará fazendo a si próprio". 

    _____________________________________

     

    Ritual  do Silêncio

    Mae_natureza
    Oh Natureza! Aqui calamos nossa voz, para melhor ouvir o vosso canto. Calamos também nossos pensamentos, para não nos desviarem de ti, onimarcante presença, que se veste de matéria e inventa o Universo.

    Oh  Natureza! Arte misteriosa de Deus. Matéria, tinta e forma com a qual o Um se molda em todas as coisas.

    Paramos o tempo para te ver passar.

    Esvaziamos a mente até nada mais restar além de ti. Fora do qual nada tem existência.

    Oh Natureza! Portal de harmonia, saúde e luz.

    Quanto mais nos esvaziamos, mais Tu cabes em nossos corações. Paramos de pensar e até mesmo de sonhar, para não nos perdermos nele.

    Oh Natureza! Poesia viva de beleza e luz, encantamento e poder.

    Trocamos o eu pelo "não eu", o ser pelo "não ser", e, partimos totalmente sintonizados Contigo, sem medo de falhar, sem pressa por alcançar, porém ansiosos para te abrirmos a alma, como abre a flor as suas pétalas ao sol matutino.

    Oh Natureza! Espírito materializado de Deus.

    Que o fogo sagrado acenda nossos corações, quando tudo se tornar Um e o Um se tornar Tudo.

    ______________________________________________


    UTILIZE-SE DA ESPIRITUALIDADE NA SUA VIDA DIÁRIA

     

     'Não pense que espiritualidade está apenas em templos, igrejas e montanhas: ela está onde você está. A palavra espírito vem da nossa capacidade de inspirar e expirar. Se alguém me insulta e sou capaz de compreendê-lo, sem me deixar levar pela raiva, pela vingança ou pela tristeza, estou praticando a espiritualidade. O estresse, a pressa e o trânsito são ótimas oportunidades de prática espiritual. Ao perceber a tensão, já me coloco em outro patamar: inicio um processo de autoconhecimento, percebo o que impulsiona e o que me retrai. A vida urbana nos dá ótimas oportunidades para aprimorar a paciência, a tolerância, o respeito à vida, a sabedoria e a compaixão. Todos os seres são conectados. Faça o seu melhor, respira profundamente e seja gentil."


    _____________________________________________



    "A bondade constante pode realizar muito. Assim como o sol derrete o gelo, a bondade faz com que o desentendimento, a desconfiança e a hostilidade evaporem."

    Dr. Albert Schweitzer

    ______________________________________________

     


    O NOSSO PLANETA ESTÁ TRISTE

    Estamos diante de um momento crítico na história da Terra, numa época em que a humanidade deve escolher o seu futuro. à medida que o mundo torna-se cada vez mais interdependente e frágil, o futuro enfrenta, ao mesmo tempo, grandes perigos e grandes promessas. Para seguir adiante, devemos reconhecer que, no meio da uma magnífica diversidade de culturas e formas de vida, somos uma família humana e uma comunidade terrestre com um destino comum. Devemos somar forças para gerar uma sociedade sustentável global baseada no respeito pela natureza, nos direitos humanos universais, na justiça econômica e numa cultura da paz. Para chegar a este propósito, é imperativo que nós, os povos da Terra, declaremos nossa responsabilidade uns para com os outros, com a grande comunidade da vida, e com as futuras gerações.

    Terra, Nosso Lar

    A humanidade é parte de um vasto universo em evolução. A Terra, nosso lar, está viva com uma comunidade de vida única. As forças da natureza fazem da existência uma aventura exigente e incerta, mas a Terra providenciou as condições essenciais para a evolução da vida. A capacidade de recuperação da comunidade da vida e o bem-estar da humanidade dependem da preservação de uma biosfera saudável com todos seus sistemas ecológicos, uma rica variedade de plantas e animais, solos férteis, águas puras e ar limpo. O meio ambiente global com seus recursos finitos é uma preocupação comum de todas as pessoas. A proteção da vitalidade, diversidade e beleza da Terra é um dever sagrado. 

    A Situação Global

    Os padrões dominantes de produção e consumo estão causando devastação ambiental, redução dos recursos e uma massiva extinção de espécies. Comunidades estão sendo arruinadas. Os benefícios do desenvolvimento não estão sendo divididos equitativamente e o fosso entre ricos e pobres está aumentando. A injustiça, a pobreza, a ignorância e os conflitos violentos têm aumentado e são causa de grande sofrimento. O crescimento sem precedentes da população humana tem sobrecarregado os sistemas ecológico e social. As bases da segurança global estão ameaçadas. Essas tendências são perigosas, mas não inevitáveis. 


    Desafios Para o Futuro

    A escolha é nossa: formar uma aliança global para cuidar da Terra e uns dos outros, ou arriscar a nossa destruição e a da diversidade da vida. São necessárias mudanças fundamentais dos nossos valores, instituições e modos de vida. Devemos entender que, quando as necessidades básicas forem atingidas, o desenvolvimento humano será primariamente voltado a ser mais, não a ter mais. Temos o conhecimento e a tecnologia necessários para abastecer a todos e reduzir nossos impactos ao meio ambiente. O surgimento de uma sociedade civil global está criando novas oportunidades para construir um mundo democrático e humano. Nossos desafios ambientais, econômicos, políticos, sociais e espirituais estão interligados, e juntos podemos forjar soluções includentes. 

    Responsabilidade Universal

    Para realizar estas aspirações, devemos decidir viver com um sentido de responsabilidade universal, identificando-nos com toda a comunidade terrestre bem como com nossa comunidade local. Somos, ao mesmo tempo, cidadãos de nações diferentes e de um mundo no qual a dimensão local e global estão ligadas. Cada um compartilha da responsabilidade pelo presente e pelo futuro, pelo bem-estar da família humana e de todo o mundo dos seres vivos. O espírito de solidariedade humana e de parentesco com toda a vida é fortalecido quando vivemos com reverência o mistério da existência, com gratidão pelo dom da vida, e com humildade considerando em relação ao lugar que ocupa o ser humano na natureza. 

    Necessitamos com urgência de uma visão compartilhada de valores básicos para proporcionar um fundamento ético à comunidade mundial emergente. Portanto, juntos na esperança, afirmamos os seguintes princípios, todos interdependentes, visando um modo de vida sustentável como critério comum, através dos quais a conduta de todos os indivíduos, organizações, empresas, governos, e instituições transnacionais será guiada e avaliada. 

    O CAMINHO ADIANTE

    Como nunca antes na história, o destino comum nos conclama a buscar um novo começo. Tal renovação é a promessa dos princípios da Carta da Terra. Para cumprir esta promessa, temos que nos comprometer a adotar e promover os valores e objetivos da Carta.

    Isto requer uma mudança na mente e no coração. Requer um novo sentido de interdependência global e de responsabilidade universal. Devemos desenvolver e aplicar com imaginação a visão de um modo de vida sustentável aos níveis local, nacional, regional e global. Nossa diversidade cultural é uma herança preciosa, e diferentes culturas encontrarão suas próprias e distintas formas de realizar esta visão. Devemos aprofundar e expandir o diálogo global gerado pela Carta da Terra, porque temos muito que aprender a partir da busca iminente e conjunta por verdade e sabedoria. 

    A vida muitas vezes envolve tensões entre valores importantes. Isto pode significar escolhas difíceis. Porém, necessitamos encontrar caminhos para harmonizar a diversidade com a unidade, o exercício da liberdade com o bem comum, objetivos de curto prazo com metas de longo prazo.  

    Todo indivíduo, família, organização e comunidade têm um papel vital a desempenhar. As artes, as ciências, as religiões, as instituições educativas, os meios de comunicação, as empresas, as organizações não-governamentais e os governos são todos chamados a oferecer uma liderança criativa. A parceria entre governo, sociedade civil e empresas é essencial para uma governabilidade efetiva. 

    Para construir uma comunidade global sustentável, as nações do mundo devem renovar seu compromisso com as Nações Unidas, cumprir com suas obrigações respeitando os acordos internacionais existentes e apoiar a implementação dos princípios da Carta da Terra com um instrumento internacional legalmente unificador quanto ao ambiente e ao desenvolvimento.

    Que o nosso tempo seja lembrado pelo despertar de uma nova reverência face à vida, pelo compromisso firme de alcançar a sustentabilidade, a intensificação da luta pela justiça e pela paz, e a alegre celebração da vida.

    _________________________________________________


    "Nunca, em nenhuma outra época da humanidade, tantos tiveram acesso aos conhecimentos espirituais. No entanto, muitos continuam fraquejando em seus propósitos espirituais. Alguns por leviandade, outros por arrogância. Pobres humanos atormentados! Quando despertarão do jugo do ego? Quando despertarão para a maturidade espiritual? Quando escutarão as notas da vina da verdade tocando para o habitante sutil de seus corações"?
     
    ______________________________

     

    18 DE ABRIL DIA DO ESPIRITISMO - 158 anos da publicação de “O Livro dos Espíritos


    Há exatamente 157 anos, em 18 de abril de 1857, foi publicado o primeiro livro que trata sobre a doutrina espírita no mundo.  A obra, intitulada “O Livro dos Espíritos”, foi escrita por um educador francês que assinava sob o pseudônimo Allan KardecPor isso, o dia 18 de abril é considerado  um marco para a doutrina Espírita.  

    O Dia Nacional do Espiritismo, data instituída através de um projeto da deputada federal Gorete Pereira (PL/CE), de número 291/2007, em homenagem ao lançamento do Livro do Espírita, de Alan Kardec, em 18 de abril de 1857.  

    A cada 18 de abril, os espíritas recordam o ano de 1857, hoje 156 anos de lançamento da obra que sustenta a Doutrina. Mais tarde, a obra foi completada pelo Livro dos Médiuns. O Evangelho Segundo o Espiritismo, O Céu e o Inferno e A Gênese, se juntaram a estes formando o pentateuco espírita. 

         O Livro dos Espíritos
     tem uma importância excepcional por ser uma revelação, de iniciativa do Plano Superior, com a finalidade de facilitar e orientar o progresso humano. Afinal, para vivermos em equilíbrio, precisamos de respostas.  
         O Livro dos Espíritos, codificado por Allan Kardec, foi a primeira obra da codificação, onde se encontram os princípios fundamentais do espiritismo. Seu conteúdo é apresentado em 4 partes: As causas primárias; Mundo espírita ou dos espíritos; Leis morais; Esperanças e consolações. Nos ensinamentos contidos em O Livro dos Espíritos, que é um manual de conduta para a vida, encontramos recursos para que se compreenda, sem mistérios, as leis de causa e efeito, a reencarnação, a evolução do espírito, as ocupações e missões dos espíritos, entre tantas outras respostas embasadas sempre pela ciência, filosofia e religião. 
     
    _____________________________________


    Senhor


    Se um dia eu estiver " cheio da vida" , com vontade de sumir, de morrer,

    insatisfeito comigo e com o mundo em torno de mim...

    - Pergunta-me, apenas, se eu quero trocar a luz pelas trevas...

    - Pergunta-me se eu quero trocar a fartura da mesa posta, pelos restos que tantos vem buscar no lixo...

    - Pergunta-me se eu quero trocar meus pés  por uma cadeira de rodas...

    - Pergunta-me se eu quero trocar minha voz pelos gestos...

    - Pergunta-me se eu quero trocar o mundo maravilhoso dos sons

    pelo silêncio dos que nada ouvem...

    - Pergunta-me, se eu quero trocar o jornal que leio e depois jogo no lixo,

    pela miséria dos que vão buscá-lo para fazer dele seu cobertor...

    - Pergunta-me, se eu quero trocar minha saúde, pelas doenças incuráveis de tanta gente...

    - Pergunta-me também,  até quando não reconhecerei as Tuas Bênçãos,

    a fim de fazer de  minha vida um hino de louvor e gratidão e dizer, todos os dias, do fundo de mim:

    - Obrigado, Senhor! 

    ___________________________


    Terra: Mundo de Expiações e Provas

                                                                                

     Os sofrimentos existentes no planeta Terra são devidos às imperfeições morais dos seres que nela habitam. Embora a intelectualidade até certo ponto desenvolvida e apurada, as criaturas humanas que povoam o Orbe Terrestre ainda encontram-se, em sua maioria, com a moral atrofiada pelas paixões inferiores alimentadas pelo orgulho, pelo egoísmo e pela vaidade, sentimentos estes precursores de todas as desgraças humanas. A iniqüidade reinante no Globo não pode ser ignorada, pois, em todos os recantos do mundo, ela é visível e concreta.
    Não há dúvida que a Lei do Progresso é uma Lei Natural e necessária para toda a criação. Emanada de Deus é, por isso mesmo, imutável, e atinge a tudo e a todos.
    É certo também que o progresso intelectual precede ao progresso moral e, assim sendo, possibilita ao Espírito saber diferenciar o bem do mal e o certo do errado, facultando-lhe desta forma, o verdadeiro merecimento das escolhas acertadas que fizer durante a sua vida.
    No entanto, a moral, que deveria acompanhar nas mesmas proporções o crescimento intelectual, impulsionador do progresso científico e tecnológico do planeta, não está se desenvolvendo como deveria. Está ainda a passos lentos e vacilantes, e as evidências desta lentidão estão patentes entre os povos, podendo ser bem observada tanto no passado quanto na atualidade.
    Ninguém seria tão otimista a ponto de negar a violência que assola a Humanidade terrestre: ela está presente no trânsito, destruindo vidas e mutilando corpos; nas drogas, acabando com a mocidade e a adolescência dos jovens nas viciações químicas, levando-os à loucura, quando não à morte; na prostituição infanto-juvenil, criminosamente conduzida por seres inescrupulosos e sem valores reais; nas competições profissionais, acirradas e muitas vezes desonestas; na política, fazendo com que aqueles que prometeram proteger e auxiliar o povo subvertam suas obrigações patrióticas por interesses pessoais e mesquinhos; nas religiões, onde fanáticos insanos lutam e se aniquilam pela posse de um deus mais forte e mais poderoso; no lar, pela falta da paciência e do diálogo atencioso dos pais para com os filhos, e o desrespeito dos filhos para com os seus velhos pais... Tem-se a impressão que os atos violentos, praticados por pessoas doentias, banaliza-se no curso do tempo; e assim será considerado, caso não haja a conscientização de todos em buscar soluções racionais e eficazes contra estes fatos degenerantes da moral e da paz.
    Mesmo assim, apesar desta violência sufocar, confundir, assustar e encarcerar o homem na sua liberdade de ir e vir " direitos estes assegurados pelas leis que regem a maioria dos países " nunca se assistiu, em todos os tempos, tantos movimentos organizados por pessoas boas e pacíficas, tentando melhorar as condições de vida daqueles irmãos menos afortunados, trabalhando voluntariamente com o objetivo cristão de tornar o mundo melhor e mais justo.
    O combate à violência exterior não é uma obrigação exclusiva dos grupos governamentais, ele inicia-se com a batalha íntima das imperfeições interiores de cada um dos seres, e a cada um compete fazer a sua parte do trabalho.
    Vigiando e evitando as pequenas violências e delitos que podem ocorrer na intimidade familiar, irradiando-se ao agrupamento maior do qual faz parte, o indivíduo estará contribuindo com a Divindade na construção de uma sociedade pacífica e irmã, em cuja bandeira única estará escrita, com letras garrafais, a palavra AMOR.
    Mais do que nunca, neste momento de grandes transformações, os ensinos de Jesus devem ser praticados na sua totalidade, “Orai e vigiai”, disse Ele aos homens, e a Doutrina Espírita, acompanhando de perto estes ensinamentos sagrados, veio a seu tempo mostrar aos Espíritos sinceros e de boa vontade a forma de conseguir superar o mal e sobrepujar as imperfeições.
    Para isto, é necessário: DISCIPLINA, DISCIPLINA e DISCIPLINA.

    ___________________________

    ESPIRITUALIDADE E CONSCIÊNCIA 

    Uma mensagem maravilhosa que compartilho com todos que se permitirem conhecer e se deixar envolver na inspiração da Alma!
      
    Espiritualidade é um estado de consciência; não é doutrina, não!
    É o que se leva dentro do coração.
    É o discernimento em ação!
    É o amor em profusão.
    É a luz nas idéias e equilíbrio na senda.
    É o valor consciencial da alegria na jornada.
    É a valorização da vida e de todos os aprendizados. 
    É mais do que só viver; é sentir a vida que pulsa em todas as coisas.
    É respeitar a si mesmo, para respeitar o próximo e a natureza.
    É ter a plena noção de que nada acaba na morte do corpo, pois a consciência segue além, algures, na eternidade...
    É saber disso – com certeza -, e não apenas crer nisso.
    É viver isso – com clareza -, sem fraquejar na senda.
    É ser um presente, para si mesmo, para os outros e para a própria vida.
    Espiritualidade é brilho nos olhos e luz nas mãos.
    E isso não depende dessa ou daquela doutrina; depende apenas do próprio despertar espiritual; depende do discernimento consciencial se unir aos sentimentos legais, no equilíbrio das próprias energias, nos atos da vida.
    Ah, espiritualidade é qualidade perene; não se perde nem se ganha; apenas é!
    É valor interno, que descerra o olhar para o infinito... para além dos sentidos convencionais. É janela espiritual que se abre, dentro de si mesmo, para ver a luz que está em tudo!
    Espiritualidade é essa maravilha: o encontro consigo mesmo, em paz.
    Espiritualidade é ser feliz, mesmo que ninguém entenda por quê.
    É quando você se alegra, só pelo fato de estar vivo!
    É quando o seu chacra* do coração se abre igual a uma rosa, e você se sente possuído por um amor que não é condicionado a coisa alguma, mas que ama tudo.
    É quando você nem sabe explicar porque ama; só sabe que ama.
    Espiritualidade não depende de estar na Terra ou no Espaço; de estar solteiro ou casado; de pertencer a esse ou aquele lugar; ou de crer nisso ou naquilo.
    É valor de consciência, alcançado por esforço próprio e faz o viver se tornar sadio.
    Espiritualidade é apenas isso: SER FELIZ!
    Ou, como ensinavam os sábios celtas de outrora: SER UM PRESENTE!
    Paz e Luz.                                                             (Wagner Borges)-
    __________________________________________________


    Alienação Parental   
    Melissa Telles Barufi  
     
     Não podia amar meu pai para não magoar minha mãe e naquele momento não queria admitir que sempre amei para não me magoar.  
     O Direito de conviver com a família está previsto na Constituição Federal de 1988, em seu art. 227, caput, "é dever da família, da sociedade e do Estado assegurar à criança e ao adolescente, com absoluta prioridade, o direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária, além de colocá-los a salvo de toda a forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão". 
     A Alienação Parental, também conhecida como implantação de falsas memórias, assombra muitas relações familiares, especialmente no momento da separação. É uma prática onde um dos genitores, ou outro parente, programa a criança ou adolescente para deixar de gostar do outro genitor, ou parente. 
     “A criança é induzida a afastar-se de quem ama e que também a ama. Isso gera contradição de sentimentos e destruição do vínculo entre ambos. Restando órfão do genitor alienado, acaba identificando-se com o genitor patológico, passando a aceitar como verdadeiro tudo o que lhe é informado.”  
     É, portanto, uma conduta ilícita que pode causar danos irreparáveis na vida de um ser humano, indo contra as Garantias Constitucionais da dignidade da pessoa humana, e a proteção ao melhor interesse da criança e do adolescente. 
     Dentre todos os males que a Alienação parental pode causar está a Síndrome de Alienação Parental, identificada em 1985, por um psiquiatra norte-americano, chamado Richard Gardner. Este psiquiatra conceituou a Síndrome como sendo “uma situação em que, separados, e disputando a guarda da criança, a mãe ou o pai a manipula e condiciona para vir a romper os laços afetivos com o outro genitor, criando sentimento de ansiedade e temor em relação ao ex-companheiro”. 
    Ainda para Gardner (2002) o vínculo uma vez destruído jamais voltará ao estado de pureza que era antes. 
    “Os efeitos nas crianças vítimas da Síndrome de Alienação Parental podem ser uma depressão crônica, incapacidade de adaptação em ambiente psico-social normal, transtornos de identidade e de imagem, desespero, sentimento incontrolável de culpa, sentimento de isolamento, comportamento hostil, falta de organização, dupla personalidade, e às vezes suicídio. Estudos tem mostrado que, quando adultas, as vítimas da alienação tem inclinação ao álcool e as drogas, e apresentam outros sintomas de profundo mal-estar.” 

     Neste contexto, a Alienação Parental vem sendo estudada não somente pela área da psiquiatria, mas por diversas áreas da ciência – inclusive a jurídica – preocupadas em entender seus mecanismos e, conseqüentemente, deter seu avanço.  

    Atualmente, contamos com o Projeto de Lei n° 020/2010, que se encontra no Senado Federal, na Comissão de Constituição e Justiça, para aprovação, que em seu artigo 1º, caput conceitua o ato de alienação parental como: 
     “a interferência na formação psicológica da criança ou adolescente, promovida ou induzida por um dos genitores, pelos avós, ou pelos que tenham a criança ou adolescente sob sua autoridade, guarda ou vigilância, para que repudie genitor ou que cause prejuízos ao estabelecimento ou à manutenção de vínculos com este. 
     "Este projeto de Lei, que tramita pelo Legislativo desde o ano de 2008, contém 9 (nove) artigos de valiosíssimo conteúdo, onde, além de conceituar, considera como formas de alienação parental, além dos atos declarados pelo juiz ou constatados por equipe multidisciplinar, os praticados diretamente ou com auxílio de terceiros, e os exemplifica. 
     Esta lei poderá servir de prevenção, ou seja, se bem aplicada, poderá impedir que Alienação se instale, conforme leciona seu artigo 5º, onde o Magistrado que detectar uma suposta ocorrência de alienação parental, declarará a ocorrência e advertirá o alienador (inciso I), dentre outras atitudes a serem tomadas.  
     Esta lei abrirá as portas para que a sociedade e os operadores do direito venham a combater esta conduta cruel que é utilizar crianças e adolescentes como armas de vingança. 

    ________________________________


    UMA BELA ORAÇÃO DO PAPA FRANCISCO 

    Uma oração em cada dedo.
     





    1. O Polegar é o mais próximo de você. Então comece a orar por aqueles que lhe são mais próximos. Eles são os mais facilmente lembrados. Orar por nossos entes queridos é "uma doce obrigação"!
    2. O seguinte é o dedo indicador. Ore por aqueles que ensinam, instruem e curam. Isso inclui mestres, professores, médicos e padres. Eles necessitam de apoio e sabedoria para indicar a direção correta aos outros. Mantenha-os em suas orações sempre presentes.
    3. O próximo dedo é o mais alto. Ela nos lembra dos nossos líderes. Ore para que a presidenta, congressistas, empresários e gestores. Essas pessoas dirigem os destinos de nossa nação e orientam a opinião pública. Eles precisam da orientação de Deus.
    4. O quarto dedo é o nosso dedo anelar. Embora muitos fiquem surpresos, é o nosso dedo mais fraco, como pode dizer qualquer professor de piano. Ele deve lembrar-nos a rezar para os fracos, com muitos problemas ou prostrados pela doença. Eles precisam da sua oração dia e noite. Nunca é demais para orar por eles. Você também deve se lembrar de orar pelos casamentos.
    5. E finalmente o nosso dedo mindinho, o dedo menor de todos, que é a forma como devemos nos ver diante de Deus e dos outros. Como a Bíblia diz que "os últimos serão os primeiros". Seu dedo mindinho deve lembrá-lo de orar por você. Quando você estiver orado para os outros quatro grupos, suas próprias necessidades estarão na perspectiva correta, e você poderá rezar melhor pelas suas necessidades.    
    (tradução: Pe. Helder José, C.Ss.R.)

    ____________________________________________

    Imprevisível...     Rubia A. Dantés

    Parece que sempre estamos esperando que estejamos organizados de alguma forma para poder colocar as coisas ou nos colocar em alguma coisa... Mas, pode ser que nos momentos em que estamos mais desorganizados é que podemos nos surpreender... ou a própria vida se encarrega disso... pode ser que no meio do maior caos, onde tudo está fora do lugar, que nossas vidas costumam se organizar de uma forma inesperada, fazendo-nos mais felizes...
    Quando temos tudo muito organizado... quando as coisas caminham na forma que esperamos, temos muito apego a como as coisas devem ser para continuar no rumo que "pensamos" ser o melhor e, na maior parte das vezes, esse rumo vem de memórias equivocadas que criam nossas realidades pautadas no medo... e nas muitas limitações de experiências passadas...
    O passado, recente ou remoto, consciente ou inconsciente, tem sido o guia da criação do nosso futuro, e com isso, nunca nos damos a chance de viver as experiências que só o presente pode nos proporcionar...
    Nossos conceitos equivocados de "bem e de mal" "sagrado e profano" em todas as nuances que costumam nos impor as religiões, a sociedade... que não são baseados na Verdade, impedem-nos de viver experiência mágicas que só acontecem quando nos livramos das grades em que esses conceitos nos aprisionam.
    Por isso, quando tudo cai por Terra, nossos sonhos realizados ou não... e nos encontramos assim meio sem rumo no meio de tanta desconstrução, é que o presente pode nos surpreender com o novo. Quando não temos planos nem expectativas é que, por vezes, os melhores planos para nossa vida se manifestam...
    Temos a mania, nada saudável, de nos apegar aos caminhos que deram certo, sem nos lembrar que o "dar certo" é algo que não é fixo e se transforma segundo as muitas variações de cada momento. Se naquela configuração deu certo e tentamos manter a mesma configuração para que continue dando certo, é o mesmo que decretarmos o fracasso naquele ponto... Para que as coisas continuem dando certo, elas precisam fluir com as energias do presente... e o que é fixo não flui... o que é fixo nos prende ao passado impedindo-nos de viver as possibilidades que chegam a todo momento que estamos livres para ele.
    Sei que é muito mais fácil falar sobre isso do que fazer... mas, se temos consciência de algumas coisas, podemos nos observar... e perceber quando estamos apegados e tentando segurar o passado que deu certo um dia, mas, não está mais sendo bom o suficiente...
    Por apego ao passado, ficamos muito tempo enganando a nós mesmos... Tentando a todo custo nos convencer que aquilo que foi bom um dia vai ser para sempre... como uma fórmula mágica que funcionou uma vez e vai continuar sendo assim...
    Se o Universo acena com mudança... é melhor não resistir, desapegar e deixar que ele desorganize tudo que for preciso para que um novo começo possa acontecer...
    Temos tanto medo de recomeçar, tanto medo do novo que preferimos ficar com o mais ou menos ou com o já declarado "ruim" a correr o risco de começar de novo... E novo é todo dia...
    Esse conceito de buscar segurança mantendo as coisas fixas, é um dos maiores erros das nossas vidas...
    Por isso... não se assuste tanto se o Universo resolver desmoronar sua realidade com algumas mudanças inesperadas... experimente não se apegar tanto ao que já se foi... dê uma chance para que o novo se apresente... Se tentarmos segurar o passado não vamos nem perceber o que está tentando entrar na nossa vida...
    Deixe a mente mais livre dos conceitos que a mantinham presa a fórmulas ultrapassadas... arrisque a pelo menos olhar para o que está tentando se manifestar para você... Quem sabe a vida está querendo lhe dar o que você mais quer e você está relutando em aceitar, só porque aquilo não se adequa aos seus planos... às suas expectativas... seus sonhos...
    Muitas vezes o que vai nos fazer feliz não se enquadra a nada mesmo do que sempre imaginamos... Quando damos chance ao novo, estamos dando oportunidade do Universo nos trazer outras possibilidades que nem cabem nas pequenas e limitadas opções da nossa mente...
    Sei que estou falando o que mais preciso escutar nesse momento, porque estou assim no meio de uma desconstrução de muitas coisas que eu julgava ser meu caminho... Uma mudança geral nos planos da minha mente e nas minhas expectativas... parece que o imprevisível resolveu assumir o controle... e quando é assim, só resta observar e seguir por onde tem menos resistência... é assim que a Vida pode entrar mais facilmente e nos revelar os seus segredos...

    ____________________________________________

    É indispensável manter o Espiritismo, qual foi entregue pelos Mensageiros Divinos a Allan Kardec, sem compromissos políticos, sem profissionalismo religioso, sem personalismos deprimentes, sem pruridos de conquista a poderes terrestres transitórios”.  Bezerra de Menezes

    ___________________________

    O que é inteligência emocional?  



    O mundo corporativo carrega a máxima de que os profissionais são contratados, geralmente, por seus conhecimentos técnicos, mas demitidos por problemas comportamentais. Muitas vezes, a falta de sensibilidade de se relacionar com os outros e não saber lidar com situações de desconforto prejudicam a imagem e o desempenho do indivíduo. Neste contexto, o desenvolvimento da inteligência emocional no trabalho pode ser um grande aliado.   
    A inteligência emocional é a capacidade de administrar as emoções para alcançar objetivos. A partir desta definição, é possível entender porque as pessoas devem saber lidar com seus medos, inseguranças e insatisfações em prol do êxito nas atividades. Esta competência, que cada vez mais tem o papel de diferenciar os profissionais, permite desenvolver um ambiente harmonioso e, ao mesmo tempo, ser produtivo em ideias e resultados.  
    O ser humano, por sua natureza, tem predisposição a realizar ações em cima de suas emoções e a IE está ligada a ser uma pessoa prudente, intuitiva e racional. Ela faz parte de um equilíbrio e diante de ações, permite ser sensato e buscar a melhor solução. As prerrogativas de ter a inteligência emocional bem equilibrada é a sabedoria nas tomadas de decisão, ter a tranquilidade e discernimento para buscar as melhores estratégias.   
    Saber agir emocionalmente com inteligência pode trazer diversas vantagens no dia a dia e na carreira. Rápidas promoções, trazer resultados efetivos para a equipe e para a empresa, ampliação da rede de relacionamentos e aprendizado com maior facilidade são alguns dos benefícios quando o profissional desenvolve esta competência. “Quando o profissional se encontra balanceado, consegue ver as ‘coisas de cima’ e se torna visionário porque sabe negociar, desenvolve aguçada intuição e escuta mais seus líderes e pares”, explica Priscila Soares, gerente de Recursos Humanos da Trevisan Outsourcing. De acordo com Priscila, caso esta competência não seja bem trabalhada, o profissional acaba não aplicando a melhor solução, pois as emoções têm o poder de influenciar raciocínios. “Isso acarreta a perda de pessoas nas corporações e grandes prejuízos financeiros”, comenta.  
    Carreira  
    A experiência na profissão tem pouca relação com o domínio da competência. O tempo e maturidade ajudam a desenvolver certas habilidades com maior precisão, mas não significa que alguém com mais idade tenha a inteligência emocional mais desenvolvida do que um jovem profissional, pois isto depende também de fatores sociais. “A chamada Geração Y é tida como a mais ativa dentre o meio empresarial e possui um poder de iniciativa muito alto. Entretanto, a inteligência emocional deve ser desenvolvida entre todas as camadas de idade das organizações”, aponta Carlos Cruz, Coach e Diretor da UP Treinamentos & Consultoria. Para ele, as empresas valorizam profissionais que geram resultados e, para atingir metas, as pessoas são fundamentais. “As que possuem um maior equilíbrio emocional em prol de objetivos e maior produção ganham destaque no mercado”, indica.  
    O Recursos Humanos é o facilitador de todos os departamentos de uma organização e compete ao RH, na hora de uma avaliação ou feedback, instigar os profissionais a tomar decisões inteligentes e ações inovadoras. Hoje, em um mundo corporativo extremamente imediatista, a capacidade de influenciar positivamente outros profissionais é muito valorizado e, a partir de treinamentos, os RHs têm esse compromisso.  
    Áreas e situações  
    Por se tratar de uma competência comportamental, todos os campos de atuação requerem a inteligência emocional, mas existem ofícios e atividades da rotina que a expõem de uma forma mais latente. Pessoas com cargos de liderança, por exemplo, necessitam de muitas técnicas para agir de maneira harmoniosa no dia a dia. Assim como profissionais com muita tecnicidade, pois são muito detalhistas em suas atividades. Geralmente, os que lidam e dependem de pessoas, como, por exemplo, os da área comercial, devem usar muito a inteligência emocional, pois a partir disto conseguem conquistar clientes.  
    “Um bombeiro ou um policial precisam de um grande desenvolvimento na inteligência emocional, pois lidam com situações extremas. Nas corporações, cargos de liderança, principalmente, necessitam desta competência desenvolta, pois depende do próprio resultado para sobreviver no mercado, mas também precisa passar motivação para a equipe”, observa Carlos Cruz.  
    Quando o profissional é colocado a prova, acaba se expondo e tendo que lidar com situações desafiadoras. Obviamente, em situações e ambientes mais cômodos, a tendência de não ter que utilizar a competência com mais afinco é maior.    Fonte:
    Portal Carreira & Sucesso
    ____________________________

    O Testamento de JESUS

     

         Eu, Jesus de Nazaré, vendo que se aproxima a minha hora de deixar o mundo, estando na posse das minhas plenas faculdades para assinar este documento, desejo repartir os meus bens entre as pessoas mais chegadas a mim. Mas, como vou ser entregue como cordeiro para a salvação da humanidade, penso que é conveniente deixar os meus bens a todos.

          Deixo todas as coisas que, desde o meu nascimento, estiveram presentes na minha vida e a marcaram de um modo significativo. Assim:

          Deixo a ESTRELA que conduziu os Magos a Belém, aos desorientados e a todos os que precisam de ver claro, a todos os que desejam ser guiados ou servem de guia aos outros.

          Deixo A MANJEDORA aos que não têm nada, nem sequer um lugar para se abrigar, uma fogueira para aquecer-se, um amigo com quem falar.

          Deixo as minhas SANDÁLIAS  aos que desejam empreender um caminho de bem, aos que estão dispostos a seguir-me até ao fim, mesmo pelos quatro cantos do mundo.

          Deixo a BACIA onde lavei os pés, aos que querem servir os outros, a quem desejar ser pequeno diante do seu semelhante, pois esse será grande aos olhos de meu Pai.

          Deixo o PRATO onde parti o pão, aos que promovem a fraternidade para que estejam sempre dispostos a amar acima de tudo e a todos.

          Deixo o CÁLICE aos sedentos de um mundo melhor, de uma sociedade mais justa e de uma Igreja mais fraterna.

          Deixo a CRUZ a todos aqueles que estiverem dispostos a carregar com ela e a seguir-me.

          Deixo a TÚNICA a todo aquele que a dividir e repartir pelo necessitado.

          Também quero deixar como legado, a toda a Humanidade, as atitudes que guiaram a minha Vida, atitudes que quero que guiem também as vossas vidas.

         Deixo a minha PALAVRA, que o Pai me confiou, a todo aquele que a escuta e põe em prática.

          Deixo a ALEDRIA a todos os que desejarem partilhá-la sobretudo com o triste.

          Deixo a HUMILDADE a quem estiver disposto a trabalhar acima de tudo pela expansão do Reino de Deus.

          Deixo o meu OMBRO, a todo aquele que precisar de um amigo em quem possa reclinar a cabeça, ao abatido pelo cansaço do caminho para que possa descansar e recobrar forças para continuar caminhando.

          Mas, porque amo a Humanidade, por quem tanto sofri, deixo-me a MIM MESMO na EUCARISTIA. "Eu estarei sempre convosco até ao fim dos tempos".
     _______________________________



    Uma verdadeira lição de vida. Não deixe de ler até o final.


    Um jovem de nível acadêmico excelente candidatou-se à posição de gerente de uma grande empresa. Passou a primeira entrevista e o diretor fez a última entrevista e tomou a última decisão. Descobriu
     através do currículo dele que as suas realizações acadêmicas eram excelentes em todo o percurso, desde o secundário até à pesquisa da pós-graduação e não havia um ano em que não tivesse pontuado com nota máxima. O diretor perguntou: "Tiveste alguma bolsa na escola?" O jovem respondeu: “nenhuma". O diretor perguntou: "Foi o teu pai que pagou as tuas mensalidades?" O jovem respondeu: "O meu pai faleceu quando tinha apenas um ano, foi a minha mãe quem pagou as minhas mensalidades.” O diretor perguntou: "Onde trabalha a tua mãe?" e o jovem respondeu, "A minha mãe lava roupa.” O diretor pediu que o jovem lhe mostrasse as suas mãos. O jovem mostrou um par de mãos macias e perfeitas. O diretor perguntou: "Alguma vez ajudaste a tua mãe a lavar as roupas?" e o jovem respondeu: "Nunca, a minha mãe sempre quis que eu estudasse e lesse mais livros. Além disso, a minha mãe lava a roupa mais depressa do que eu.”

     O diretor disse: "Eu tenho um pedido. Hoje, quando voltares, vais e limpas as mãos da tua mãe, e depois vens ver-me amanhã de manhã.” O jovem sentiu que a hipótese de obter o emprego era alta. Quando
     chegou a casa, pediu feliz à mãe que o deixasse limpar as suas mãos. A mãe achou estranho, estava feliz, mas com um misto de sentimentos e mostrou as suas mãos ao filho. O jovem limpou lentamente as mãos da  mãe. Uma lágrima escorreu-lhe enquanto o fazia. Era a primeira vez que reparava que as mãos da mãe estavam muito enrugadas, e havia demasiadas contusões em suas mãos. Algumas eram tão dolorosas que a  mãe se queixava quando limpava com água. Esta era a primeira vez que o jovem percebia que este par de mãos que lavavam roupa todo o dia tinham-lhe pago as mensalidades. As contusões nas mãos da mãe eram o  preço a pagar pela sua graduação, excelência acadêmica e o seu futuro. Após acabar de limpar as mãos da mãe, o jovem
    silenciosamente lavou as restantes roupas pela sua mãe. Nessa noite, mãe e filho falaram por um longo tempo. Na manhã seguinte, o jovem foi ao gabinete do diretor. O diretor percebeu as lágrimas nos  olhos do jovem e perguntou: "Diz-me, o que fizeste e aprendeste ontem em tua casa?”
      O jovem respondeu: "Eu limpei as mãos da minha mãe, e ainda acabei de lavar as roupas que sobraram.” O diretor pediu, "Por favor, diz-me o que sentiste.” O jovem disse: "Primeiro, agora sei o que é dar valor.
     Sem a minha mãe, não haveria  eu, com sucesso hoje. Segundo, ao trabalhar e ajudar a minha mãe, só agora percebi a dificuldade e dureza que é ter algo pronto. Em terceiro, agora aprecio a importância e valor de uma relação familiar.” O diretor disse, "Isto é o que eu procuro para um gerente. Eu quero recrutar alguém que saiba apreciar a ajuda dos outros, uma pessoa que conheça o sofrimento dos outros para terem as coisas feitas, e uma pessoa que não coloque o dinheiro como o seu único objetivo na vida. Estás contratado.” Mais tarde, este jovem trabalhou arduamente e recebeu o respeito dos seus subordinados. Todos os empregados trabalhavam diligentemente e como equipe. O desempenho da empresa melhorou tremendamente.
     Uma criança que foi protegida e teve habitualmente tudo o que quis, vai desenvolver- se mentalmente e vai sempre colocar-se em primeiro. Vai ignorar os esforços dos seus pais,e quando começar a trabalhar, vai assumir que toda a gente o deve ouvir e quando se tornar gerente, nunca vai saber o sofrimento dos seus empregados e vai sempre culpar os outros. Para este tipo de pessoas, que podem ser boas academicamente, podem ser bem sucedidas por um bocado, mas eventualmente não vão sentir a sensação de objetivo atingido. Vão resmungar, estar cheios de ódio e lutar por mais. Se somos esse tipo de pais, estamos realmente a mostrar amor ou estamos a destruir o nosso filho? Pode deixar o seu filho viver numa grande casa, comer boas refeições, aprender piano e ver televisão num grande plasma. Mas quando cortar a grama, por favor, deixe-o experienciar isso. Depois da refeição, deixe-o lavar o seu prato juntamente com os seus irmãos e irmãs. Deixe-o guardar seus brinquedos e arrumar sua própria cama. Isto não é porque não tem dinheiro para contratar uma empregada, mas porque o quer amar como deve de ser. Quer que ele entenda que não
     interessa o quão ricos os seus pais são, um dia ele vai envelhecer, tal como a mãe daquele jovem. A coisa mais importante que os seus filhos devem entender é a apreciar o esforço e a experiência da dificuldade e aprendizagem da habilidade de trabalhar com os outros para fazer as coisas. Quais são as pessoas que ficaram com mãos enrugadas por ti?
     Eu não passo meus dias reclamando do meu trabalho e do que tenho pois minha mãe também me fazia lavar a louça e arrumar minhas coisas..... OBRIGADO !!!
     "Não dê o peixe... ensine a pescar".


    _______________________________________

    A família


    Os espíritos se ajudam uns aos outros para conseguirem a perfeição.

    Para que possamos ajudar-nos uns aos outros é que constituímos uma família e temos nosso lar.

    Os membros de uma família têm o sagrado dever de se ajudarem uns aos outros, porque vieram do mundo espiritual para progredirem juntos.

    O lar é uma oficina de trabalhos, de estudo, de aperfeiçoamento e de auxílios mútuos.

    Os pais receberam a santa missão de auxiliarem o adiantamento dos espíritos que Deus lhes confiou.
    Assim sendo, os pais são os orientadores dos filhos. É dever dos pais educá-los, corrigir-lhes os defeitos e ensinar-lhes o amor a Deus e ao próximo.

    Os pais devem fazer de seus filhos verdadeiras pessoas de bem.

    Entre os irmãos é preciso haver o amor fraterno.

    Amor fraterno é a estima que os irmãos se consagram.

    Amor fraterno é a solidariedade que liga os irmãos e faz com que todos estejam unidos quer nos momentos de alegria, quer nos momentos de tristeza; na prosperidade e na adversidade.

    Amor fraterno é o trabalho em comum para a realização do adiantamento de todos. Assim, os irmãos melhor aquinhoados ou pela fortuna ou pela inteligência, são os indicados para ajudarem os pais tratarem da família.

    Amor fraterno é a tolerância que os irmãos devem manter entre si, nunca se criticando, mas sim corrigindo os maus atos uns dos outros, de acordo com os ensinamentos de Jesus.

    Uma família harmoniosa é a família cujos membros vivem de comum acordo praticando o bem.

    ___________________________________

    Bem Aventurados os Idosos
     


    Uma oração, poema, pensamento, testamento ou reflexão, seja o que você queira chamar esse texto vale a pena parar e pensarmos, pois um dia chegaremos lá...
    Bem aventurados os que me olham com simpatia
    Bem aventurados os que compreendem meu lento caminhar
    Bem aventurados os que falam em voz alta para diminuir minha surdez
    Bem aventurados os que apertam com calor minhas mãos trêmulas
    Bem aventurados os que notam que meus olhos já estão nublados e minhas reações lentas
    Bem aventurados os que sabem disfarçar ao verem que derramei a xícara de café sobre a mesa
    Bem aventurados os que se interessam pela minha longínqua juventude
    Bem aventurados os que não se cansam de ouvir as minhas histórias, que frequentemente repito
    Bem aventurados os que compreendem minha necessidade de carinho
    Bem aventurados os que me fazem compreender que sou amado e que não estou abandonado nem sozinho
    Bem aventurados os que me presenteiam parte do seu tempo
    Bem aventurados os que percebem a minha solidão
    Bem aventurados os que me acompanham no meu sofrimento
    Bem aventurados os que entendem que me custa muito encontrar forças para levar minha cruz
    Bem aventurados os que alegram os dias da minha vida
    Bem aventurados os que me acompanharem e facilitarem a passagem final à pátria celeste com amabilidade e compreensão quando entrar na vida sem fim lembrar-me-ei deles diante do senhor JESUS.

    ______________________________



    Calamidades e Provações  

    O homem desejou recursos para mai   facilmente abrir estradas e a Divina Providência lhe suscitou a idéia de reunir areia e nitroglicerina, em cuja conjugação despontou a dinamite.  
    A comunidade beneficiou-se da descoberta, no entanto, certa facção organizou com ela a bomba destruidora de existências humanas.  
    O homem pediu veículos que lhe fizessem vencer o espaço, ganhando tempo, e o amparo Divino ofereceu-lhe os pensamentos necessários à construção das modernas máquinas de condução e transporte.  
    Essas bênçãos carrearam progresso e renovação para todos os setores das aquisições planetárias, entretanto, apareceram aqueles que desrespeitam as leis do trânsito, criando processos dolorosos de sofrimento e agravando débitos e resgates, nos princípios de causa e efeito.  
    O homem solicitou apoio contra a solidão psicológica e a Eterna Bondade, através da ciência, lhe concedeu o telégrafo, o rádio e o televisor, aproximando as coletividades e integrando no mesmo clima de aperfeiçoamento e cultura.  
    Apesar disso, junto desses nobres empreendimentos, surgiram aqueles que se valem de tão altos instrumentos de comunicação e solidariedade para a disseminação da discórdia e da guerra.  
    O homem rogou medidas contra a dor e a Compaixão Divina lhe enviou os anestésicos, favorecendo-lhe o tratamento e o reequilíbro no campo orgânico.  
    Ao lado dessas concessões, porém, não faltam aqueles que transformam os medicamentos da paz e da misericórdia em tóxicos de deserção e delinqüência.  
    O homem pediu a desintegração atômica, no intuito de senhorear mais força, a fim de comandar o progresso, e a desintegração atômica está no mundo, ignorando-se que preço pagará o Orbe Terrestre, até que essa conquista seja respeitada fora de qualquer apelo à destruição.  
    Como é fácil de observar, Deus concede sempre ao homem as possibilidades e vantagens que a Inteligência Humana resolve requisitar à Sabedoria Divina. Por isso mesmo, as calamidades que surjam nos caminhos da evolução no mundo, não ocorrem obviamente, sob a responsabilidade de Deus.    
     (Emmanuel  - Francisco Cândido Xavier)

    _________________________________

     
    VOCÊ E A REENCARNAÇÃO

    A reencarnação é o retorno da alma à Terra, repetidas vezes, no corpo humano. Somente essa doutrina explica a aparentes injustiças da vida. É a verdade eterna.  
    Na sucessão dos nascimentos, o homem adquire experiência e conhecimento acerca de si mesmo e do seu destino. Pela reencarnação aprende-se que “o homem colhe aquilo que semeia”. 
    Toda vida é eterna. A lei da justiça é infalível. Não há um pensamento, uma palavra ou uma ação que não tenha o seu eco. Para possuir, dê. Você tem de saber disso. O homem cria as causas e a lei cármica ajusta os efeitos. Você tem liberdade de escolher entre o bem e o mal.  
    Portanto, o melhor esforço está no aperfeiçoamento próprio. É isso que importa, afinal de contas? A instrução é o tesouro da alma. Mas, que aproveita ao homem possuir um tesouro e não usá-lo em boas ações? 
    O desenvolvimento da nossa acuidade espiritual faz brilhar a luz dentro de nós. Não basta ao homem espiritualizar-se. Ele deve aplicar e demonstrar a sua espiritualização. Viver é dar. 
    Deus enviou-nos, a cada um de nós, para ser um trabalhador do Seu Reino. O fruto da cultura é semeado em obras para a generosidade de Deus no mundo. De outro lado, o conhecimento é como a semente; a que cai no coração aberto, produz o fruto da perfeição. 
    Se a nossa fé em Deus for suprema, Deus retribui na mesma medida. 
    A justiça o exige e, assim, o entendemos. Destinamo-nos à felicidade aqui ou além se, acima de tudo, proporcionarmos felicidade ao nosso semelhante.  
    Essa é a lei de causa e efeito – renascimento. 
    De que serve o conhecimento inativo? 
    Dê amor à Humanidade e Você receberá amor, em todas as suas manifestações.  
    Todo ser humano é rodeado de oportunidades sem fim e de infinitas possibilidades. A lei cármica retribui a você do modo como você a recebe.  
    Procure conhecer-se e praticar as boas ações sempre. 

    Experimente.    
     ( Emmanuel, Francisco C. Xavier e Waldo Vieira)

     

    ______________________________________________________

     

    “ Abençoemos aqueles que se preocupam conosco, que nos amam, que nos atendem as necessidades... Valorizemos o amigo que nos socorre, que se interessa por nós, que nos escreve, que nos telefona para saber como estamos indo... A amizade é uma dádiva de Deus... Mais tarde, haveremos de sentir falta daqueles que não nos deixam experimentar a solidão!

    A caridade é um exercício espiritual... Quem pratica o bem, coloca em movimento as forças da alma. Quando os espíritos nos recomendam, com insistência a prática da caridade, eles estão nos orientando no sentido de nossa própria evolução; não se trata apenas de uma indicação ética, mas de profundo significado filosófico...”

    Chico Xavier   
    ______________________________

    T
    rês Conclusões  
    O tempo concedido ao Espírito para uma reencarnação, por mais longo é sempre curto, comparando ao serviço que somos chamados a realizar. Importante, assim, o aproveitamento das horas.  
    Meditemos no gasto excessivo de forças em que nos empenhamos levianamente no trato com assuntos da repartição de outrem. 
    Quantos milhares de minutos e de frases esbanjamos por década, sem a mínima utilidade, ventilando temas e questões que não nos dizem respeito? 
    Para conjurar essa perda inútil, reflitamos em três conclusões de interesse fundamental. 
    O que os outros pensam: 
    Aquilo que os outros pensam é idéia deles. Não podemos usufruir-lhes a cabeça para imprimir-lhes as interpretações que são capazes diante da vida. 
    Um indígena e um físico contemplam a luz, mantendo conceitos absolutamente antagônicos entre si. 
    Acontece o mesmo na vida moral. Precisamos nutrir o cérebro de pensamentos limpos, mas não está em nosso poder exigir que os semelhantes pensem como nós. 
    O que os outros falam: 
    A palavra dos amigos e adversários, dos conhecidos e desconhecidos, é criação verbal que lhes pertence.
    Expressam-se como podem e comentam as ocorrências do dia-a-dia com os sentimentos dignos ou menos dignos de que são portadores. 
    Efetivamente, é dever nosso cultivar a conversação criteriosa; contudo, não dispomos de meios para interferir na manifestação pessoal dos entes que nos cercam, por mais caros nos sejam. 
    O que os outros fazem: 
    A atividade dos nossos irmãos é fruto de escolha e resolução que lhes cabe. 
    Sabemos que a Sabedoria Divina não nos criou para cópias uns dos outros. Cada consciência é domínio à parte. 
    As criaturas que nos rodeiam decerto que agem com excelentes intenções, nessa ou naquela esfera de trabalho, e, se ainda não conseguem compreender o mérito da sinceridade e do serviço ao próximo, isso é problema que lhes compete e não a nós. 
    Fácil deduzir que não podemos fugir da ação nobilitante, em benefício de nós mesmos, mas não nos compete impor nas decisões alheias, que o próprio Criador deixa livres. 
    à vista disso, cooperemos com os outros e recebamos dos outros o auxílio de que carecemos, acatando a todos, mas sem perder tempo com o que possam pensar, falar e fazer. 
    Em suma, respeito para os outros é obrigação para nós.  
    André Luiz/Francisco Cândido Xavier

    _____________________________________________________

     

     “ Os Espíritos Amigos sempre mostram disposição de nos auxiliar, mas é preciso que, pelo menos, lhes ofereçamos uma base... Muitos ficam na expectativa do socorro do Alto, mas não querem nada com o esforço de renovação; querem que os espíritos se intrometam na sua vida e resolvam seus problemas...  Ora, nem Jesus Cristo, quando veio à Terra, se propôs resolver o problema particular de alguém... Ele se limitou a nos ensinar o caminho, que necessitamos palmilhar por nós mesmos.”•  Chico Xavier


    ____________________________________

    Quanto mais...  

    Abençoe sempre as suas dificuldades e não as lastime, considerando que Deus nos concede sempre o melhor e o melhor temos obtido constantemente com a possibilidade de sermos mais úteis.  
    Quanto mais auxiliamos aos outros, mais amplo auxílio receberemos da Vida Mais Alta.  
    Quanto mais tolerarmos os contratempos do mundo, mais amparados seremos nas emergências da vida, em que permanecemos buscando paz e progresso, elevação e luz.  
    Quanto mais liberdade concedermos aos vossos entes amados, permitindo que eles vivam a existência que escolheram, mais livres estareis para obedecer a Jesus, construindo a nossa própria felicidade. 
    Quanto mais compreendermos os que vos partilham os caminhos humanos, mais respeitados nos encontraremos, de vez que, quanto mais doarmos do que somos em benefício alheio, mais ampla cobertura de amparo do Senhor assegurará a tranquilidade em nossos passos. 
    Continuemos buscando Jesus em todos os irmãos da Terra, mas especialmente naqueles que sofrem problemas e dificuldades maiores que os nossos obstáculos, socorrendo e servindo e sempre mais felizes nos encontraremos sob as bênçãos dele, nosso Mestre e Senhor. 
    Bezerra de Menezes / Francisco Cândido Xavier


    _____________________________________

    A Casa Humanitária Dr. Albert Schweitzer, em nome das crianças que aqui vivem, e, daqueles que dela dependem, vem agradecer a todos pela ajuda que nos foi fornecida por todos esses anos.
    Mas para que o nosso processo de amor e caridade possa dar continuidade, é necessário que todos nós estejamos imbuídos em prol do bem e ajuda ao próximo, aos mais necessitados, então para tal, já estamos pedindo a colaboração para abril de 2016, informando aos sócios e aos que  continuam nos ajudando, que a escola, a creche continuarão no seu ritmo normal,  por isso faz-se necessário que todos continuem contribuindo.

    Para o mês de abril de 2016, estamos precisando:

    Alimentos:

    Óleo, sal, massa de tomate, caldo knor, leite, leite em pó, salsicha, ovos,  carne seca, tomate, cebola, alho, frutas, legumes, biscoitos, achocolatados, farinha para mingau, gelatina.

    Material de limpeza:

    Cloro, desinfetante, saco de lixo,  bom-bril, sabão em pó,  esponja de pia, pano de chão, lisoform, álcool 70º.

  • Higienização para as crianças:
    Fraldas descartáveis tamanhos M e G, para crianças de 01 a 02 anos, sabonete infantil e preventivo, creme dental infantil, escova dentária infantil, lenços umedecidos, creme para assaduras.

  • Material educativo para crianças de 1 a 4 anos

  • Cartolina, chamequinho, lápis de cor, lápis de cera, massinhas...

    ____________________________


     

    A Alma do Mundo

    (Chico Xavier)

    Quando você conseguir superar graves problemas de relacionamentos, não se detenha na lembrança dos momentos difíceis, mas na alegria de haver atravessado mais essa prova em sua vida.

    Quando sair de um longo tratamento de saúde, não pense no sofrimento

    que foi necessário enfrentar, mas na benção de Deus que permitiu a cura. 

    Leve na sua memória, para o resto da vida, as coisas boas que surgiram nas dificuldades.

    Elas serão uma prova de sua capacidade, e lhe darão confiança diante de qualquer obstáculo.

    Uns queriam um emprego melhor; outros, só um emprego.

    Uns queriam uma refeição mais farta; outros, só uma refeição.

    Uns queriam uma vida mais amena; outros, apenas viver.

    Uns queriam pais mais esclarecidos; outros, ter pais.

    Uns queriam ter olhos claros; outros, enxergar. 
                            

    Uns queriam ter voz bonita; outros, falar.

    Uns queriam silêncio; outros, ouvir.

    Uns queriam sapato novo; outros, ter pés.

    Uns queriam um carro; outros, andar.

    Uns queriam o supérfluo; outros, apenas o necessário.

    Há dois tipos de sabedoria: a inferior e a superior.

    A sabedoria inferior é dada pelo quanto uma pessoa sabe e a superior é dada pelo quanto ela tem consciência de que não sabe.

    Tenha a sabedoria superior. Seja um eterno aprendiz na escola da vida.

    A sabedoria superior tolera, a inferior julga; a superior alivia, a inferior culpa; a superior perdoa, a inferior condena. Tem coisas que o coração só fala para quem sabe escutar!                          

    Chico Xavier, um homem simples e ao mesmo tempo admirável! Um enigma!

    PRECE A CHICO XAVIER

    Que Deus não permita que eu perca o ROMANTISMO, 
    mesmo eu sabendo que as rosas não falam.
    Que eu não perca o OTIMISMO, 
    mesmo sabendo que o futuro que nos espera não é
    assim tão alegre.
    Que eu não perca a VONTADE DE VIVER, 
    mesmo sabendo que a vida é, em muitos momentos,
    dolorosa...
     Que eu não perca a vontade de TER GRANDES AMIGOS, mesmo sabendo que, com as voltas do mundo, eles acabam indo embora de nossas vidas...
     Que eu não perca a vontade de AJUDAR AS PESSOAS, mesmo sabendo que muitas delas são incapazes de ver, reconhecer e retribuir esta ajuda. 
    Que eu não perca o EQUILÍBRIO, mesmo sabendo que inúmeras forças querem que eu caia. 
    Que eu não perca a VONTADE DE AMAR, mesmo sabendo que a pessoa que eu mais amo, pode não sentir o mesmo sentimento por mim...
    Que eu não perca a LUZ e o BRILHO NO OLHAR, mesmo sabendo que muitas coisas que verei no mundo, escurecerão meus olhos...

    Que eu não perca a GARRA, mesmo sabendo que a derrota e a perda são dois adversários extremamente perigosos.
    Que eu não perca a RAZÃO, mesmo sabendo que as tentações da vida são inúmeras e deliciosas.
    Que eu não perca o SENTIMENTO DE JUSTIÇA, mesmo sabendo que o prejudicado possa ser eu.
    Que eu não perca o meu FORTE ABRAÇO, mesmo sabendo que um dia meus braços estarão
    fracos...
    Que eu não perca a BELEZA E A ALEGRIA DE VER,  mesmo sabendo que muitas lágrimas brotarão dos meus olhos e escorrerão por minha alma...
    Que eu não perca o AMOR POR MINHA FAMÍLIA, mesmo sabendo que ela muitas vezes me exigiria esforços incríveis para manter a sua harmonia.
    Que eu não perca a vontade de DOAR ESTE ENORME AMOR que existe em meu coração, 
    mesmo sabendo que muitas vezes ele será submetido e até rejeitado.
    Que eu não perca a vontade de SER GRANDE, mesmo sabendo que o mundo é pequeno...
    E acima de tudo...
    Que eu jamais me esqueça que Deus me ama infinitamente, que um pequeno grão de alegria e esperança dentro de cada um é capaz de mudar e transformar qualquer coisa, pois....
    A VIDA É CONSTRUÍDA NOS SONHOS E CONCRETIZADA NO AMOR!
     

    Chico Xavier

     

    Um homem que viveu como exemplo real de tudo aquilo Que transmitiu em suas mensagens!!!

    "Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim"!

    02 de abril de 1910 - 30 junho de 2002

    ________________________




    Os agentes das trevas coaguladas são semeadores de escuridão e de dor.
    Sempre agem na calada das intenções escusas e dos remorços e medos.
    Eles são exploradores dos homens! Acham brechas psíquicas e entram fundo.
    Alimentam-se de energias e fomentam confusões diversas, de maneiras soturnas.
    E quem lhes fornece o acesso psíquico é o próprio homem, com suas falhas.
    Urge que os trabalhadores e estudantes espirituais se conscientizem disso.
    Que orem e vigiem, não por medo, mas por honra; por lucidez; por paz de espírito.

    ___________________________


    O que os homens acumulam nos lixões? Apenas os restos de sua mesa? É claro que não. Neles, muitas vezes, está o retrato do desperdício, da indiferença e da cultura medíocre do ser humano! Em muitos países, o que vai para o lixo daria para matar a fome dos que morrem de fome no mundo!

    _____________________



    Casa Humanitária Dr. Albert Schweitzer
    Venha nos fazer uma visita.
    Rua dos Macacos S/N - Unamar - Cabo Frio - RJ
    Site: www.casahumanitaria.com

    E.mail: casahumanitaria@casahumanitaria.co

  •  






























     

      Site Map